Governo do estado de
Pernambuco

Blog

Ferramenta vai integrar e informatizar forças policiais, agilizando o compartilhamento de informações em tempo real

Durante reunião de monitoramento do Pacto Pela Vida, na manhã desta quarta-feira (08.09), o governador Paulo Câmara lançou o Boletim Integrado de Defesa Social (Bids), que vai informatizar e integrar o trabalho cotidiano das forças de segurança, realizando especialmente a interface entre as polícias Civil e Militar, desde o chamado via 190 até os procedimentos de polícia judiciária. O novo sistema permitirá o acompanhamento de forma mais dinâmica e em tempo real das manchas criminais, otimizando o planejamento operacional. Ao eliminar o preenchimento manual de formulários de papel, e o retrabalho na transmissão de uma ocorrência entre as polícias, a plataforma possibilita o aumento da produtividade.

"Ter uma política de segurança pública cada vez mais antenada e atenta às tecnologias possíveis é fundamental e necessário para dar mais agilidade aos boletins de ocorrência, disponibilizando outras informações que são utilizadas no processo. Agora será tudo eletrônico. Vamos ganhar tempo, tanto na questão da ocorrência em si, mas também ajudar nas investigações, na autoria e no desenrolar dos fatos, para que a elucidação de qualquer caso seja feita dentro de prazos razoáveis no âmbito da segurança pública de Pernambuco", destacou Paulo Câmara.

O novo sistema foi desenvolvido ao longo de dois anos sob a coordenação da Gerência de Tecnologia da Informação (GTI) da Secretaria de Defesa Social (SDS) e já está sendo utilizado como projeto piloto em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife. "O sucesso do projeto piloto é que permitiu esse lançamento em escala geral para todo o Estado. As fases de implementação seguem nos próximos meses, até que tenhamos todas as equipes da polícia militar lavrando o Boletim de Ocorrência de forma integrada e digital, para que a gente acabe com o papel e otimize o trabalho da polícia" ressaltou o secretário de Defesa Social, Humberto Freire.

O Bids traz ainda alguns recursos tecnológicos que facilitam o dia a dia do policial, como georreferenciamento para preenchimento de informações básicas de endereço; a inserção de imagens de objetos apreendidos, como armas e entorpecentes; e a possibilidade de ditar informações, transformadas automaticamente em texto. Finalizado o preenchimento, é gerado um relatório virtual, que poderá ser compartilhado via aplicativos de troca de mensagens. “Agora, o policial terá mais um instrumento de trabalho, o celular, que é tão importante quanto qualquer outro armamento para fazer o trabalho ostensivo. Isso vai ser feito em aparelhos funcionais, com acesso à internet, já disponibilizados em suas respectivas unidades operacionais”, complementa o gerente de Tecnologia da Informação da SDS, coronel Policarpo de Freitas.

IMPLANTAÇÃO - Na fase de teste, o Bids foi implantado na Área Integrada de Segurança (AIS)  - 6, que funciona na Estrada da Batalha, Prazeres, e recobre o município de Jaboatão dos Guararapes. Nessa AIS, as sedes do 6º Batalhão da Polícia Militar e da 6ª Desec - Delegacia Seccional da Polícia Civil estão juntas, facilitando o desenvolvimento da ferramenta. No projeto-piloto, foi constatado que o novo boletim possibilitou um ganho de 40 a 50 minutos no retorno das viaturas da PMPE para as ruas. Atualmente, multiplicadores de dez unidades da capital estão sendo treinados para começarem a operar dentro do Bids. A previsão é que, até o final do ano, 90% de todas as 51 unidades operacionais já tenham sido treinadas. Já estão sendo instruídos o 11º, 12º, 13º, 16º e 19º batalhões de área, além de cinco unidades do Diresp (BPChoque, BPRp, RPMon, CIPMoto e CIATur).

Durante a reunião de monitoramento, também foram analisados os números do último mês. O detalhamento e os recortes dos dados criminais serão divulgados no próximo dia 15.  A reunião do Pacto pela Vida contou ainda com a presença dos secretários Alexandre Rebêlo (Planejamento e Gestão), Cloves Benevides (Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas); Pedro Eurico (Justiça e Direitos Humanos), Ana Elisa Sobreira (Mulher), o chefe da Casa Militar do Estado, coronel PM Carlos José; o secretário-executivo de Defesa Social, Rinaldo de Souza; além dos comandantes gerais da Polícia Militar de Pernambuco, coronel José Roberto de Santana, e do Corpo de Bombeiros, Rogério Coutinho; e o chefe da Polícia Civil, Nehemias Falcão.

A Secretaria de Defesa Social de Pernambuco, em uma ação integrada envolvendo as polícias Civil e Militar, realizou o 4º Mutirão Alerta Celular: Seu Aparelho de Volta. As entregas foram feitas de forma descentralizada para evitar aglomerações. Desta vez, houve a devolução total de 489 celulares subtraídos pelos criminosos e apreendidos entre o segundo semestre de 2020 e o primeiro de 2021. As 50 primeiras entregas ocorreram na Sede Operacional da Polícia Civil (Prédio Azul), seguindo protocolos sanitários. Os demais celulares foram devolvidos em delegacias seccionais e circunscricionais da Capital e RMR. Também houve, na sede operacional da PCPE, a premiação de unidades policiais com melhor desempenho na identificação e captura de celulares subtraídos de seus verdadeiros donos.

No local, foi montado um cartório com a presença de escrivães e delegados para complementar as informações dos boletins de ocorrência. Os 489 donos dos celulares receberam uma intimação com as informações de como será a retirada dos aparelhos. Essas pessoas haviam registrado o número do IMEI dos seus celulares no programa da SDS e no boletim de ocorrência (BO) sobre o roubo ou furto sofrido. O mutirão é um esforço concentrado para agilizar a devolução dos aparelhos recuperados.

QUEDA NOS CRIMES PATRIMONIAIS - Com a implantação do programa e de ações integradas de prevenção e repressão aos crimes contra o patrimônio, Pernambuco tem conseguido reduzir significativamente os roubos desses aparelhos. Em 2017, quando foi lançado o Programa, foram registrados 40.312 crimes deste tipo; em 2018, foram contabilizados 36.352; em 2019, tiveram 31.418 boletins de ocorrência deste tipo de crime; e, em 2020, esse número caiu para 24.194 roubos de celulares. De janeiro a julho deste ano, as estatísticas contabilizam 16.830 registros de roubos desses equipamentos. Desde o lançamento do Alerta, em março de 2017, já foram recuperados 37.031 aparelhos pelas forças de segurança do Estado.

DESTAQUES ALERTA CELULAR – No segundo semestre de 2020 e no primeiro semestre de 2021, órgãos de segurança destacaram-se, na avaliação de todo o território de Pernambuco, em apreensão de celulares das mãos de criminosos e receptadores. Pela Polícia Civil, ficaram no topo as Delegacias de Casa Amarela e de Salgueiro. Pela Polícia Militar, lideraram o ranking o 16º Batalhão, com sede no bairro de São José, e o Batalhão de Choque, localizado na Madalena. As delegacias e os batalhões das respectivas unidades serão agraciados com o prêmio “Destaque Alerta Celular”, como forma de incentivar as consultas e procedimentos operacionais que possibilitem a criminalização de receptadores, praticantes de roubos e furtos, além da restituição dos bens.

O programa é uma ferramenta importante para combater e inibir a impunidade, com a prisão dos criminosos. Por isso, é importante que os cidadãos façam o cadastro online pelo site da SDS (www.sds.pe.gov.br). Ao inserir os dados pessoais e o número do IMEI do celular corretamente, o proprietário do aparelho permite que, em caso de ser vítima de roubo ou furto, as polícias possam encontrar o item subtraído. Nas abordagens a suspeitos, os policiais verificam se o IMEI dos celulares encontrados corresponde a algum aparelho cadastrado no sistema, e se há queixa de furto ou roubo.

CANAL DE ORIENTAÇÃO - Para fortalecer ainda mais o programa, a SDS possui o SAC Alerta Celular, para que a população possa tirar dúvidas sobre o sistema e concluir o cadastro. O canal funcionará de segunda a sexta, no horário comercial das 8h às 17h, pelo telefone (81) 9.8494.3219. Atualmente, o programa possui, em seu banco de dados, 570.226 telefones cadastrados. A Operação Alerta Celular também está nas ruas, nos finais de semana, fazendo a divulgação do programa em stands montados em pontos turísticos do Estado.

COMO SABER O IMEI E REALIZAR CADASTRO - Essa sequência numérica de 15 dígitos é facilmente verificada tanto na caixa do aparelho como na nota fiscal. Há também uma forma rápida de obtê-la: basta digitar *#06# no próprio celular e o IMEI aparecerá na tela. Depois, é só anotar e realizar o cadastro no programa Alerta Celular, para que em caso de roubo ou furto facilite a recuperação do telefone pelas forças de segurança pública. Basta acessar www.sds.pe.gov.br e clicar no banner do Alerta Celular, que está logo na página inicial. É importante preencher o formulário online com os dados corretos, pois assim os policiais podem entrar em contato quando encontrarem o celular.

 Veículos vão reforçar atuação do CBMPE no combate a incêndios na Região Metropolitana do Recife e na Mata Sul

O governador Paulo Câmara entregou, nesta terça-feira (31.08), em solenidade no Palácio do Campo das Princesas, cinco viaturas de combate a incêndio, do modelo Auto Bomba Tanque e Salvamento, que serão destinadas ao Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco (CBMPE). O investimento total para aquisição desses veículos foi de R$ 3,1 milhões. Os recursos tiveram origem em emendas parlamentares apresentadas pela bancada federal de Pernambuco.

“Agradecemos aos parlamentares pelas emendas de bancada que permitiram essas aquisições. Com isso, estamos mais estruturados visando, efetivamente, ter bombeiros militares de prontidão para qualquer ocorrência e sempre bem equipados para poder salvar vidas dos pernambucanos”, enfatizou Paulo Câmara.

Das cinco viaturas entregues, quatro serão utilizadas na Região Metropolitana do Recife (RMR) e uma na Mata Sul do Estado. Os veículos contam com uma bomba para recalque de água, mangueiras, esguichos e diversos equipamentos para primeiros socorros e salvamentos. “As aquisições de equipamentos modernos para todo o efetivo da segurança pública de Pernambuco têm sido priorizadas, para que os homens e mulheres que compõem as forças continuem a prestar esse serviço diuturnamente e com muita qualidade”, reforçou o secretário de Defesa Social de Pernambuco, Humberto Freire.

De acordo com o comandante geral do CBMPE, coronel Rogério Coutinho, as novas viaturas representam um reforço importante na cobertura operacional. “O Corpo de Bombeiros atua em mais de 35 municípios do Estado, além do arquipélago de Fernando de Noronha. As cinco viaturas vão se juntar às mais de 40 que nós já temos, para que seja prestado o melhor serviço a toda a sociedade pernambucana”, concluiu.

A partir do próximo sábado (04/09), com o início da Operação Verão 2021, a Polícia Militar de Pernambuco está reforçando o efetivo nas ruas em 2.500 postos de trabalho, incrementando o efetivo ordinário dos batalhões de área e unidades especializadas. O aumento de policiamento visa dar mais segurança a moradores, trabalhadores turistas de cidades do Litoral Norte ao Litoral Sul, recobrindo bairros de grande fluxo da RMR, a exemplo de Boa Viagem, Pina, Piedade, Candeias, Casa Caiada, Rio Doce e outros. Municípios banhados pelo Rio São Francisco, a exemplo de Petrolina, também serão beneficiados com efetivo extraordinário. Para o custeio de diárias, o Governo do Estado está destinando mais de R$ 500 mil.

O objetivo do incremento é fortalecer a prevenção e repressão aos crimes patrimoniais, a exemplo dos roubos e furtos de naturezas diversas. “No mês de setembro, com a chegada do verão e flexibilização das atividades econômicas e de lazer, há um aumento da movimentação nas ruas, nos bairros costeiros e periféricos da Capital e RMR, em praticamente grande parte dos 187 quilômetros do nosso Litoral, desde São José da Coroa Grande, na divisa com Alagoas, até Goiana, no limite com a Paraíba. E há pessoas de má fé querendo se aproveitar desse momento, o que não vamos permitir. Empregaremos policiamento a pé, montado, sobre duas rodas, rondas em viaturas e outras modalidades, de modo a dar segurança efetiva e também a sensação de tranquilidade para a população”, explicou o diretor adjunto de Planejamento Operacional da PMPE, coronel Alexandre Tavares.

Dados preliminares da SDS referentes ao mês de julho, divulgados durante reunião do Pacto Pela Vida, indicam redução de 19% em relação ao mesmo mês de 2020. No encontro, governador anunciou a formação de novas turmas de oficiais em 2022 

Pelo sétimo mês consecutivo, o índice de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) sofreu redução em Pernambuco. Dados preliminares apontam que julho de 2021 terminou com 19% a menos de homicídios em relação ao mesmo mês de 2020. No acumulado dos sete meses deste ano, em confrontação com o mesmo período de 2020, a retração foi de aproximadamente 15%. As informações foram divulgadas nesta quarta-feira (04.08), durante reunião do Pacto Pela Vida comandada pelo governador Paulo Câmara, que também anunciou o início de novas turmas de oficiais da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar.

De acordo com o governador, serão duas turmas, uma que formará 60 oficiais da PMPE e outra que contará com 20 oficiais do CBMPE. “Tivemos a oportunidade de em junho e agosto iniciar formações de praças da Polícia Militar e dos Bombeiros Militares, além de oficiais da Polícia Militar, Bombeiros, delegados e Polícia Científica. Muita gente está sendo formada, e já autorizamos novas turmas. A partir de janeiro de 2022, vamos iniciar uma nova turma de 60 oficiais da Polícia Militar e outra com 20 Bombeiros Militares”, destacou Paulo Câmara.

Em relação aos dados preliminares da Secretaria de Defesa Social, o governador ressaltou que o Estado está cumprindo uma meta ambiciosa. “Temos um ano com a menor taxa de mortalidade da história do Pacto Pela Vida. O trabalho está muito focado e os resultados mostram que estamos no caminho certo”, justificou.

Seguindo a curva descendente, os Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVPs) também apresentaram queda. Na comparação com julho do ano passado, foram 7% a menos de roubos. Mesmo índice registrado no confronto dos sete meses de 2021 com igual período de 2020. As estatísticas consolidadas dos crimes contra a vida e contra o patrimônio serão divulgadas pela Secretaria de Defesa Social do Estado no próximo dia 16 de agosto.

“O trabalho das forças de segurança, da prevenção e repressão ao crime segue de forma intensa, e nossa meta não é numérica. Queremos proteger cada vez mais a sociedade da violência, em suas diversas modalidades. Já iniciamos, nas últimas semanas, a formação de 1.085 novos profissionais para serem incorporados às polícias e Corpo de Bombeiros para reforçar, em 2022, uma série de ações que já estão apresentando resultados este ano”, afirmou o secretário de Defesa Social, Humberto Freire.