meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • Espaço Ciência participa da 11ª Primavera dos Museus

    | Tecnologia

    Na próxima semana, o Espaço Ciência participa da 11ª Primavera dos Museus, que este ano tem como tema: “Museus e suas Memórias”. As atividades buscam contextualizar na história alguns aspectos da Ciência; dar visibilidade a  patrimônios científicos ou resgatar, de forma lúdica, as relações presente-passado. A 11ª Primavera dos Museus acontece de segunda a sexta da próxima semana (18 a 22) em museus de todo o país.

    Uma das atividades propostas é “Patrimônios da Ciência”, um jogo divertido e interativo que convida à reflexão e descoberta sobre vários tipos de patrimônio. Realizada junto ao mapa gigante localizado na área Terra, os visitantes conhecerão cientistas pernambucanos como Naíde Teodósio, Paulo Freire e Aggeu Magalhães; descobrirão os municípios em que eles nasceram e suas riquezas geográficas, culturais e históricas; associarão suas ideias e teorias às diferentes áreas e experimentos espalhados no Museu.

    Para Gabriela Santos, que é museóloga e responsável pela Coordenação de Monitores do Espaço Ciência, a proposta é perpetuar e valorizar nosso patrimônio científico: “O conceito de memória está na base da ideia de patrimônio. No caso dos Museus de Ciência e do legado dos cientistas pernambucanos, o desafio é ainda maior, porque as ideias e os conceitos são abstratos e precisamos fazer com que isso não se perca”, diz.
     
    Matemática, biologia, química, história... as várias áreas do conhecimento serão objeto de oficinas com foco na memória. Na oficina “Simulação de Bafômetro”, por exemplo, os visitantes poderão entender as reações químicas que ocorrem no organismo com a ingestão de álcool, como funciona o bafômetro e também conhecer um pouco da história deste instrumento, que é bem anterior aos testes da Lei Seca.
     
    Já com o Mini Canhão Elétrico, eles poderão ver como funciona um princípio de geração de energia, que foi usado em diferentes contextos e de diversas formas ao longo do tempo, como na ignição de um veículo e em um acendedor elétrico de fogão. E que tal resgatar o pensamento de autores com Malba Tahan e W. E J. Reichmann para brincar com os números e descobrir a matemática no cotidiano? Esse é o objetivo de oficinas como “Algorismo” e “Pesos e Medidas”.
     
    Já no Memorial Santos Dumont,  os visitantes poderão explorar o universo da aviação, conhecer verdades e mitos sobre Santos Dumont e a importância de seu legado e memória para o mundo.
     
    Os microrganismos são o tema da oficina “Memória biológica”. Por meio de um divertido Jogo da Memória, os participantes poderão conhecer diferentes vírus, protozoários, fungos e algas descobertos ao longo dos tempos e cuja existência é essencial para a manutenção da vida no planeta.
     
    Outra opção é a oficina “Memória Indígena”, uma atividade interativa que ressalta  a participação dos povos indígenas na história de Recife e Olinda. Ou uma atividade de contação de histórias a partir do livro “Guilherme Augusto Araújo Fernandes”, de Mem Fox, que narra a história de uma criança que monta um presente especial para reanimar a memória de uma amiga idosa.
    Cidades: Olinda
    Assuntos: secti, espaço ciencia, 11ª primavera dos museus
    Compartilhe: Link para o post:
  • Rede Pernambucana de Pesquisa e Educação alcançará 20 municípios

    | Tecnologia

    REPEPE

    Projeto REPEPE foi instituído por decreto e pode alcançar cerca de 400 entidades até 2018

    Até 2018, Pernambuco terá uma rede digital com 1.175 km de extensão, interligando 20 municípios em 10 regiões de desenvolvimento a partir de banda larga de alta performance (1 a 10 Gigabytes). Com recursos na ordem de R$ 10 milhões já garantidos para aquisição de equipamentos e transmissão, a Rede Pernambucana de Pesquisa e Educação (REPEPE) focará, inicialmente, em instituições de ensino, pesquisa e inovação, além dos Arranjos Produtivos Locais (APLs). A expectativa é que, até o fim deste ano, quatro municípios estejam com infraestrutura pronta para ramificar as conexões aos centros de pesquisa e educação.

    Com isso, o Governo de Pernambuco, através da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), estimula a aceleração da inovação e da competitividade econômica baseados em cooperação e conhecimento. A iniciativa faz parte da Estratégia de Ciência, Tecnologia e Inovação para Pernambuco 2017-2022 (ECTI-PE), documento elaborado pela Secti para guiar as políticas públicas no estado relacionadas à CT&I.

    Alinhada à Estratégia, a REPEPE tem como diferencial um modelo de negócio inovador, baseado em parcerias público-privadas voluntárias, propiciando, inclusive, a redução de custos e o compartilhamento de benefícios. O convênio de cooperação técnica e integração de infraestrutura entre Celpe, Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) e Secti já foi assinado, garantindo a espinha dorsal do projeto com potencial para alcançar mais de 400 entidades, como Centros Tecnológicos do Instituto de Tecnologia de Pernambuco (Itep), além de escolas e de outras instituições a partir de parcerias com outros órgãos estaduais e municipais, como centros de inovação, a exemplo do Armazém da Criatividade, em Caruaru, escolas técnicas e hospitais de ensino.

    O recurso de R$ 10 milhões será aportado pela Secti – dentro do Programa de Produção e Difusão de Inovações para a Competitividade de Arranjos Produtivos Locais do Estado de Pernambuco (PROAPL), financiado pelo BID.

    Assuntos: secti, repepe, ecti-pe, banda larga
    Compartilhe: Link para o post:
  • UPE AMPLIA QUADRO DE SERVIDORES COM MAIS MÉDICOS, PROFESSORES E ADMINISTRATIVOS

    | Emprego, Tecnologia

    Desde o início de sua gestão, o reitor da Universidade de Pernambuco, Profº Pedro Falcão, tem conseguido ampliar o quadro de médicos e servidores técnico-administrativos para os hospitais, e professores para as diversas unidades da UPE espalhadas pelo estado. O gestor realizou o concurso de servidores para a Reitoria e para as unidades de educação, inclusive para as unidades do interior do estado que foram criadas e até o momento ainda não possuem servidores do quadro da universidade.  Em breve esta realidade mudará com a convocação dos aprovados. 

    Um novo edital para mais um Concurso Público, desta vez oferecendo 110 vagas para professores, está sendo elaborado e nos próximos dias serão abertas as inscrições, contemplando todas as unidades de educação da UPE. 

    "Com o apoio do Governo do Estado, com a sensibilidade do governador Paulo Câmara, estamos conseguindo organizar o quadro de servidores dos hospitais universitários e das unidades de ensino. Tivemos concursos, e estamos ainda com um planejamento para os próximos meses, que devem proporcionar novas oportunidades de ingresso para profissionais que queiram trabalhar na Universidade de Pernambuco" - afirma o reitor.

    QUASE 800 NOVOS SERVIDORES EM TRÊS ANOS: De 2015 a 2017, já foram admitidos 788 novos servidores na UPE, sendo 98 médicos, 172 professores universitários, 149 analistas técnicos (sendo 115 enfermeiros), e 359 assistentes, dos quais 344 foram técnicos em enfermagem. 

    MAIS CONVOCADOS: Na semana passada, Profº Pedro Falcão, juntamente com a Pró-Reitora de Desenvolvimento de Pessoas (Prodep), Profª. Vera Gregório, deram posse a novos professores e médicos que passam a compor o quadro da instituição.

    O reitor da UPE deu boas vindas a todos e ressaltou a importância da chegada do grupo às unidades. Profº Pedro Falcão fez, durante o encontro, uma apresentação da Universidade, desejou um bom trabalho aos novos servidores e lembrou que eles têm a missão de formar recursos humanos e gerar conhecimentos. A posse aconteceu na Reitoria da UPE.

    Assuntos: secti, upe, concurso publico, servidores
    Compartilhe: Link para o post:
  • Inscrições para seleção simplificada na ATI são prorrogadas até dia 15

    | Emprego, Tecnologia

    As inscrições para a seleção simplificada do Governo de Pernambuco para a contratação de 20 profissionais para a Agência Estadual de Tecnologia da Informação (ATI-PE) foram prorrogadas até a próxima sexta (15/09). O resultado da seleção será divulgado no dia 23 de outubro, pelo site www.ati.pe.gov.br . Conforme publicado no Diário Oficial do Estado nessa terça (12/09), não será admitido e computado o tempo de serviço prestado concomitantemente em uma mesma tecnologia/metodologia para fim de pontuação de experiência profissional.

    O cadastramento deve ser feito pelos Correios, via Sedex, com aviso de recebimento (AR). A ficha de inscrição, contida no edital, e os documentos exigidos precisam ser enviados para a Avenida Rio Capibaribe, 147, CEP: 50.020-080, no bairro de São José, no Recife. A inscrição presencial ocorre no térreo da ATI, nos dias úteis, das 8h30 às 12h e das 13h às 16h30.

    Há vagas para os seguintes cargos: arquiteto de software, analista de negócios, administrador de dados, testador/analista de qualidade de software, desenvolvedor mobile, desenvolvedor, analista de Infraestrutura em datacenter, analista de Infraestrutura de redes, além de desenvolvedor de Front-end/ Web Designer. Os salários vão de R$ 3.500 a R$ 5.500.  Do total de vagas, 5% serão reservadas para pessoas com deficiência.

    Assuntos: ati, seleçao, inscriçao
    Compartilhe: Link para o post:
  • Termina nessa segunda (11/09) o prazo de inscrição da seleção simplificada na ATI

    | Emprego, Tecnologia

    As inscrições para participar da seleção simplificada para a contratação de 20 profissionais para trabalhara Agência Estadual de Tecnologia da Informação (ATI-PE) terminam na segunda-feira (11 de setembro). Há vagas para arquiteto de software, analista de negócios, administrador de dados, testador/analista de qualidade de software, desenvolvedor mobile, desenvolvedor, analista de Infraestrutura em datacenter, analista de Infraestrutura de redes, e desenvolvedor de Front-end/ Web Designer. Do total de vagas, 5% serão reservadas para pessoas com deficiência.

    Os salários vão de R$ 3.500 para desenvolvedor de Front-end/web designer a R$ 5.500 para arquiteto de software. O cadastramento pode ser feito pelos Correios, via Sedex, com aviso de recebimento (AR). A ficha de inscrição, contida no edital, e os documentos exigidos precisam ser enviados para a Avenida Rio Capibaribe, 147, CEP: 50.020-080, no bairro de São José, no Recife. Ou se preferir a inscrição presencial basta se deslocar até o prédio da ATI, nessa quarta (06/09) ou na próxima segunda (11/09), das 8h30 às 12h e das 13h às 16h30. Visto que amanhã é feriado de 07 de setembro e na sexta (08/09) não haverá expediente no órgão. O resultado da seleção será divulgado no dia 16 de outubro, pelo site www.ati.pe.gov.br.

    Assuntos: ati, seleçao, inscriçao
    Compartilhe: Link para o post:
  • Semana da Astronomia

    | Tecnologia

    Oficinas, lançamento de foguetes e observação do céu fazem a Semana de Astronomia no Espaço Ciência e Observatório da Sé.

    A Astronomia é o centro das atenções do Espaço Ciência e Observatório da Sé na próxima semana. De 11 a 15 de setembro, diferentes atividades e oficinas marcam a Semana da Astronomia que, este ano, tem como mote o conhecimento dos povos antigos e indígenas.

    “Observar o céu; orientar-se pela posição dos astros; marcar a passagem do tempo: dia e noite, meses, anos, estações sazonais... tudo isso é parte do conhecimento das mais diferentes civilizações. Precisamos resgatar essa nossa relação com o cosmos”, afirma o diretor do Espaço Ciência, Antonio Carlos Pavão.

    Realizada geralmente em setembro, a Semana da Astronomia lembra o mês de nascimento do alemão George Marcgrave, que fundou, no Recife, o primeiro Observatório das Américas, fazendo de Pernambuco uma referência histórica no que se refere à Astronomia.

    A montagem e lançamento de foguetes é uma das atrações. Quem participa da programação, tanto no Espaço Ciência quanto no Observatório da Sé, é o professor Antônio Carlos Miranda, da UFRPE, recentemente homenageado pela Câmara Municipal do Recife. Ele é responsável pelo projeto “Desvendando o Céu Austral”, que ajuda a popularizar o conhecimento astronômico no estado. “Miranda é o nosso Marcgrave contemporâneo”, afirma Antonio Carlos Pavão.

    ASTRONOMIA INDÍGENA – As constelações indígenas e o conhecimento dos povos antigos são temas de várias das atividades realizadas durante a semana. No Espaço Ciência, duas oficinas resgatam a observação dos astros para medir o tempo e prever fenômenos meteorológicos.

    Os visitantes poderão construir um relógio solar usando apenas papelão, caneta e cola. Com ele, poderão observar a posição da sombra projetada pelo sol e, a partir dela, descobrir a hora. Poderão também construir um Observatório Indígena com pedrinhas e papelão, para prever as estações sazonais e fenômenos como Solstícios e Equinócios.

    No Planetário, eles poderão observar a projeção de constelações indígenas e perceber que cada povo vê o céu de uma forma diferente. O que no Planetário é visto em forma de projeções, no Observatório da Sé poderá ser observado pelo telescópio. Durante a Semana, estarão visíveis constelações indígenas como as da Ema ou Avestruz Branca (Iandutim), dos Povos Tupinambá/Guarani, e da Anta do Norte, dos povos do Norte do Brasil.

    OFICINAS – Outros aspectos da Astronomia serão abordados em diferentes oficinas. A Teoria da Gravitação Universal, por exemplo, poderá ser melhor compreendida a partir da construção de um modelo de poço gravitacional que simula a deformação da estrutura do espaço–tempo a partir de um corpo denso. A atividade será realizada tanto no Espaço Ciência quanto no Observatório da Sé.

    Outra opção é conhecer melhor as fases e movimentos da Lua, em demonstração realizada no Espaço Ciência. Ou, no Observatório da Sé, construir um espectroscópio caseiro, instrumento destinado a separar os componentes de um espectro óptico e que ajuda cientistas a descobrir a composição química dos planetas e estrelas.

    OBSERVAÇÃO -  A observação do céu é outra atração da Semana da Astronomia. Tanto no Espaço Ciência quanto no Observatório da Sé, a observação do sol poderá ser feita a partir de telescópio equipado com filtro.

    Na Sé, o visitante pode observar, ainda, a Lua, que estará em sua fase minguante; e planetas como Saturno, Mercúrio e Júpiter. Dentre as  constelações, as mais visíveis serão Cruzeiro do Sul, Centauro, Escorpião, Virgem, Boieiro, Coroa Austral, Triângulo Austral, Lobo e Compasso. (confira ao lado o Mapa do Céu e, abaixo, as efemérides da semana).

    O Espaço Ciência funciona de segunda a sexta, das 8 às 12h e das 13 às 17h; e sábados e domingos, das 13:30 às 17h. O Observatório da Sé está aberto de terça a domingo, de 16 às 20h. Entrada gratuita.

    EFEMÉRIDES ASTRONÔMICAS DA SEMANA

    11- Saturno localizado na constelação de Ophiuchus

    12 - Mercúrio na sua maior elongação oeste

    13 - Lua na fase quarto minguante às 03h26

    14 - Passagem do satélite artificial Iridium na constelação do Cisne às 18h19

    15 - Júpiter fica visível até às 18h55

    16 - Mercúrio próximo de Marte

    17- Melhor dia para observar a luz cinérea na Lua, antes do alvorecer às 06h05

     
     
     
     
     
     
    Cidades: Recife
    Assuntos: espaço ciencia, semana da astronomia, secti
    Compartilhe: Link para o post:
  • ITEP está com inscrições abertas para oficinas gratuitas de informática

    | Tecnologia

    Estudantes da rede pública e participantes de organizações da sociedade civil podem inscrever-se no projeto gratuito Ocupe Linux, promovido pelo Instituto de Tecnologia de Pernambuco (ITEP) por meio do Centro Tecnológico de Cultura Digital (CTCD). O projeto visa a difusão do uso do software livre e contará com oito oficinas de informática, que serão realizadas às quartas-feiras. As inscrições seguem abertas até esta quarta-feira (06) e devem ser realizadas no link: https://goo.gl/forms/ZNQKrXhreFk5wyh43.

    Cada uma das oficinas oferece 25 vagas com carga horária de 3h por aula, que incluem exposição oral e realização de atividades sobre os conteúdos a serem trabalhados em cada um dos cursos. Os conteúdos desenvolvidos na oficina de Linux incluem: Conhecendo o Sistema Operacional Linux Ubuntu (e Jogos Educacionais), Ferramentas de Edição de Imagens – Gimp e Inkscape, Ferramentas de Edição de Vídeo – Openshot, Pacote de Escritório – LibreOffice (editor de texto, planilha e apresentação) e Internet – Navegação segura.

    Para participar da iniciativa é necessário ser maior de 14 anos, ter noções básicas de informática, estar cursando ou ter concluído Ensino Médio (será preciso apresentar comprovante de matrícula ou ficha 19 ou declaração da escola), e apresentar um documento oficial com foto. O resultado da seleção será divulgado no site do ITEP no dia 11 de setembro. As oficinas terão início no dia 13 de setembro. Mais informações: ctcd@itep.br.

    ServiçoProjeto Ocupe Linux

    Inscrições: https://goo.gl/forms/ZNQKrXhreFk5wyh43

    Calendário das oficinas: https://goo.gl/2VfFvC

    Conteúdo Programático: https://goo.gl/QmRp9f

    Local: CTCD - Centro Tecnológico de Cultura Digital - Av. Jardim Brasília, s/n – Peixinhos – Recife – PE.

    Cidades: Recife
    Assuntos: itep, ctcd, informatica
    Compartilhe: Link para o post:
  • Encerradas inscrições para Ciência Jovem

    | Educação, Tecnologia

    No dia 20 de setembro, serão divulgados os 270 selecionados dentre os cerca de 450 projetos inscritos

    Estão encerradas as inscrições de projetos para a 23ª Ciência Jovem – Feira Internacional de Ciência de Pernambuco. O próximo passo é a seleção, dentre os mais de 450 inscritos, dos 270 projetos que participarão do evento. A escolha será feita pela equipe de seleção e o resultado será divulgado no dia 20 de setembro. “Recebemos inscrições de todos os estados do país, sem exceção. E também do Paraguai, Chile, México e Colômbia”, afirma o diretor do Espaço Ciência, Antonio Carlos Pavão.

    A Feira é promovida pelo Espaço Ciência, Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado, e reúne trabalhos de todo o Brasil e de outros países. Acontece entre os dias 9 e 11 de novembro, no Shopping Paço Alfândega.

    São seis categorias: Iniciação à Pesquisa, para alunos da Educação Infantil e Ensino Fundamental (1º ao 5º ano); Divulgação Científica dirigida ao Ensino Fundamental (6º ao 9º ano); Incentivo à Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico, para estudantes de Ensino Médio; e Francis Dupuis, para projetos internacionais.

    A Ciência Jovem inclui, ainda, a categoria Educação Científica, voltada para professores. Os projetos têm o formato de relato reflexivo de uma experiência pedagógica vivenciada pelo professor com alunos da educação básica e ensino técnico profissionalizante, e são expostos na forma de pôster com apresentação oral.

    Todos os projetos passarão por um processo de seleção, realizado por uma equipe especializada, que avaliará o cumprimento das normas de inscrição e das regras de pesquisa; adequação do trabalho aos objetivos da categoria; apresentação de todo o material e informações solicitadas; criatividade e inovação; conhecimento científico do problema; maneira como foram levantados os dados e conduzido o projeto; profundidade da pesquisa; e clareza de apresentação na documentação do projeto.

    A lista dos 270 projetos selecionados será divulgada pelo site e fanpage do Espaço Ciência no dia 20 de setembro. “Estão todos convidados, desde já, a participar desse momento de troca, encontros, divulgação científica e revolução pedagógica que é a Ciência Jovem”, afirma Antonio Carlos Pavão

    Cidades: Olinda
    Assuntos: ciencia jovem, feira internacional de ciencia, secti, espaço ciencia
    Compartilhe: Link para o post:
  • Momento Inbarcatel reúne empresas incubadas para a troca de experiência no Parqtel

    | Tecnologia

    momento

    Indústria 4.0 é a realidade do órgão vinculado à Secti que tem como estratégia acelerar a inovação e ampliar a competitividade industrial do estado

    Imagine um braço robótico ou exoesqueleto controlado pelo cérebro e capaz de estimular a reabilitação neurológica de pacientes que tiveram Acidente Vascular Cerebral (AVC)? Agora, imagine que esse equipamento foi criado por uma startup e produzido por uma impressora 3D para os primeiros testes. Feito os ajustes necessários, o produto está pronto para ser produzido em série, tornando-se mais acessível à população.

    Esse novo produto já é real e foi desenvolvido pela Neurobots, uma das startups incubadas no Parque Tecnológico de Eletroeletrônicos e Tecnologias Associadas de Pernambuco (Parqtel), vinculado à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco (Secti) e localizado no Curado, na zona Oeste do Recife.

    Assim como a Neurobots, outros cinco projetos já fazem parte da Incubadora de Projetos de Inovação Tecnológica (INBARCATEL) do Parqtel. Eles puderam ser vistos durante o Momento INBARCATEL, realizado na terça-feira (30), na sede do Parqtel, quando os incubados tiveram oportunidade para apresentar os produtos que estão sendo desenvolvidos no local. “O momento serviu para que, juntos, nossas encubadas tivessem a oportunidade de trocar experiência. Acreditamos que, quando existe a integração do grupo é possível, inclusive, que novas ideias surjam”, destacou Fernanda Muniz, gestora Técnica do Parqtel.

    A iniciativa está inserida na nova revolução industrial, a chamada Indústria 4.0, que também é o foco do Parqtel como estratégia para acelerar a inovação e ampliar a competitividade industrial do estado.

    Seis projetos já foram selecionados por meio de editais públicos para desenvolvimento de produtos e soluções inovadoras. São projetos nas áreas de Internet das Coisas (IoT), acústica automotiva e saúde. Uma terceira chamada, inclusive, está aberta até 14 de setembro. A meta do Parqtel é incubar 10 projetos até o final de 2017.

    A Senfio, empresa de Internet das Coisas, é uma das startups que está incubada no Parqtel e desenvolveu um equipamento que monitora remotamente a temperatura e umidade dos ambientes, ideal para geladeiras de vacinas e bolsas de sangue. A startup já está produzindo os dispositivos e comercializando. A empresa ficou em 6ª colocação no Top 10 da Open Innovation Week, um dos principais eventos de empreendedorismo e inovação do país. Durante a sua 9ª edição, realizada no fim de fevereiro, investidores, agentes do ecossistema, startups e empresas elegeram as startups que mais chamaram a atenção.

     

    Durante o Momento Inbarcatel foi possível verificar o que cada projeto estava desenvolvendo e quais parceria poderiam ser firmadas entre os incubados

    Nova rota – O investimento do Governo de Pernambuco no Parqtel, a partir do novo direcionamento com foco na Indústria 4.0 (manufatura avançada), visa possibilitar que Pernambuco enfrente, adapte-se e saia na frente diante deste cenário de desenvolvimento do futuro – que já chegou. A iniciativa faz parte da Estratégia de Ciência, Tecnologia e Inovação para Pernambuco, elaborada pela Secti para os próximos cinco anos.

    Parqtel – Além de buscar criar um ambiente focado em manufatura avançada (Indústria 4.0) e incentivar projetos inovadores, o Parqtel vem sendo reestruturado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco para garantir os equipamentos necessários em todas as etapas do desenvolvimento desses produtos. Como iniciativas em andamento, o Parqtel tem a incubadora de projetos de inovação tecnológica (Inbarcatel), a implantação dos laboratórios do Centro de Pesquisa e Inovação em Manufatura Avançada (CMA-Parqtel) e o apoio à implantação do Instituto de Inovação Tecnológica da UPE.

    O Parque se reestruturou para dar dinamismo e atender à demanda dos empreendimentos em instalação no Estado e ao mesmo tempo, e de forma complementar, produzir e acelerar o crescimento de novas iniciativas locais com potencial de inserção no mercado global.

    No local as atividades são pensadas de forma a contemplar as diversas fases do processo de produção de um produto, contemplando os estágios da invenção, prova de conceito, desenvolvimento de protótipo e até comercialização. 

    Assuntos: secti, parqtel
    Compartilhe: Link para o post:
  • Dia do Biólogo no Espaço Ciência

    | Tecnologia

    Espaço Ciência terá programação especial neste domingo, Dia do Biólogo


    O Espaço Ciência, Museu Interativo de Ciência da Secretaria de Ciência,  vai comemorar o Dia do Biólogo com uma programação especial neste domingo, 3 de setembro. “Serão dez oficinas, distribuídas entre as diferentes especialidades da profissão: geneticista, ambientalista, ecologista, zoólogo, oceanógrafo, microbiologista, paleontobiólogo, biólogo marinho, anatomista e ornitólogo”, explica Fabiana do Carmo, da Coordenação de Meio Ambiente e Manguezal do Espaço Ciência.

    O passeio de barco pelo manguezal e espelho d’água completa a programação. O Espaço Ciência integra a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado.
    Na área de genética, os visitantes podem se divertir com a extração do próprio DNA. Podem experimentar serem ambientalistas por um dia com a realização do diagnóstico ambiental: observação do ecossistema, coleta de dados, coleta e análise de água e de solo, entre outras atividades.

    Como biólogos ecologistas, os visitantes poderão participar de uma divertida brincadeira, na qual deverão caçar “vestígios” de diferentes espécies, tentando resgatar, sobretudo, as que estão em extinção. Em outra oficina, experimentarão o trabalho de zoólogos ao confeccionar caixas entomológicas, com catalogação de insetos.

    Os aprendizes de oceanógrafos poderão conhecer um pouco mais sobre os tubarões e, em microbiologia, poderão coletar e observar colônias de bactérias. Outra opção é brincar de paleontobiólogo, buscando imitações de fósseis e entendendo como lidar com eles. Na área de Biologia Marinha, a atividade é o Pesque e Aprenda, na qual poderão pescar um peixe de verdade, observar sua morfologia e depois soltá-lo novamente em seu habitat.

    Outra oficina aborda o trabalho de um anatomista: os participantes utilizarão um dorso para conhecer e montar o corpo humano por dentro. Já na atividade do ornitólogo, a oficina utilizará materiais que simulam diferentes tipos de bicos e poderão entender como as espécies de aves se adaptam ao seu ambiente.

    Completa a programação o passeio pelo espelho d’água ou manguezal, em um barco movido exclusivamente à energia solar. O passeio pelo manguezal está condicionado à situação da maré. Nos domingos, o Espaço Ciência funciona de 13:30h às 17h. Grupos de mais de dez pessoas devem agendar a visita pelo telefone: (81) 3241.3226.
    Cidades: Olinda
    Assuntos: espaço ciencia, dia do biologo, secti
    Compartilhe: Link para o post: