meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • Indústrias vão levar empregos e desenvolvimento para Limoeiro

    Nesta segunda-feira (28), o governador Eduardo Campos anunciou a chegada de três empresas que, juntas, vão investir R$ 44 milhões e gerar 850 empregos diretos. Elas têm como destino o município de Limoeiro, localizado a 77 km do Recife, no Agreste pernambucano.

    “São três indústrias da área de calçados, confecção e alimentos, que vão gerar empregos numa cidade que já teve grande expressão na indústria e que hoje começa a viver um novo tempo”, disse o governador. “Não é algo solto, é parte de um processo de reconstrução da indústria, especialmente do setor têxtil e de confecção”, completou Eduardo.

    Com investimento de R$ 25 milhões, a Terra e Água – empresa gaúcha que tem crescido 30% ao ano – vai gerar 500 empregos na fabricação de calçados. A planta entra em funcionamento em junho de 2012 e vai ocupar um terreno de 10 hectares, com capacidade de produção de 300 mil pares de sapatos por mês. São chinelos, sandálias e sapatos femininos feitos à base de materiais como PVC, couro, EVA, entre outros.

    Já a pernambucana Vimont Tecidos LTDA, mira o aumento das vendas do polo regional de confecções do Agreste Setentrional, especificamente Toritama e Santa Cruz do Capibaribe, onde a empresa já possui uma planta. Os investimentos são de R$ 15 milhões para produzir 300 toneladas de malhas e tecidos por ano. A expectativa é de gerar 250 empregos. “Ela chega para se juntar à nossa cadeia têxtil que gera hoje mais de 200 mil empregos no estado”, afirmou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Geraldo Júlio.

    A última das três, a Indústria de Sorvetes e Derivados Milet, vai atuar no setor de alimentos, que cresce a um ritmo de 20% ao ano no Nordeste. Com a nova planta instalada num terreno de dois hectares, a empresa pernambucana vai ter capacidade para produzir até 150 mil litros de sorvetes por mês. Para isso, vai investir R$ 4 milhões e contratar 100 funcionários. A empresa tem forte atuação em todos os estados do Nordeste brasileiro.

    Em nome dos 56 mil habitantes de Limoeiro, o prefeito Ricardo Teobaldo destacou o “momento de grande importância”. Para Teobaldo, a chegada das três empresas é um resgate de um antigo desejo do município. “Durante muito tempo sonhamos com isso, precisávamos gerar mais empregos. A cidade via o desenvolvimento passar ao seu lado e nada acontecia. O povo de Limoeiro hoje está muito agradecido ao Governo do Estado e confiante de que novos investimentos vão chegar”, pontuou.   

    Uma cerimônia no Palácio do Campo das Princesas marcou a chegada das novas fábricas e contou com a presença dos senadores Humberto Costa e Armando Monteiro Neto, além de vários deputados estaduais, lideranças políticas e moradores de Limoeiro.

    Assuntos: emprego, eduardo, limoeiro, investimento, agreste
    Compartilhe: Link para o post:
  • Saúde: novos leitos vão agilizar atendimento no Agamenon Magalhães

    | Saúde, Administração

    O Governo do Estado vai contratar 40 leitos de clínica médica junto ao Hospital Evangélico de Pernambuco (HEP) para diminuir a demanda de pacientes no Hospital Agamenon Magalhães. Este foi o balanço da reunião de hoje (28) entre o governador Eduardo Campos e a Associação Evangélica de Pernambuco, mantenedora do HEP, no Palácio do Campo das Princesas.

    Fundado em 1953, o Hospital Evangélico de Pernambuco funciona no bairro da Torre e possui 138 leitos. Ao contratar as novas vagas, a Secretaria de Saúde repete a iniciativa exitosa de oferecer serviços que antes eram disponibilizados apenas nos grandes hospitais em outras unidades de saúde, agilizando o atendimento dos pacientes.

    “Fizemos isso com o serviço de traumatologia do Getúlio Vargas ao disponibilizar vagas na Santa Casa de Misericórdia e com o serviço de neurologia da Restauração ao oferecer leitos no Pedro II e obtivemos muito sucesso em ambos os casos”, descreveu o secretário Antônio Carlos Figueira.

    O governador afirmou que a descentralização do atendimento foi uma das ferramentas utilizadas pelo Governo do Estado para mudar a realidade na rede pública de saúde. “Abrimos as UPAs, construímos novos leitos e elevamos o número de UTIs existentes de 250 para mais de 800. Isso fez com que aquela velha foto de pacientes jogados pelos corredores dos hospitais saísse das capas de jornais em Pernambuco”.

    NOVA UNIDADE – A Associação Evangélica de Pernambuco também apresentou ao governador o projeto de ampliação e transferência do HEP que a partir de 2013 passará a atender no bairro do Curado. O novo prédio será construído às margens da BR-408, entre o TIP e a Arena da Copa, região considerada estratégica para o Governo do Estado.


    “A Zona Metropolitana Oeste terá uma expansão econômica e populacional significativa nos próximos anos. Uma nova unidade de saúde que chegue para complementar os serviços oferecidos pela rede estadual será muito bem-vinda”, disse o governador, após conhecer o projeto.

    O perfil de atendimento e as especialidades que serão oferecidas na nova unidade serão discutidos entre a Associação Evangélica de Pernambuco, mantenedora do HEP, e a Secretaria de Saúde. O prédio terá quase 30 mil metros quadrados distribuídos em 12 andares e 180 leitos, 48 a mais que os 132 oferecidos hoje. Todas as vagas são para clínica médica. Dos 180 leitos, 40 são de UTI.

    “Calculamos um investimento de R$ 20 milhões nas obras civis e outros R$ 30 milhões em equipamentos”, prevê o coordenador Administrativo e Financeiro do HEP, Anderson Queiroz. Os recursos para construção serão oriundos de receita própria.

    Segundo Queiroz, o HEP realiza mensalmente cerca de três mil atendimentos em ambulatório, 500 internamentos e 200 cirurgias. “Com a ampliação da unidade, este número deve passar para sete mil atendimentos”, calcula. “Também devemos contratar 80 novos profissionais para o setor médico e administrativo”.

    Assuntos: eduardo campos, hospital, leitos, pacientes, agamenon, associacao, hospital evangelico
    Compartilhe: Link para o post:
  • R$ 750 milhões vão “adubar” agricultura familiar em PE

    A agricultura familiar pernambucana viveu hoje (25) um dia especial. No Palácio do Campo das Princesas, o governador Eduardo Campos e o ministro do Desenvolvimento Agrário (MDA), Afonso Florence, acordaram um conjunto de ações no valor de R$ 750 milhões para incentivar a produção e a comercialização dos produtos agrícolas dos pequenos produtores.

    As iniciativas integram o Plano Safra da Agricultura Familiar 2011/2012, que engloba o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). Uma das novidades do Plano Safra 2011/2012 é a Garantia de Preços Mínimos da Agricultura Familiar que estabelece um valor para os produtos no início da safra, assegurando a compra a preços justos por parte dos governos.

    Em Pernambuco, a agricultura familiar é responsável pelo sustento de 83% da população rural e mais da metade da produção agropecuária do estado. “Assentados e agricultores familiares são fundamentais neste projeto de nação includente, generosa e boa pra se viver que o governador, o ex-presidente Lula e a presidenta Dilma lideram”, pontuou o ministro.

    O Pronaf está disponibilizando R$ 650 milhões para o mundo rural em Pernambuco. Do total, R$ 370 milhões são para financiamento da produção e podem ser acessados por cooperativas, associações e agricultores. O restante deve ser destinado para operações de custeio.

    Nesta edição, o programa oferece condições bem melhores de financiamento. A taxa de juros máxima foi reduzida de 4% para 2%. As linhas de investimento têm juros de até 2% ao ano, 10 anos para pagar e três anos de carência. Além disso, o limite de financiamento foi ampliado para R$ 130 mil.

    Já nas operações de comercialização, o convênio assinado hoje vai ajudar a transformar a Ceasa-PE num Centro de Comercialização da Agricultura Familiar. ”Esses Investimentos vão possibilitar que a nossa Ceasa compre equipamentos que melhorem a qualidade dos produtos e também garantam espaço para Agricultura Familiar quebrando, assim, toda cadeia de atravessadores e melhorando a renda do agricultor”, defendeu Eduardo.

    MAIS AÇÕES – O plano de ações para a agricultura familiar ainda engloba a liberação de R$ 94 milhões. São R$ 53,3 milhões para o Programa de Aquisição de Alimento (PPA), R$ 37 milhões para a assistência técnica e extensão rural (ATER), além de investimentos para o crédito fundiário (R$ 2,7 milhões), regularização fundiária (R$ 1,2 milhão).

    A cerimônia no Palácio do Campo das Princesas marcou também a liberação do calendário de pagamento do Programa Garantia Safra. A partir do próximo mês, os 19.614 agricultores de 15 municípios que sofreram perdas de até 50% da safra agrícola vão receber o benefício no valor de R$ 640.

    Também fazem parte da agenda do Plano Safra em Pernambuco 22 mutirões para a retirada de documentação (RG, CPF, Certidão de nascimento, aposentadoria). Ao final da solenidade, governador e ministro fizeram a entrega de 113 carros do modelo Uno ao IPA. Os veículos serão utilizados para a locomoção dos profissionais responsáveis pelas visitas de assistência técnica aos territórios de desenvolvimento rural do estado.

    Assuntos: agricultura, familiar, eduardo, ministro, desenvolvimento, afonso florence, afonso, plano, safra, pronaf
    Compartilhe: Link para o post:
  • Cinema grátis marca o primeiro dia da Semana da Criança

    , por Assessoria de imprensa | Social, Juventude

    Cerca de 800 estudantes da rede pública, crianças e adolescentes das Casas de Acolhimento assistiram, na manhã desta segunda-feira (10/10), no cinema São Luiz ao desenho animado “Os Três Ladrões”.

    Cerca de 800 estudantes da rede pública, crianças e adolescentes das Casas de Acolhimento assistiram, na manhã desta segunda-feira (10/10), no cinema São Luiz ao desenho animado “Os Três Ladrões”. O filme, que será exibido no Festival Internacional de Cinema Infantil, foi mostrado em primeira mão. A exibição fez parte da abertura da Semana Estadual da Criança, promovida pela Secretaria da Criança e da Juventude de Pernambuco (SCJ).

    A secretária Raquel Lyra deu boas-vindas às crianças e ressaltou a importância dos educadores e professores na formação cultural dos estudantes. “Começamos a semana bem para comemorar o Dia das Crianças. Agradeço aos professores por proporcionar este momento para essas crianças”, disse. João Vítor, 10 anos, aluno da Escola Senador Pessoa de Queiroz nunca tinha ido a uma sala de cinema e gostou do que viu. “O bom é que a tela é muito grande e a cadeira é confortável. Já Samara da Silva, 11 anos, revelou que também nunca assistiu a um filme no cinema. “A vista daqui é muito bonita”, comemorou. O morador da Casa de Acolhimento “Lar Esperança” Josenildo* ficou feliz em ter a oportunidade de voltar ao cinema São Luiz pela segunda vez. “Muito bom estar aqui. O cinema depois da reforma, ficou mais bonito”, comentou.

    O filme, baseado na obra infantil do famoso ilustrador francês Tomi Ungerer, conta a história do encontro de uma menina com três larápios de "sucesso". Ao ser levada para o esconderijo dos bandidos, Tiffany questiona o porquê daquilo tudo.

    Fechando a programa com chave de ouro, os estudantes receberam um Kit com balas, biscoitos e refrigerante.

    Assuntos: cinema, semana, crianca
    Compartilhe: Link para o post:
  • Dom Moura vai ganhar dez leitos de UTI

    , por Assessoria de imprensa | Saúde

    Ao lado do chefe de Gabinete do Ministro da Saúde, Mozart Sales, o secretário Estadual de Saúde, Antonio Carlos Figueira, assinou, na tarde da última sexta-feira (07/10), a Ordem de Serviço para o início das obras da implantação de dez leitos de UTI Adulto do Hospital Dom Moura, em Garanhuns.

    Ao lado do chefe de Gabinete do Ministro da Saúde, Mozart Sales, o secretário Estadual de Saúde, Antonio Carlos Figueira, assinou, na tarde da última sexta-feira (07/10), a Ordem de Serviço para o início das obras da implantação de dez leitos de UTI Adulto do Hospital Dom Moura, em Garanhuns. A solenidade ainda contou com a presença da diretora do Hospital, Maria Emília Pessoa, e do gerente da V Gerência Regional de Saúde, Elenílson Liberato.

    Durante a solenidade, o secretário Antonio Carlos Figueira falou sobre a emoção de estar contribuindo com a melhoria da assistência ao município de sua família. “É muito importante para mim anunciar um investimento desse porte para esse hospital, que foi muito importante para a minha família. Com ele, esperamos que Garanhuns possa oferecer uma assistência integral aos seus moradores”, falou.

    O chefe de Gabinete do Ministro da Saúde, Mozart Sales, aproveitou o momento para lembrar que o Governo Federal está comprometido com a saúde da região. “O Ministério já se comprometeu a habilitar e credenciar esses leitos de UTI assim que eles estiverem prontos”, comentou.

    As obras no Dom Moura devem ser concluídas até o início de 2012. Serão investidos cerca de R$ 2 milhões na iniciativa, sendo R$ 980 mil apenas com a compra de equipamentos.

    A unidade de saúde atende a 12 mil pacientes por mês, vindos de mais de 20 municípios do Agreste Meridional. Cerca de 300 desses atendimentos envolvem acidentes, principalmente os de moto, sendo que, em média, 180 são considerados graves e a maioria apresentando traumatismo craniano.

    Com as novas UTIs, o Dom Moura dá mais um passo para se transformar em hospital-escola. Atualmente, a unidade já possui residência multiprofissional instalada e que será ampliada em 2012. Também há previsão de iniciar residência em clínica médica no hospital.

    Cidades: Garanhuns
    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Ministro e secretário abrem Conferência Estadual de Saúde

    , por Assessoria de imprensa | Comunicação, Saúde

    Neste domingo (09/10), mais de mil pessoas marcaram presença no Centro de Convenções, em Olinda, para assistir a abertura da 7ª Conferência Estadual de Saúde, que contou com a participação do secretário Estadual de Saúde, Antonio Carlos Figueira, e do ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

    Neste domingo (09/10), mais de mil pessoas marcaram presença no Centro de Convenções, em Olinda, para assistir a abertura da 7ª Conferência Estadual de Saúde, que contou com a participação do secretário Estadual de Saúde, Antonio Carlos Figueira, e do ministro da Saúde, Alexandre Padilha. O evento ainda teve uma palestra do senador Humberto Costa, que abordou o tema Todos usam o SUS! O SUS na seguridade social – política pública patrimônio do povo brasileiro.

    “Hoje é um momento muito importante, pois teremos a oportunidade de discutir diretrizes para o Sistema Único de Saúde (SUS), que é a nossa principal bandeira. É a luta que todos que estão aqui travam, sejam usuário, trabalhador ou gestor. O SUS é o patrimônio mais importante do povo brasileiro. Todos utilizam o SUS, seja na assistência à saúde, no transplante de órgão ou na vigilância sanitária”, falou o secretário Antonio Carlos Figueira.

    O evento realizou uma homenagem a dois brasileiros que lutaram pela saúde do povo, a médica e fundadora da Pastoral da Criança Zilda Arns, que morreu em 2010, após um violento terremoto no Haiti; e João Francisco Gonçalves, pernambucano de origem humilde da cidade de Orobó, fundador do Hospital Severino Távora. Familiares dos dois receberam dos conselheiros de saúde troféu em memória aos serviços prestados.

    Ainda na cerimônia de abertura do evento, o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, anunciou investimentos de mais de R$ 77 milhões em três hospitais pernambucanos: Hospital Ermírio Coutinho, em Nazaré da Mata; Hospital Pelópidas Silveira, no Recife; e Hospital Regional Sílvio Magalhães, em Palmares.

    “Essas verbas fazem parte dos investimentos do Ministério no Programa Saúde Toda Hora e na Rede Cegonha, visando a melhoria da assistência à saúde da população”, informou o ministro, que aproveitou para falar sobre novidades no Conselho Nacional de Saúde. “Estamos querendo trazer o Conselho para mais perto da população, por isso, estamos trabalhando a ideia de realizar reuniões regionais, para que os conselheiros possam conhecer a realidade de cada estado”, completou.

    Em sua apresentação, o senador Humberto Costa fez um retrospecto do trajeto das lutas e conquistas do SUS. Atribui às conquistas, a luta árdua dos pernambucanos, ressaltando a importância do controle social para que as mudanças aconteçam. Lembrou ainda da sua luta, quando então ministro da Saúde, para trazer a fábrica de hemoderivados para o Estado e sua importância para o país.

    Cidades: Olinda
    Assuntos: ministro, secretario, conferencia, saude
    Compartilhe: Link para o post:
  • Grande Recife reforça linhas para Dia das Crianças

    , por Assessoria de imprensa | Social, Juventude

    Dia das Crianças (12/10) está chegando. Nessa data, um dos programas mais divertidos e educativos é levar os pequenos para conhecer o Horto de Dois Irmãos.

    O Dia das Crianças (12/10) está chegando. Nessa data, um dos programas mais divertidos e educativos é levar os pequenos para conhecer o Horto de Dois Irmãos. Para ajudar os pais a passear com a criançada, o Grande Recife Consórcio de Transporte reforçou a frota de cinco linhas que atendem ao zoológico. Serão 18 ônibus extras e 96 viagens a mais durante a operação.

    Somadas as programações das cinco linhas que serão reforçadas para atender o Horto (Lista abaixo), 50 ônibus estarão à disposição dos usuários, realizando 381 viagens para melhor atendê-los. Este total representa um acréscimo de 56% no número de veículos em circulação e de 35% na quantidade de atendimentos, em comparação com os 32 ônibus que realizam 283 viagens em feriados normais.

    O reforço é programado com base no dia do feriado oficial de Nossa Senhora Aparecida (12/10), onde também se comemora o Dia das Crianças. Nessa data a programação de reforço é feita especificamente para o zoológico já que a demanda de usuários nas ruas, de forma geral, diminui e a operação dos ônibus é reduzida, com uma frota menor do que nos dias úteis e maior que a de domingo.

    Para conferir o itinerário completo das linhas, o usuário pode entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente, pelo telefone 0800 081 0158, ou acessar o site www.granderecife.pe.gov.br.

    Cidades: Recife
    Assuntos: recife, transporte, dia, criança
    Compartilhe: Link para o post:
  • Chã Grande fez festa para receber estrada e adutora

    , por Assessoria de imprensa | Economia, Social

    A população de Chã Grande, na Mata Sul do Estado, se reuniu no centro da cidade para festejar duas boas notícias: o recapeamento da PE-71 e o fim do racionamento de água na cidade.

    A população de Chã Grande, na Mata Sul do Estado, se reuniu no centro da cidade para festejar duas boas notícias: o recapeamento da PE-71 e o fim do racionamento de água na cidade. A solenidade de inauguração da rodovia e a assinatura da ordem de serviço para a construção da adutora foi conduzida pelo governador Eduardo Campos na tarde desta segunda-feira (10/10).

    Aluísio Moreira/SEI
    Chã Grande fez festa para receber estrada e adutora


    A revitalização da PE-71 faz parte do Plano de Infraestrutura Rodoviária de Pernambuco – Caminhos da Integração, que tem por objetivo colocar o conjunto de rodovias pernambucanas entre os três melhores do Brasil até 2014. O Governo do Estado investiu R$ 8,7 milhões na pavimentação dos nove quilômetros da estrada que permitirá a interligação da BR-232 com a BR-101, passando pelos municípios de Amaraji e Primavera.

    Além de facilitar o tráfego de quem deixa o Agreste com destino às praias do Litoral Sul, a revitalização da PE-71 vai favorecer o acesso a Suape e ajudar na economia local. “Essa rodovia tem um papel muito importante para a agricultura familiar da região, que tem o maior polo de hortifrutigranjeiros de abastecimento da nossa Ceasa”, disse Eduardo.

    Morador de Chã Grande há 20 anos, o marceneiro João Severino dos Santos, 55, viaja com frequência para Gravatá e para o Recife para comprar materiais de trabalho. Ele aprovou a revitalização da rodovia. “Antes essa pista era péssima. Cheia de buracos e causava muitos acidentes. Agora vou poder fazer minhas viagens mais tranquilo.”

    Além da PE-71, outras seis rodovias serão inauguradas até o final deste ano. São elas as PEs 41 (BR-101 – Usina São José - Araçoiaba), 90 (Limoeiro-Umari), 102 (Surubim-Casinhas), 180 (Belo Jardim-Lajedo) e a 42 (Escada-Ipojuca), que será inaugurada dentro de dez dias. No total, o Governo do Estado está investindo quase R$ 2 bilhões na revitalização e construção de novas rodovias. “Nós temos hoje mais de 40 rodovias novas para serem implantadas e mais 50 rodovias restauradas. Estamos fazendo processo de recuperação em mais de 80 rodovias”, detalhou o secretário de Transportes, Isaltino Nascimento.

    Fim do racionamento

    A população de Chã Grande também vai parar de sofrer com o racionamento d’água. Isso porque o governador deu início às obras de implantação da nova adutora, que será entregue em 180 dias. O sistema dobrará a oferta de água para a cidade levando mais 40 litros/segundo a partir do Sistema Amora Grande, localizado em Amaraji. A água será transportada para Chã Grande através de uma tubulação de 4,5 quilômetros de extensão.

    Nos dois últimos anos, as barragens de Siriquita e Macacos entraram em colapso e comprometeram o abastecimento de água da cidade. Atualmente, cerca de 80% do município (exceto no verão) já está fora do rodízio graças à recente substituição e modernização da rede distribuidora da cidade. Foram investidos cerca de R$ 700 mil na implantação de três mil metros de novas tubulações graças a uma parceria com a prefeitura do município.

    Cidades: Chã Grande
    Assuntos: cha, grande, estrada, adutora, festa
    Compartilhe: Link para o post:
  • Hospital Dom Moura ganhará dez leitos de UTI

    , por Assessoria de imprensa | Saúde

    O Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns, vai ganhar dez leitos de UTI Adulto, para ampliar à assistência à população da região.

    O Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns, vai ganhar dez leitos de UTI Adulto, para ampliar à assistência à população da região. O secretário Estadual de Saúde, Antônio Carlos Figueira, assina a ordem de serviço para a obra nesta sexta-feira (07/10), às 15h. Os trabalhos já começam na próxima segunda-feira (10/10) e devem ser concluídos até o início de 2012. Serão investidos cerca de R$ 2 milhões na iniciativa, sendo R$ 980 mil apenas com a compra de equipamentos.

    A unidade de saúde atende a 12 mil pacientes por mês, vindos de mais de 20 municípios do Agreste Meridional. Cerca de 300 desses atendimentos envolvem acidentes, principalmente os de moto, sendo que, em média, 180 são considerados graves e a maioria apresentando traumatismo craniano.

    “O que acontece hoje é que esses pacientes precisam ser transferidos para outras unidades, para receber o atendimento numa estrutura de UTI. Com a construção da unidade intensiva, vamos ter um atendimento mais humanizado e com qualidade”, afirma o secretário Antonio Carlos Figueira.

    Com as novas UTIs, o Dom Moura dá mais um passo para se transformar em hospital-escola. Atualmente, a unidade já possui residência multiprofissional instalada e que será ampliada em 2012. Também há previsão de iniciar residência em clínica médica no hospital.

    REDE – Além do Hospital Regional Dom Moura, o Hospital João Murilo, em Vitória de Santo Antão, também ganhará novas UTIs até o fim do ano. No João Murilo, são dez leitos de UTI neonatal e outros dez leitos de UCI neonatal, ampliando os serviços na área materno-infantil da unidade, que funciona como maternidade de referência da região.

    Desde julho, a SES ainda credenciou 63 novos leitos de UTI em unidades conveniadas, para ampliar a capacidade de toda a rede. Com isso, Pernambuco saiu de 228 leitos de UTI, em 2007, para 808. Até o fim do ano, o total será de 935.

    Cidades: Garanhuns
    Assuntos: hospital, dom, moura, leito, uti
    Compartilhe: Link para o post:
  • Pernambuco sedia consulta regional do Plano Nacional de Resíduos Sólidos

    , por Assessoria de imprensa | Meio Ambiente

    Nos dias 13 e 14 de outubro de 2011, o Ministério do Meio Ambiente (MMA) e o governo de Pernambuco, através da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) realizam, em Recife, a Audiência Pública da região Nordeste para discutir a versão do Plano Nacional de Resíduos Sólidos. O encontro acontece no Mar Hotel Recife, em Boa Viagem e as inscrições podem ser feitas no site do MMA até o dia 07 de outubro. O Plano indica metas e diretrizes para o aproveitamento energético, possibilidades de diminuição de lixões, maior aplicação das formas de reutilização, reciclagem e redução da quantidade de resíduos descartados, medidas para aplicação da gestão de resíduos regionalizada, aplicabilidade de normas para destinação final de rejeitos, entre outras importantes questões.

    Durante dois dias, representantes da sociedade civil, dos governos estaduais e municipais e do setor privado, da região Nordeste (Pernambuco, Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe), terão a oportunidade de discutir e apresentar contribuições ao documento preliminar, que também está em consulta pública pela internet até o dia 7 de novembro.

    O secretário de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano, Nabil Bonduki, ressalta que o Plano está em processo de construção coletiva e o que se pretende nas audiências é fazer com que as diretrizes nacionais, estratégias, cenários e metas traçados ganhem um olhar regional, propiciando um pacto social, traduzido na forma das contribuições advindas das audiências.

    Para o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco, Sérgio Xavier, a experiência do Estado na consolidação dos consórcios municipais no gerenciamento dos resíduos será um dos principais pontos de contribuição de Pernambuco para o Plano Nacional.

    O Plano é um importante instrumento para efetiva implementação da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), porque traz cenários macroeconômicos e institucionais, diretrizes e estratégias, e as metas para o manejo adequado de resíduos sólidos no Brasil. O documento apresenta estreita relação com os Planos Nacionais de Mudanças do Clima, de Recursos Hídricos, de Saneamento Básico e de Produção e Consumo Sustentável.

    Assuntos: residuo, solido
    Compartilhe: Link para o post: