meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

Visitas presenciais às unidades da Funase serão retomadas neste sábado

visita virtual

Liberação ocorre mediante novas regras, como a proibição de acesso de pessoas do grupo de risco e a limitação de um visitante por socioeducando

 

A partir deste sábado (15), as visitas presenciais às unidades da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) serão retomadas em todo o Estado. O ingresso de familiares de adolescentes e jovens, que estava suspenso desde 3 de abril como medida de prevenção ao novo coronavírus, voltará a ocorrer mediante novas regras, como a proibição de acesso de integrantes do grupo de risco para agravamento da Covid-19 e a limitação de um visitante por socioeducando. Um protocolo foi distribuído aos funcionários responsáveis pelo atendimento e a instituições de fiscalização. O documento será publicado no Diário Oficial do Estado.

 

Para entrar na Funase, será necessário usar máscara, lavar as mãos e ter a temperatura corporal aferida. Alimentos perecíveis não poderão ser levados. Embalagens terão que ser higienizadas nas portarias. Inicialmente, as visitas ocorrerão aos sábados e domingos, dias com movimento menor no transporte público. Em algumas localidades, como Vitória de Santo Antão, que tem uma unidade da Funase situada na zona rural, esse calendário será flexível devido a dificuldades de acesso. A instituição também tem centros em outros oito municípios: Recife, Cabo de Santo Agostinho, Jaboatão dos Guararapes, Timbaúba, Caruaru, Garanhuns, Arcoverde e Petrolina. As famílias dos socioeducandos já estão sendo orientadas sobre dias e horários para visitas em cada região.

 

Em todo o Estado, os adolescentes poderão receber visitantes a cada 15 dias, de forma alternada por alas e pavilhões para que, a cada fim de semana, menos famílias estejam nas instalações. A retomada das visitas presenciais vai ocorrer em 15 unidades socioeducativas, das quais oito são de internação, quatro são de internação provisória e duas têm ambos os regimes. A Unidade de Atendimento Inicial (Uniai), no bairro da Boa Vista, no Recife, também está nessa lista. Ao todo, serão impactados 737 adolescentes e jovens e aproximadamente 2,3 mil servidores, que estão atuando em regime de rodízio, de plantão ou de trabalho remoto.

 

Para o secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude de Pernambuco, Sileno Guedes, a expectativa é de que, com o protocolo que foi criado, seja possível retomar as visitas presenciais de forma tranquila e segura. “Foi um documento construído ao longo de várias semanas, com consultoria de profissionais de saúde da instituição, e que consolidou regras que já vinham sendo adotadas desde o início da pandemia, considerando que o sistema socioeducativo desempenha uma atividade essencial e não parou nos últimos meses. Temos certeza de que a prevenção continuará sendo uma prática na comunidade socioeducativa”, afirma.

 

A presidente da Funase, Nadja Alencar, diz que esse passo ocorre após um período de diálogo com as gestões das unidades, a partir do sentimento dos socioeducandos e das famílias. Ela reforça ainda que a liberação de visitas presenciais poderá ser revista a qualquer tempo, a depender da situação epidemiológica no Estado. “Vale lembrar também que as visitas virtuais terão continuidade. O projeto foi um sucesso, com mais de 2,8 mil videochamadas. É, inclusive, um estímulo para que as pessoas não saiam de casa com a mesma frequência de antes da pandemia e possam manter contato com os socioeducandos com que têm vínculo”, explica.

Assuntos: Não há assuntos relacionados.
Compartilhe: Link para o post: