meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • Funase terá seleção simplificada para contratar 496 agentes socioeducativos

    | Emprego

    Chamamento público para escolha da empresa responsável pelo processo foi publicado no Diário Oficial desta terça (10)

    A Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) se prepara para abrir uma seleção pública simplificada com 496 vagas para agentes socioeducativos por tempo determinado. Na edição desta terça-feira (10) do Diário Oficial do Estado (DOE), a instituição publicou o Aviso de Chamamento Público 02/2018, que tem como objetivo contratar a empresa que ficará responsável pelo processo seletivo.

    As vagas a serem abertas serão voltadas ao preenchimento de quadros nas unidades situadas na Região Metropolitana do Recife. Inicialmente, seriam 296 oportunidades, mas, a partir de um esforço do Governo do Estado, por meio da Funase, esse quantitativo foi ampliado em mais 200 vagas, o que permitirá uma recomposição mais abrangente do número de funcionários.

    “Tínhamos autorização para 296 vagas, mas houve um esforço integrado da Funase e da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ) e conseguimos ampliar esse quantitativo”, comentou a diretora geral de Gestão do Trabalho e Educação da Funase, Nadja Oliveira, durante o Encontro de Gestores da instituição, realizado nesta terça, no auditório do Centro de Formação dos Servidores e Empregados Públicos do Estado de Pernambuco (Cefospe).

    Assuntos: sdscj, funase, vagas, trabalho,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Governo de Pernambuco oferece 260 vagas para cursos profissionalizantes

    | Educação, Emprego

    Treinamentos beneficiam os municípios: Recife, Jaboatão dos Guararapes, Paulista, Águas Belas, Caruaru e Cupira

     O Programa Novos Talentos e o Projeto de Incentivo ao Desenvolvimento do Empreendedor Individual e Autônomo (Projeto IDEIA), ambos realizados pela Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação de Pernambuco (Sempetq), disponibilizam 260 vagas para cursos gratuitos nos municípios de Recife, Jaboatão dos Guararapes, Paulista, Águas Belas, Caruaru e Cupira. As aulas são ministradas pelo Senai e as inscrições acontecem pelo site www.sempetq.pe.gov.br a partir desta segunda-feira (9) até o dia 13 de abril. 

    As capacitações realizadas pela Sempetq acontecem depois de um criterioso diagnóstico. O levantamento prioriza a geração de renda, a capacidade de absorção da mão de obra e a vocação de cada região. 

     Com a crise econômica, sabe-se que muitos consumidores têm optado por reformar ou fazer a manutenção em vez de comprar novos artigos e equipamentos. Com isso, negócios na área de consertos são uma tendência. E esse é o tema das capacitações em Águas Belas (Manutenção Mecânica de Motocicleta), Cupira (Manutenção de Máquina de Costura Industrial) e Jaboatão dos Guararapes (Manutenção de Refrigeradores, Freezers e Bebedouros Convencionais).

     O setor de alimentação é outro bastante procurado por todos aqueles que querem iniciar um negócio. Em Paulista, haverá o curso de Panificação. 

     No Recife, as vagas são para capacitação na área automotiva. São 25 vagas para Mecânico de Freios, Suspensão e Direção de Veículos Leves e outras 25 vagas para Eletricista de Automóveis.

     Por fim, há vagas para o curso de Gestão de Estoque em Caruaru.

     IDEIA - Desenvolve ações de fomento ao empreendedorismo, gerando oportunidades para os trabalhadores autônomos, Microempreendedores Individuais (MEI), Empreendedores Informais e em Potencial, ou seja, todos aqueles que desejam empreender. Os alunos recebem capacitação profissional e orientação empresarial para aperfeiçoar os respectivos negócios. 

     NOVOS TALENTOS - Criado em 2011, já capacitou mais de 30 mil trabalhadores e empreendedores pernambucanos. Tendo por base a gratuidade do Sistema S, o qual promove cursos gratuitos de qualificação profissional nas diversas áreas da Indústria, Construção Civil, Comércio e Serviços, com foco preferencial nos empreendimentos estruturadores instalados ou em processo de instalação nas diversas Regiões de Desenvolvimento (RDs) de Pernambuco. O Novos Talentos oferece cursos de qualificação profissional, a partir de 100 horas até 500 horas e cursos técnicos, a partir de 800 horas.Informações: (81) 3184-7877/ 3184-7867 ou 3183-7232.

    Águas Belas
    Curso: Manutenção Mecânica de Motocicleta
    Inscrições: 9 a 13 de abril.
    Início das aulas: 16 de abril.
    Carga horária: 100h.
    Turno: uma turma à tarde e outra à noite.
    Vagas: 60.

    Caruaru
    Curso: Gestão de Estoque
    Inscrições: 9 a 13 de abril.
    Início das aulas: 23 de abril.
    Carga horária: 32h.
    Turno: Noite.
    Vagas: 25.

    Cupira
    Curso: Manutenção de máquina de costura industrial
    Inscrições: 9 a 13 de abril.
    Início das aulas: 23 de abril.
    Carga horária: 120h.
    Turno: Uma turma pela manhã e outra à tarde.
    Vagas: 50. 

    Jaboatão dos Guararapes
    Curso: Manutenção de refrigeradores, freezers e bebedouros convencionais

    Inscrições: 9 a 13 de abril.
    Início das aulas: 25 de abril.
    Carga horária: 60h.
    Turno: Duas turmas à tarde.
    Vagas: 50.

    Paulista
    Curso: Panificação
    Inscrições: 9 a 13 de abril.
    Início das aulas: 23 de abril.
    Carga horária: 100h.
    Turno: Manhã.
    Vagas: 25.

    Recife
    Mecânico de Freios, Suspensão e Direção de Veículos Leves
    Inscrições: 9 a 13 de abril.
    Início das aulas: 2 de maio.
    Carga horária: 164h.
    Turno: Tarde
    Vagas: 25

    Recife
    Eletricista de Automóveis
    Inscrições: 9 a 13 de abril.
    Início das aulas: 2 de maio.
    Carga horária: 200h.
    Turno: Tarde
    Vagas: 25

    Assuntos: sempetq, governo de pernambuco, empreendedor individual, cursos profissionalizantes, projeto ideia,
    Compartilhe: Link para o post:
  • 101º CONDIC marca ampliação de operações de três multinacionais

    | Economia, Emprego


    condic

    Na primeira reunião de 2018, Nestlé, Bosh e Unilever confirmaram mais investimentos no Estado

    A ampliação das operações em Pernambuco da Nestlé, Bosh e Unilever foi um dos atrativos da 101ª reunião do Conselho Estadual de Políticas Industrial, Comercial e de Serviços (Condic), que se reuniu pela primeira vez este ano para analisar projetos de concessão de incentivos fiscais de empreendimentos interessados em se implantar ou ampliar suas atividades em Pernambuco. O encontro aconteceu na manhã desta segunda-feira (02/04) no auditório da Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper). Mais outros três encontros estão programados para ocorrer ainda este ano, em junho, setembro e dezembro, respectivamente.

    A Nestlé anunciou a instalação de sua primeira linha de produção no estado de Pernambuco, em Garanhuns. A unidade deve fabricar leite em pó com a marca Ninho para distribuição exclusiva na região Nordeste. Enquanto isso, o Centro de Distribuição da Bosch, localizado na cidade de Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife, passará a contar também com uma linha de produção para montagem final de furadeiras, serra mármore e esmerilhadeira. Essa ampliação de escopo, de centro logístico agregando uma linha de montagem, está alinhada à estratégia da divisão de Ferramentas Elétricas de aumentar sua presença na região, assim como melhorar a eficiência logística e reduzir o tempo de entrega de seus produtos para todo o Nordeste. Já a Unilever, em Ipojuca, fará a manutenção do poder competitivo.

    Nesta reunião do Condic, foram aprovados 28 projetos, sendo 21 de indústrias (8 no interior), 5 de importadoras e 2 de centrais de distribuição. O Governo do Estado conseguiu atrair investimentos em indústrias na ordem de R$ 99,5 milhões, sendo R$ 64,5 milhões destinados à RMR e R$ 35,02 milhões para o interior.

    Estes investimentos projetam a geração de 510 postos de trabalho, dos quais 167 estarão sediados no interior do Estado e 343 na Região Metropolitana do Recife. Ao todo, 17 municípios foram contemplados, sendo 9 na RMR e 8 no interior. São eles: Paulista, Igarassu, Jaboatão dos Guararapes, Recife, Camaragibe, Abreu e Lima, Cabo de Santo Agostinho, Ipojuca, Glória do Goitá, São José do Egito, Caruaru, Pombos, Garanhuns, Surubim, Nazaré da Mata e Escada. Das 12 Regiões de Desenvolvimento (RD) de Pernambuco, 7 foram contempladas: RMR, Mata Norte, Mata Sul, Sertão do Pajeú, Agreste Central, Agreste Meridional e Agreste Setentrional.

    DESTAQUES DA 101ª REUNIÃO DO CONDIC

    • 28 projetos: sendo 21 indústrias, 05 importadoras e 02 centrais de distribuição;
    • Total de empregos: 510 sendo 167 no interior e 343 na RMR;
    • Das indústrias, 09 de implantação, 07 de ampliação com nova linha de produtos, 03 de ampliação com nova linha de produtos/isonomia, 01 de isonomia/ampliação e 01 de manutenção do poder competitivo;
    • 13 projetos na Região Metropolitana totalizando R$ 64,5 milhões;
    • 08 projetos contemplados no interior totalizando R$ 35,02 milhões;
    • 09 municípios contemplados na RMR: Paulista, Igarassu, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Recife, Camaragibe, Abreu e Lima, Cabo de Santo Agostinho e Ipojuca;
    • 08 municípios contemplados no interior: Glória do Goitá, São José do Egito, Caruaru, Pombos, Garanhuns, Surubim, Nazaré da Mata e Escada.

    DIVISÃO DE PROJETOS NAS SETE REGIÕES DE DESENVOLVIMENTO (RDs):

    • 19 na RD Metropolitana: Recife (03), Jaboatão dos Guararapes (05), Paulista (01), Ipojuca (01), Olinda (03) e Cabo de Santo Agostinho (03), Igarassu (01), Camaragibe (01), e Abreu e Lima (01);
    • 09 no interior distribuídos nas seguintes RDs:
    • 02 na Mata Sul – Escada (01) e Pombos (01);
    • 03 na Mata Norte – Glória do Goitá (02) e Nazaré da Mata (01);
    • 01 Agreste Central – Caruaru (01);
    • 01 no Agreste Meridional – Garanhuns (01);
    • 01 no Agreste Setentrional – Surubim (01);
    • 01 no Sertão do Pajeú – São José do Egito (01);

    TRÊS MAIORES EMPREGADORES:

    1. Megaplus Indústria de Alimentos Ltda. – Ampliação com nova linha de produtos no Recife – 70 vagas;
    2. CTR PE – Central de Tratamento de Resíduos Ltda. – Implantação em Igarassu - 68 vagas;
    3. Unilever Brasil Industrial Ltda. – Manutenção do poder competitivo - 63 vagas.

    TRÊS MAIORES INVESTIDORES:

    1. Megaplus Indústria de Alimentos Ltda. – Ampliação com nova linha de produtos no Recife - R$ 25,8 milhões;
    2. CTR PE – Central de Tratamento de Resíduos Ltda. – Implantação em Igarassu – R$ 24,5 milhões;
    3. Nestlé Nordeste Alimentos e Bebidas Ltda. – R$ 11,2 milhões.

    IMPORTAÇÃO – A reunião de hoje aprovou um total 5 projetos de importação. São eles: a implantação da unidade da Intermobile – Comércio e Importação de Produtos para Higiene Pessoal e Doméstico Ltda., em Jaboatão dos Guararapes.  Será ampliada a unidade da Connectway Soluções Inteligentes em Tecnologia Ltda – EPP, no Recife. Haverá ainda a ampliação com nova linha de produtos da Eurostar do Brasil S/A, em Jaboatão dos Guararapes; e da Mary Kay do Brasil Ltda., no Cabo de Santo Agostinho. Além disso, será feita a ampliação/ampliação com nova linha de produtos da Redil Comércio Importação e Exportação de Embalagens Ltda., em Jaboatão dos Guararapes.    

    CENTRAIS DE DISTRIBUIÇÃO – Foram 2 projetos aprovados para ampliação com nova linha de produtos. Entre os destaques que receberam parecer favorável estão a Carta Goiás Indústria e Comércio de Papéis Ltda., em Glória do Goitá; e Mary Kay do Brasil, no Cabo de Santo Agostinho.

    SOBRE O PRODEPE

    O Programa de Desenvolvimento do Estado de Pernambuco (Prodepe) compreende um conjunto de incentivos fiscais direcionados para alguns setores da atividade econômica, entre os quais destacam-se: industrial, central de distribuição e importador atacadista. O pacote destina-se a atrair novos investimentos para Pernambuco e manter em seu território aqueles já existentes. O programa foi instituído pela Lei nº 11.675, de 11 de outubro de 1999, e regulamentado por meio do Dec. nº 21.959, de 27 de dezembro de 1999, e respectivas alterações. É um dos programas mais robustos do gênero, pela abrangência e escalonamento de percentuais em função da localização dos empreendimentos, e transparentes, por dar publicidade aos atos através de decretos específicos no Diário Oficial.

    A AD DIPER

    A Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper) é ligada à Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico (SDEC) e tem como missão apoiar o desenvolvimento econômico e social do Estado por meio de ações indutoras e do apoio aos setores industrial, agroindustrial, comercial, de serviços e de artesanato. Tem como desafio interiorizar o desenvolvimento, integrando o médio e pequeno produtor ao dinamismo econômico local.

     

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Projetos de piscicultura financiados pelo ProRural abastecem os mercados de peixe para a Semana Santa

    | Economia, Emprego, Meio Ambiente

    tilalpia 

    O investimento do Governo de Pernambuco na piscicultura transformou a economia da região e a vida de muitos sertanejos que hoje vivem da produção do peixe.

    A produção de tilápia, dos projetos financiados pelo Governo de Pernambuco e pela Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, através do ProRural, vai abastecer grande parte dos mercados de peixe para a Semana Santa. Com um investimento de aproximadamente R$ 3 milhões, em dez projetos já concluídos e outros seis em implantação, os piscicultores familiares organizados em associações e apoiados pelo Programa serão responsáveis por quase 400 toneladas do pescado negociado durante a quaresma.

    A tilápia que será vendida nas feiras livres do Sertão de Itaparica e de outros Estados, nesse período, devem movimentar a economia local com um aporte de mais de R$ 2,5 milhões vindo da piscicultura. A procura pelo produto começa a crescer gradativamente nos meses de fevereiro e março, mostra também a valorização do pescado de qualidade produzido pelos produtores familiares e individuais da região, incentivados pelo Governo do Estado.

    Durante a Semana Santa 2018, a expectativa dos piscicultores é de que todo o pescado disponível seja negociado neste período. Totalizando, a produção das associações que já produzem uma média de 12 toneladas/mês, mais de 200 toneladas de tilápia ainda chegará às mesas dos consumidores até o final de março.

    Pioneiro na implantação de projetos produtivos desde 2004, o ProRural analisa agora a  implantação da planta frigorífico de beneficiamento do pescado. Segundo o coordenador do Escritório do ProRural em Petrolândia, Kleyton Lima, o novo projeto, orçado em R$3 milhões, vai atender uma demanda da cooperativa dos piscicultores da região, para que possam acessar novos mercados institucionais (PNAE, PAA) e comércio varejista. “Além disso, com o beneficiamento do filé de peixe e subprodutos, será permitido aos produtores agregar valor à tilápia, como também atender as condições sanitárias exigidas por lei”, informa.

    Para fomentar a piscicultura que ainda é crescente no Sertão Pernambucano, o ProRural/FECope presta ainda assistência técnica, com acompanhamento mensal realizado por engenheiros de pesca. Junto com as associações, os profissionais realizam planejamento gerencial e produtivo, para que a produção de períodos sazonais como da Semana Santa atenda as exigências e quantitativos do mercado que hoje já tem uma demanda maior do que a oferta, o que contribui expressivamente para a melhoria da rentabilidade dos piscicultores organizados em associações.

    Segundos dados da Embrapa/UNEB, o Polo do São Francisco, nos estados de Pernambuco, Bahia e Alagoas, nos Lagos de Moxotó, Itaparica e Xingó, é o segundo maior polo de produção de tilápia do Brasil, com a produção de aproximadamente 50 mil toneladas em 2017. O município de Jatobá/PE é o maior produtor de tilápia do estado de Pernambuco, seguido, respectivamente, de Petrolândia, Itacuruba e Belém do São Francisco, todos do Sertão de Itaparica.

    Assuntos: sara, governo de pernambuco, psicultura, prorural, semana santa, tilapia,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Projeto Rescate realiza diagnóstico de cooperativas de catadores

    | Economia, Educação, Emprego

    catadores

    O Projeto de Desenvolvimento dos Catadores – Projeto Rescate e o Instituto Travessia apresentam, no dia 27 de março, as conclusões sobre o levantamento acerca do funcionamento e da organização das cooperativas e associações de catadores de 33 municípios pernambucanos. O diagnóstico, realizado graças a um convênio do Governo de Pernambuco com o MTE/SENAES, revela dados sobre o destino dos resíduos e a coleta seletiva em 24 cooperativas. A reunião acontecerá durante a reunião ordinária do Comitê Estadual de Resíduos Sólidos, na Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco (Semas), no Recife.

    Segundo Maria Augusta Vieira de Mello, da Gerência de Economia Solidária da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação (Sempetq), os dados do levantamento subsidiarão as capacitações e políticas públicas para o segmento. “Estamos identificando a quantidade e tipos de materiais que eles coletam, a quantidade de catadores e a quem eles vendem, além do custo por produto”, afirma.

    Em janeiro, a equipe da Sempetq e o Instituto Travessia, responsável pela execução do diagnóstico situacional das ações, realizaram visitas institucionais às prefeituras nos municípios da Região Metropolitana do Recife e da Região da Mata Norte. O mapeamento identificou o perfil social, econômico e cultural dos catadores para o fortalecimento das cadeias produtivas e reconhecimento das legislações a práticas dos municípios, além do quantitativo de catadores. O levantamento subsidiará as políticas públicas municipais e estadual de resíduos sólidos. A próxima etapa de diagnóstico prevê a identificação dos catadores avulsos.

    Encerradas as visitas de diagnóstico situacional, serão realizadas capacitações e a inclusão dos catadores em um cadastro para benefícios sociais. O projeto terá continuidade com a realização da inclusão cidadã através de ações e acesso aos serviços de saúde, emissão de documentos, lazer, cultura, programas de educação e qualificação profissional. Os cursos de formação serão voltados para os assuntos de associativismo, cooperativismo, autogestão, economia solidária e cadeia produtiva em resíduos sólidos.

    22ª Reunião Ordinária do Comitê Estadual de Resíduos Sólidos – CERS
    Data: 27 de Março de 2018.
    Local: Auditório da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade – SEMAS. Avenida Rosa e Silva, nº 1339 – Jaqueira.
    14h – Apresentação SEMPETQ - Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação do Estado de PE - Projeto de Desenvolvimento dos Catadores e Catadoras no Estado de Pernambuco- RESCATE/Meta II - Diagnóstico fase Palestrante: Augusta Amaral.
    15h - Lançamento e apresentação do livro Gestão de Resíduos no Nordeste do Brasil. Palestrantes: Lúcia Helena Xavier (Cetem), Fernando Jucá (UFPE) e Rômulo Menezes (UFPE) (orgs.).

    Assuntos: semas, sempetq, projeto resgate, instituto travessia, governo de pernambuco,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Jucepe orienta Microempresários Individuais sobre o pagamento do INSS

    | Economia, Educação, Emprego

     MEI

    Toda quarta-feira acontece a palestra "MEI - Para Começar Bem", evento promovido pelo Expresso Empreendedor - Recife, da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação do Governo de Pernambuco (Sempetq). Esse evento é realizado no auditório da Junta Comercial de Pernambuco (Jucepe), das 9h às 11h, e destina-se principalmente a quem planeja se formalizar como Microempreendedor Individual (MEI).

    Na palestra, a consultora do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) Fabiana Gomes tirou dúvidas e orientou o Microempreendedor Individual sobre o pagamento do INSS. “Na condição de MEI, o microempresário poderá pagar o INSS com base em uma alíquota (percentual ou valor fixo aplicado sobre uma base de cálculo para calcular um tributo) reduzida a 5% do salário mínimo, que será recolhida mensalmente, através da DAS (Documento de Arrecadação do Simples)", contou Fabiana.

    A consultora também falou da importância de ser assegurado pelo INSS. “Além de garantir a aposentadoria no futuro, o pagamento confere ao microempreendedor individual o status de assegurado da previdência. Entre os benefícios estão auxílio nos casos de invalidez, morte e idade avançada”, comentou.

    Perguntada sobre o recolhimento da DAS, Fabiana falou que os valores são fixos e podem ser consultados no Portal do Empreendedor. "No geral, o Microempreendedor Individual deve contribuir com 5% do valor do salário mínimo somado a R$ 1 de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) e R$ 5 de ISS (Imposto sobre Serviços de qualquer natureza). Se o MEI é dono de um comércio, por exemplo, pagará 5% do valor do salário mínimo mais o ICMS. Se for um prestador de serviço, pagará 5% do salário mínimo mais o ISS. Caso a atividade seja mista, o MEI vai pagar 5% do salário mínimo, mais R$ 1 de ICMS e R$ 5 de ISS", concluiu 

    Ainda durante a palestra, Karolina Duarte, representando a Agência de Fomento do Estado de Pernambuco (Agefepe), apresentou os benefícios relacionados às linhas de crédito para os novos Microempreendedores Individuais.

    Edi Jacinto, que se formalizou antes do encontro, conta que a palestra é bastante esclarecedora. “Cheguei cheio de dúvidas com relação à emissão de notas fiscais, saio da palestra mais tranquilo, formalizado e pronto pra tocar o meu negócio”, concluiu Edi.

    A próxima palestra será realizada quarta-feira (28). Os interessados podem se inscrever no local (Rua Imperial, 1600) ou antecipadamente pelo telefone do Expresso Empreendedor - Unidade Recife: (81) 3182-2800.

    Foto: Rômulo França. 

    Assuntos: sempetq, empresso empreendedor, mei, jucepe, microempreendedor individual, agefepe,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Reeducandos iniciam cursos de qualificação em parceria com empresa Ferreira Costa

    | Emprego, Direitos Humanos

    São 75 vagas em três cursos, promovidos pelo Patronato Penitenciário em parceria com a empresa. Aulas iniciam nesta quarta, 21.

    “Eletricista do Futuro”, “Como prevenir sua obra de umidades e infiltrações” e “Como montar seu telhado perfeito” são cursos oferecidos este mês para 75 reeducandos do regime aberto e livramento condicional, na Imbiribeira. A ação é do governo de Pernambuco, através da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH) e Patronato Penitenciário, em parceria com a empresa Ferreira Costa.

    O primeiro curso “Eletricista do Futuro” começou ontem, 21 e segue até a sexta, 23, das 17:30 às 20:00. Serão contemplados reeducandos que já concluíram capacitações nas áreas de Eletricista Geral e Eletricista Predial também pela Secretaria de Justiça e Direitos Humanos.,

    Já nos dias 27 e 28 deste mês, mais 50 reeducandos vão assistir às aulas sobre: “Como prevenir sua obra de umidades e infiltrações” e “Como montar seu telhado perfeito”. Esta é a segunda vez que a empresa Ferreira Costa realiza cursos para reeducandos do regime aberto e livramento condicional no Recife.

    Curso: Curso “Eletricista do Futuro”, para reeducandos do regime aberto e livramento condicional
    Local: Ferreira Costa - Av. Mal. Mascarenhas de Morais, 2967. Imbiribeira.
    Horário: 17:30 às 20:00 

    Cidades: Recife
    Assuntos: sjdh, patronato penitenciario, eletricista, capacitaçao,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Oficina Canvas e benefícios da formalização do MEI são os temas das palestras na Agência de Empreendedorismo na próxima semana

    | Emprego

     Mei

    Visando orientar os cidadãos sobre a Lei do MEI, empreendedores e interessados que queiram tirar as ideias de negócio do rascunho podem conferir as palestras gratuitas na Agência do Empreendedorismo, no Recife. As capacitações são oferecidas pela Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação do Governo de Pernambuco (Sempetq) entre os dias 26 e 29 de março. Entre as principais dúvidas do público que busca atendimento nas unidades do Expresso Empreendedor e na Agência de Empreendedorismo estão questões como a formalização do negócio e os benefícios do MEI.

    As palestras têm por objetivo orientar empreendedores sobre a melhor forma de começar um negócio ou incrementar projetos já em andamento.  Na segunda feira-feira (26), a supervisora do Expresso Empreendedor Recife, Rafaela Airola, fala sobre a Lei do MEI e como os empreendedores devem agir antes e depois da formalização. Na terça (27), é a vez da palestra “Começar bem: o caminho do empreendedorismo” ministrada pelo Sebrae. No dia seguinte, a oficina Canvas com o gerente de Apoio a Micro e Pequena Empresa da Sempetq, Rainier Guedes, abordará a modelagem de negócios.

    As inscrições e outras informações podem ser feitas pelos telefones: (81) 3183-7238/3183-7237/3183-7257 ou presencialmente na sede da Agência de Empreendedorismo, localizada na Rua da União, nº 293, Boa Vista.

    26/03 - Lei do MEI - 9h às 11h
    27/03 - Começar bem: o caminho do empreendedor (SEBRAE) - 9h às 11h
    28/03 – Oficina Canvas – 9h às 12h

    Assuntos: sempteq, mei, micro emprendedor,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Adolescentes aprendem sobre manutenção, montagem e desmontagem de bicicletas

    | Educação, Emprego, Direitos Humanos

     socioeducandos

    Aulas são ministradas no Case Abreu e Lima, pelo Senai, aliando teoria e prática. Ao final, todos recebem certificados

    Vinte e quatro socioeducandos do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) Abreu e Lima participam do curso de Mecânica de Bicicletas, ministrado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). Oportunidade é oferecida por meio de convênio firmado, no fim do ano passado, entre a Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) e a Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação de Pernambuco (Sempetq).

    No curso de Mecânica de Bicicleta, além de aprenderem sobre manutenção, montagem e desmontagem das bicicletas, juntando teoria e prática, os jovens também têm módulos de cidadania, ética e empreendedorismo, para que possam ter noções de como abrir o próprio negócio no futuro. Em contato com todo esse conhecimento, A.S., de 17 anos, já projeta uma vida diferente após o curso. “As aulas estão me ajudando a aprender mais coisas que vão ajudar no meu futuro, como empreender e montar meu próprio negócio. Vão me ajudar a mudar de vida”, planeja.

    As aulas tiveram início em meados de Fevereiro e seguem até maio e são ministradas pelo professor de Mecânica de Automóveis do Senai Santo Amaro, Raimundo Gesteira. As aulas acontecem em duas turmas, tendo quatro horas de aula, na própria unidade, diariamente. “Os adolescentes têm muita energia. O nosso trabalho é conseguir canalizar essa energia em algo produtivo, para que eles possam ter um futuro diferente. Está sendo gratificante para mim aprender a realidade da socioeducação”, destacou Gesteira.

    As primeiras turmas iniciadas no Case Abreu e Lima já foram finalizadas. Os concluintes dos cursos de Eletricista Predial de Baixa Tensão e o de Gesseiro foram certificados em cerimônia realizada no auditório do Senai Paulista, no início desse mês. O coordenador geral do Case, Abinoan Barboza, lembra como os cursos estão ajudando a mudar a realidade da unidade. “As atividades promovem o despertar para práticas que eles não tinham, como vislumbrar uma atividade profissional e uma nova perspectiva de vida, além de impactar positivamente na frequência escolar dos jovens. Como instituição, a Funase está cumprindo o seu papel”, conclui.

    Restrospectiva - A parceria firmada entre a Funase e a Sempetq também beneficia os adolescentes do Case Cabo de Santo Agostinho, que atualmente oferece os cursos de Pintor de Automóveis e Mecânico de Motocicleta. E no início do mês também certificou os concluintes dos cursos de Eletricista de Automóveis e Instalador de Acessórios Automotivos.

    Até o fim deste ano, serão ofertadas, ao todo, 568 vagas, sendo 400 para o Case Cabo e as demais para o Case Abreu e Lima. A oferta desses cursos faz parte dos compromissos elencados no Plano de Curto Prazo da Funase já em execução, que foi lançado no ano passado.

    Ao todo, são 11 cursos diferentes, todos escolhidos pela Funase, com análise mercadológica da Sempetq, principalmente por meio de pesquisa de interesse realizada entre os socioeducandos, pelo Eixo Profissionalização da Fundação.

     

    Texto: Jeffrey Vila Nova 
    Foto: J. Damião/Funase

    Cidades: Abreu e Lima
    Assuntos: sempetq, case abreu e lima, socioeducandos, capacitação, mecanica de bicicletas, senai,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Artesãos recebem capacitação empreendedora no Dia Mundial do Artesanato

    | Economia, Emprego

     

    Criatividade, talentos manuais e muitas vezes uma tradição passada por gerações na mesma família. Na próxima segunda-feira (19) é o Dia Mundial do Artesão e para comemorar a data o Centro de Artesanato de Pernambuco realiza uma programação especial em uma semana de homenagens. A Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação do Governo de Pernambuco (Sempetq) é parceira dessa iniciativa e promove duas palestras voltadas à educação empreendedora.

    A primeira acontece na segunda-feira (19), às 14h, com o tema Associativismo, Cooperativismo e Economia Solidária, ministrada por Maria Augusta Vieira de Mello, da Gerência de Economia Solidária da Sempetq. Posteriormente, é a vez do gestor das unidades do Expresso Empreendedor e da Agência de Empreendedorismo, Murilo Nóbrega, tratar de assuntos como Atendimento ao Cliente, Empreendedorismo, Lei Geral do MEI e Educação Financeira, às 14h, no dia 20. As palestras são gratuitas e acontecem no auditório do Centro de Artesanato.

    Informações: www.sempetq.pe.gov.br ou pelo telefone 3184.7879     

    Assuntos: sempteq, artesao, centro de artesanato de pernambuco,
    Compartilhe: Link para o post: