Governo do estado de
Pernambuco

Blog

Neste ano, o BDE beneficiará 876 escolas e mais de 32 mil servidores. Paulo Câmara também anunciou concurso público para 3,5 mil novas vagas na educação e lançou programa para reduzir a evasão escolar

Com o objetivo de fortalecer a educação em Pernambuco, o governador Paulo Câmara fez uma série de anúncios nesta quarta-feira (13.10), em solenidade no Palácio do Campo das Princesas. Entre as ações estão o pagamento do Bônus de Desempenho Educacional (BDE) 2021, que visa premiar servidores lotados e em exercício nas unidades escolares e nas 16 Gerências Regionais de Educação (GREs) por desempenho no processo educacional e cumprimento de metas e condições estabelecidas. Neste ano, o valor do BDE é superior a R$ 71,5 milhões, contemplando 876 escolas da rede estadual e impactando mais de 32 mil servidores.

O montante é o maior já pago em qualquer edição do BDE e vai acarretar uma distribuição média de R$ 2.214,64 por profissional, que deve ser pago nesta sexta-feira (15.10), Dia do Professor. O valor total deste ano representa um aumento de mais de 200% em comparação com o de 2020, que foi de R$ 21,7 milhões e contemplou 635 unidades de ensino e mais de 24 mil servidores. “Nunca houve um valor dessa magnitude, e isso é reflexo de planejamento e da certeza de que temos que retribuir todo esse esforço que a rede de educação de Pernambuco tem feito nos últimos anos. Principalmente durante a pandemia”, pontuou Paulo Câmara.

No mesmo evento, o governador anunciou a realização de concurso público, para contratar 3.500 novos servidores para a Secretaria de Educação e Esportes. O certame vai ofertar vagas para professores de todas as disciplinas da Educação Básica, Educação Profissional, Educação Especial e para o Conservatório Pernambucano de Música, além de vagas para analistas em gestão educacional. O edital com o cronograma e demais informações será divulgado em breve.

De acordo com Paulo Câmara, todas as áreas da educação terão o quadro renovado com o concurso, o maior já anunciado na educação de Pernambuco. “O lançamento foi autorizado e agora vamos selecionar a instituição organizadora. Temos como meta até o final do ano lançar o edital para que, em 2022, possamos ter condições de ter novos profissionais atuando na nossa rede”, esclareceu.

NOVO PROGRAMA – O governador lançou ainda o Programa Monitoria PE, voltado para diminuir a evasão escolar. A iniciativa se divide em Monitoria de Busca Ativa e Monitoria de Aprendizagem. O primeiro tem investimento de R$ 568 mil, e visa resgatar os estudantes que, dentro do contexto da pandemia, se afastaram do ambiente escolar. Entre os critérios exigidos está à disponibilidade para jornada de 20h semanais e, preferencialmente, ser egresso da rede estadual. Neste caso, os monitores receberão uma bolsa de R$ 800.

Já o Programa Monitoria Aprendizagem tem um investimento de mais de R$ 4 milhões apenas neste ano, com objetivo de estimular os estudantes com lacunas de aprendizagem neste momento de retomada das aulas presenciais. Ao todo, estão sendo disponibilizadas 7.128 vagas de monitor para todas as escolas do Estado. As turmas do 9º ano do Ensino Fundamental e do 3º ano do Ensino Médio terão dois monitores, um para Língua Portuguesa e um para Matemática.

Os monitores serão alunos do 9º ano do Ensino Fundamental e do 3º ano do Ensino Médio, e receberão uma bolsa no valor de R$ 200. “Esses estudantes terão como atribuição socializar os conhecimentos com aqueles colegas que têm dificuldades em determinados conteúdos. Para poder se candidatar à monitoria, o aluno deve ter média acima de sete e disponibilidade de tempo. Esse aluno vai passar por um processo seletivo dentro da escola para poder ser escolhido”, detalhou o secretário de Educação e Esportes, Marcelo Barros.

Participaram também do evento as secretárias estaduais Marília Lins (Administração) e Ana Elisa Sobreira (Mulher); o deputado estadual Paulo Dutra; os secretários executivos de Educação Leonardo Lamartine, Maria Medeiros, Ana Selva e João Charamba, além de gerentes regionais e professores.

 

 

Programa Educação em Saúde Menstrual contemplará estudantes de todo o Estado com ações como distribuição de absorventes e rodas de diálogos para orientação

O Governo de Pernambuco lançou, nesta quinta-feira (07.10), o Programa de Educação em Saúde Menstrual para todas as escolas da Rede Estadual. Coordenada pela Secretaria de Educação e Esportes (SEE), a iniciativa visa promover a distribuição de absorventes, formação e orientação sobre as questões sociais, biológicas e emocionais que afetam a vida da mulher durante o período menstrual, bem como diminuir as ausências escolares durante o ciclo. Segundo dados da Organização das Nações Unidas, uma em cada dez meninas, no mundo, falta às aulas durante o período menstrual. No Brasil, uma entre quatro estudantes já deixou de ir à escola por não ter absorventes.
 
“A conscientização dos nossos jovens sobre a saúde da mulher começa nas escolas. Educação sempre foi nossa prioridade. Debater o assunto e apoiar as meninas, para que possam dar continuidade à formação delas é, sim, essencial. É inaceitável qualquer movimento que estimule a desigualdade de gênero e classe. Vamos seguir ouvindo as necessidades dos nossos jovens e lutando para melhorar a qualidade de vida das pessoas que mais precisam”, pontuou Paulo Câmara.
 
Por meio de parcerias institucionais com as secretarias de Saúde e da Mulher, o programa prevê – além da distribuição gratuita e contínua de absorventes para as estudantes em idade menstrual – a realização de rodas de diálogos e palestras virtuais e presenciais com as 16 Gerências Regionais de Educação (GRE), voltadas para os docentes e discentes de todo o Estado.
 
Também serão promovidos eventos online e presenciais com a participação dos diferentes segmentos envolvidos, para discutir o cuidado da saúde menstrual e o uso adequado dos absorventes, entre outras questões. “Nossa preocupação não é apenas com a distribuição dos absorventes. Queremos trabalhar também o ambiente escolar para cuidar da saúde das estudantes e ampliar o debate acerca do tema”, afirmou o secretário de Educação e Esportes, Marcelo Barros.

No segundo dia de compromissos no Sertão do Araripe, governador vistoriou ações em andamento e autorizou novas intervenções em estradas, escolas, hospital e abastecimento de água

OURICURI – O governador Paulo Câmara deu continuidade, nesta sexta-feira (20.08), aos compromissos no Sertão do Araripe, que fazem parte do Plano Retomada. A programação começou no município de Ouricuri, onde ele visitou as ações do Governo Presente, na Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) São Sebastião, e assinou autorizações para liberação de recursos nas áreas de abastecimento de água, infraestrutura, saúde e educação.

“Estamos anunciando obras importantes, como as estradas. São sonhos antigos que nós estamos realizando aqui. Consertos e reparações, requalificações de muitas estradas, como é o caso da PE-545, que liga Ouricuri até Exu. Obras de água, de educação, a exemplo da construção da quadra da EREM São Sebastião, isso será muito importante para ajudar na educação dos nossos jovens”, destacou o Paulo Câmara.

No evento, o governador assinou novamente a autorização para recuperação da PE-545, que liga as cidades de Exu, Bodocó e Ouricuri, e para ampliação do Sistema Adutor do Oeste, anunciadas nesta quinta-feira (19.08), tendo em vista que Ouricuri também será beneficiada com as intervenções. Autorizou ainda a implantação do Sistema Adutor para a localidade Tamboril, a um custo estimado de R$ 3 milhões, beneficiando duas mil pessoas, e a construção de rede de distribuição para as localidades Patos, Cova de Anjo e Canto Alegre, na zona rural do município, com um aporte de R$ 2,8 milhões. Na região do Araripe, as obras de abastecimento de água vão beneficiar 250 mil pessoas, com investimentos na ordem de R$ 31 milhões.

SAÚDE – O governador também assinou, em Ouricuri, a ordem de serviço para instalação de um tomógrafo no Hospital Regional Fernando Bezerra, e visitou as instalações da unidade, que também passará por reforma e qualificação das enfermarias e sala dos médicos. Ao todo, serão investidos mais de R$ 2,5 milhões, na compra do equipamento e obras na estrutura física, com entrega prevista para o final do primeiro quadrimestre de 2022.

O Hospital Regional de Ouricuri possui emergência para atendimentos nas áreas de pediatria, clínica médica, cirurgia geral, traumatologia e obstetrícia. Atualmente, o serviço conta com 104 leitos, sendo 20 de UTI Adulto (10 para assistência à Covid-19 e 10 para as demais patologias). O governador também autorizou, para o hospital, investimentos de R$ 480 mil na reforma e implantação de 10 novos leitos de UTI pediátricos e neonatais, cinco de cada, e aquisição de uma ambulância de suporte avançado.

Acompanharam o governador os secretários José Neto (Casa Civil), André Longo (Saúde), Marcelo Barros (Educação e Esportes), Fernandha Batista (Infraestrutura e Recursos Hídricos), Alexandre Rebêlo (Planejamento e Gestão), Rodrigo Novaes (Turismo e Lazer), Tomé Franca (Desenvolvimento Urbano e Habitação), Lucas Ramos (Ciência, Tecnologia e Inovação), e Cloves Benevides (Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas), além dos presidentes do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Maurício Canuto, da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), Manuela Marinho, da Perpart, Nilton Mota, da AD Diper, Roberto Abreu e Lima. Também estiveram presentes os deputados federais Augusto Coutinho, Gonzaga Patriota, Silvio Costa Filho e Tadeu Alencar, e os deputados estaduais Roberta Arraes, Antônio Fernando, Henrique Queiroz Filho, o presidente da Assembleia Legislativa, Eriberto Medeiros, e o prefeito de Ouricuri, Ricardo Ramos.

Previstas no Plano Retomada, ações estão orçadas em aproximadamente R$ 8,7 milhões

Dando prosseguimento ao Plano Retomada, lançado no início de agosto, o governador Paulo Câmara esteve em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife, nesta quinta-feira (23.09), para anunciar uma série de investimentos. Na área de infraestrutura, ele autorizou o início do processo de contratação da empresa responsável pela execução das obras de implantação de piso intertravado e jardinagem na Via Parque, localizada no km 10 da Estrada de Aldeia, com extensão de 430 metros. Também assinou um convênio para a pavimentação de ruas da cidade. Ao todo, as duas ações somam mais de R$ 2,6 milhões.

Paulo Câmara autorizou ainda a implantação da Central de Oportunidades de Pernambuco (COPE), em parceria com a prefeitura municipal. O espaço vai oferecer serviços ligados à Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação, como Agência do Trabalho, Expresso Empreendedor, Junta Comercial de Pernambuco (JUCEPE) e Agência de Empreendedorismo (AGE), cujo principal papel é coordenar o Programa de Crédito Popular.

“Com o Plano Retomada, estamos reforçando as parcerias com os municípios. É um movimento que está acontecendo em todas as regiões do Estado. Precisamos dar celeridade às atividades, gerando emprego e renda para a população. O momento exige isso e vamos seguir anunciando ações para melhorar a vida dos pernambucanos”, frisou Paulo Câmara.

O governador anunciou também o repasse de R$ 56 mil, oriundos de recursos de cofinanciamento, para a manutenção do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do município, responsável pela organização e oferta de serviços de proteção social básica nas áreas de vulnerabilidade e risco social, e para o custeio de benefício eventual, concedido à população que necessitar, em virtude de nascimento, óbito, vulnerabilidade temporária ou calamidade pública.

EDUCAÇÃO – A visita do governador ao município aconteceu na Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) Professor Antônio Carneio Leão, onde ele inaugurou a quadra coberta da unidade. As obras fazem parte do Programa Quadra Viva e receberam um aporte de R$ 369 mil. Paulo Câmara também deu por inaugurada a quadra coberta da Escola Conselheiro Samuel Mac Dowell, que representa um investimento de R$ 330 mil.

Ainda dentro do programa, ele autorizou a licitação para construção de quadras cobertas nas escolas Major Lélio, Frei Caneca, Maria da Conceição do Rego Barros Lacerda, Joaquim Amazonas, Francisco de Paula Corrêa Araújo e Ministro Jarbas Passarinho, todas localizadas no município de Camaragibe. Os anúncios somam mais de R$ 4,4 milhões. Por fim, o governador assinou ordem de serviço para reforma e ampliação da Escola Municipal São José, orçada em R$ 807 mil.

ABASTECIMENTO – O governador finalizou a programação em São Lourenço da Mata, onde anunciou melhorias no abastecimento de água, autorizando o início das obras de implantação de rede de distribuição no Loteamento Pau Brasil, no bairro de Muribara, e do Loteamento Vila Dourada, no bairro Rosina Labanca. A primeira obra contempla a implantação de 192 metros de nova rede, que será interligada à rede existente na Avenida Central, e o assentamento de outros 2,5 quilômetros de redes nas demais ruas do loteamento, melhorando a oferta de água e beneficiando cerca de mil pessoas, com um investimento de R$ 740 mil. Já no Loteamento Vila Dourada, serão investidos mais de R$ 360 mil para atender 1.250 pessoas pela nova rede, que será interligada à tubulação existente na Avenida Manoel Amazonas.

Paulo Câmara também autorizou a contratação da empresa responsável pelo projeto de pavimentação do trecho com extensão de 6,5 quilômetros da Rodovia PE-020, que faz a ligação entre os distritos Lajes e Matriz da Luz. Serão investidos R$ 130 mil na elaboração do projeto e cerca de R$ 6 milhões na execução. Ele também assinou o convênio para pavimentação de ruas, com um investimento de R$ 2,5 milhões.

Visando o aumento da geração de emprego e renda na região, o governador autorizou a implantação da Central de Oportunidades de Pernambuco (COPE), e repassou recursos de cofinanciamento para o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do município, no valor de R$ 30 mil, além de autorizar a implantação da Cozinha Comunitária. Na área da educação, Paulo Câmara anunciou a licitação para construção de quadras cobertas nas Escolas de Referência em Ensino Médio Conde Pereira Carneiro, Conde Corrêa de Araújo e Dona Leonor Porto, todas localizadas no município. Acompanhado do prefeito de São Lourenço da Mata, Vinícius Labanca, o governador também visitou a fábrica e o centro de distribuição da Metalúrgica MOR.

Participaram da comitiva a vice-governador Luciana Santos; os secretários estaduais José Neto (Casa Civil), Fernandha Batista (Infraestrutura e Recursos Hídricos), Alexandre Rebelo (Planejamento e Gestão), Sileno Guedes (Desenvolvimento Social, Criança e Juventude), Alberes Lopes (Trabalho, Emprego e Qualificação), Tomé Franca (Desenvolvimento Urbano e Habitação), Lucas Ramos (Ciência, Tecnologia e Inovação), Alexandre Gabriel (Chefe da Assessoria Especial) e Cel. Carlos José (Casa Militar); o presidente da Assembleia Legislativa, Eriberto Medeiros; os deputados federais Silvio Costa Filho e Carlos Veras e os estaduais Diogo Morais, Aglailson Victor, Isaltino Nascimento, Paulo Dutra e Guilherme Uchôa Junior, além da prefeita de Camaragibe, Nadegi Queiroz.

 

Fotos: Heudes Regis/SEI e Hélia Scheppa/SEI (Identificações nas legendas das fotos)

Além da ETE, governador autorizou obras de construção de quadras poliesportivas para unidades de ensino da região

Na sua passagem pelo Sertão do São Francisco, o governador Paulo Câmara vistoriou, nesta sexta-feira (13.08), as obras de Escola Técnica Estadual (ETE) Professora Maria Amélia de Freitas Araújo, no município de Cabrobó. Com um projeto orçado em mais de R$ 11 milhões, a nova ETE será a 51ª da rede estadual, e faz parte de um pacote de investimentos de R$ 178 milhões direcionados a esta região do Estado, dentro do Plano de Retomada da economia, que prevê melhorias de infraestrutura em diversas áreas.

A ETE Professora Maria Amélia de Freitas Araújo vai oferecer cursos técnicos em Agronegócio e em Logística, e conta com auditório, biblioteca, 12 salas de aula, laboratórios de biologia, química, física, matemática, línguas e informática, quadra poliesportiva coberta (com vestiários e sala multiuso) e laboratórios especiais (ensino profissionalizante). A previsão é que a unidade seja entregue à população no primeiro semestre de 2022.

“Estamos confiantes de que cumpriremos os prazos para que, no próximo ano, tenhamos condições de iniciar aqui os cursos técnicos. Os alunos serão beneficiados com essa unidade, podendo fazer o ensino médio de forma adequada e em tempo integral, tendo um curso técnico que garanta uma especialização e, no futuro, um emprego de qualidade” destacou Paulo Câmara. Além desta ETE de Cabrobó, estão em andamento as obras demais três escolas técnicas estaduais, nas cidades de Olinda (Região Metropolitana), Itaíba (Agreste Meridional) e Exu (Sertão do Araripe).

Ainda em Cabrobó, o governador visitou a obra de revitalização e ampliação da Escola Municipal Evandro Ferreira dos Santos. A reforma, incluída no Programa Educação Integrada, tem um investimento de R$ 1,1 milhão e previsão de entrega ainda este ano. Serão realizados serviços de pintura das áreas internas e externas, instalação de forro nos laboratórios, revestimento, ampliação e cobertura da área de circulação, além da construção de um novo bloco de cozinha, despensa e área de serviço.

Paulo Câmara assinou ainda a ordem de serviço para construção da quadra coberta da Escola Indígena Acilon Ciriaco da Luz – Povo Truká, também em Cabrobó. O projeto representa um investimento de R$ 607 mil e a obra deve durar 180 dias. “É importante visitarmos as obras em andamento aqui em Cabrobó, vendo de perto o que os nossos monitoramentos estão apontando: muito em breve esses empreendimentos estarão funcionando e suprindo a demanda da população. Além disso, a construção de novas quadras atende aos anseios dos estudantes, que buscam locais adequados para a prática esportiva”, ressaltou o secretário estadual de Educação e Esportes, Marcelo Barros.

Em Petrolina, na última quinta-feira (12.08), o governador havia anunciado a construção de duas quadras, dentro do Programa Quadra Viva. A primeira delas, na Escola Padre Maurílio Sampaio, em Santa Maria da Boa Vista, cuja obra tem duração prevista de 120 dias. O segundo empreendimento será erguido na Escola Dom Malan, em Petrolina, com previsão de 180 dias. Juntos, os dois projetos representam um investimento que ultrapassa R$ 1 milhão.

Quadra Viva – Lançado em 2015 pelo Governo de Pernambuco, o Programa Quadra Viva tem a finalidade de reformar ou construir quadras nas escolas da rede estadual. Os recursos são oriundos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e do Tesouro Estadual. A regional conta com 80 escolas, distribuídas em sete municípios: Afrânio, Cabrobó, Dormentes, Lagoa Grande, Orocó, Petrolina, Santa Maria da Boa Vista. São 23 escolas em tempo integral, 1,7 mil professores e mais de 42 mil alunos.

Fizeram parte da comitiva do governador os secretários estaduais Marcelo Barros (Educação e Esportes), Lucas Ramos (Ciência, Tecnologia e Inovação), Tomé Franca (Desenvolvimento Urbano e Habitação), Rodrigo Novaes (Turismo e Lazer), Fernandha Batista (Infraestrutura e Recursos Hídricos), Sileno Guedes (Desenvolvimento Social, Criança e Juventude), os presidentes da Compesa, Manuela Marinho; do IPA, Kaio Maniçoba; do DER, Maurício Canuto; e da Perpart, Nilton Mota. Também participaram deputados federais e estaduais, o prefeito de Cabrobó, Galego de Nanai e outros demais prefeitos e vice-prefeitos de municípios vizinhos, além de vereadores e ex-prefeitos.