meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • Consultora alerta para o controle de faturamento mensal dos Microempreendedores individuais

    | Emprego

    O Microempreendedor Individual (MEI) deverá registrar mensalmente, em formulário simplificado, o total das suas receitas. Para isso, será preciso imprimir e preencher todo mês o relatório de receita bruta conforme modelo disponível no Portal do Empreendedor. A informação foi repassada durante a palestra "MEI: para começar bem" realizada pelo Expresso Empreendedor - Recife, da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação do Governo de Pernambuco (Sempetq), no auditório da Junta Comercial de Pernambuco (Jucepe).

    Entre os participantes da palestra estava o casal Caio Masaharu e Isabela Raiana. Ela pretende abrir uma empresa no ramo de presentes. "A palestra foi ótima, já vou sair daqui formalizada", destacou Isabela. Caio disse que ficou sabendo na palestra que o Microempreendedor Individual não pode ter sócio, apesar disso, pretende esperar para formalizar a sociedade quando ela subir de categoria empresarial.  

    O evento acontece semanalmente com o apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). De acordo com a palestrante Fabiana Gomes, o Microempreendedor Individual precisa guardar as notas fiscais de compras e aquisições e guardar as notas fiscais emitidas. "Apesar de muitos microempreendedores não gostarem de fazer o controle de gastos, essa atitude dirá se a empresa está tendo rentabilidade ou não", concluiu.

    A próxima palestra será realizada quarta-feira (8/11), das 9h às 11h. Os interessados podem se inscrever no local (Rua Imperial, 1600) ou antecipadamente pelo telefone do Expresso Empreendedor - Unidade Recife: (81) 3182-2800.

    Cidades: Recife
    Assuntos: sempetq, mei, expresso empreendedor, governo de pernambuco, jucepe, sebrae
    Compartilhe: Link para o post:
  • Expresso Empreendedor do Recife comemora três anos com mais de 37 mil serviços prestados

    | Emprego

    O Expresso Empreendedor do Recife, da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação do Governo de Pernambuco, realiza uma programação especial em novembro, quando completa três anos de serviços prestados à população pernambucana que quer empreender. Durante esse período, foram registrados mais de 37 mil serviços.

    Para comemorar os três anos, será realizada uma palestra temática sobre “Empreendedorismo, MEI, Atendimento ao Cliente e Educação Financeira”, que será ministrada no dia 10 de novembro, das 9h às 11h, pelo gestor das unidades do Expresso Empreendedor, Murilo Nóbrega. Em complementação, no dia 24, das 8h às 13h, será oferecida uma Orientação Coletiva sobre Empreender no Setor de Alimentos e Bebidas, com o instrutor Danilo Lopez, do SEBRAE.

    A esses eventos somam-se uma série de outras atividades oferecidas pelo Expresso Empreendedor – Recife, localizado no prédio da Junta Comercial do Estado de Pernambuco (JUCEPE).Semanalmente, às quartas-feiras, é realizada a palestra “O Micro Empreendedor Individual para Começar Bem” e às segundas-feiras os empreendedores podem esclarecer dúvidas com um contador, de forma presencial.

    Entre os serviços oferecidos estão também formalização de MEI, emissão de documentos, declaração anual de faturamento, alteração de dados cadastrais, baixa de empresas, orientações para o parcelamento de débito, além de palestra de educação financeira. Todos os serviços são oferecidos gratuitamente.

    LOCAL - Prédio da Junta Comercial do Estado de Pernambuco (JUCEPE), Rua Imperial, 1600, São José, Recife.

    Telefone: 3182-2800.

    Horário de funcionamento de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h.

    Cidades: Recife
    Assuntos: sempetq, governo de pernambuco, expresso empreendedor, palestra, jucepe
    Compartilhe: Link para o post:
  • SINE FÁCIL Aplicativo facilita busca por emprego em Pernambuco

    | Emprego

    aplicativo

    Quase sete mil trabalhadores já foram encaminhados para entrevistas de emprego pelo Sine Fácil em Pernambuco

    O aplicativo Sine Fácil já encaminhou mais de 6,8 mil trabalhadores a vagas de emprego em Pernambuco desde o lançamento, em maio. A ferramenta funciona em qualquer celular com sistema operacional Android.

    Trata-se de uma forma fácil e prática para quem busca o primeiro emprego ou quer se recolocar no mercado de trabalho. O Sine Fácil disponibiliza as diversas vagas abertas, em Pernambuco, para que o profissional possa se candidatar utilizando apenas o recurso do celular.

    “Recebi a orientação para baixar o aplicativo pelo atendente da Agência do Trabalho do Recife e essa semana surgiu a primeira oportunidade para entrevista. Fiquei muito satisfeito com a praticidade e estou confiante”, relata Emerson Guedes, estudante de marketing.

    Segundo a secretária executiva de Trabalho e Qualificação, Angella Mochel, o aplicativo é mais uma opção para o trabalhador ter acesso às vagas de emprego e, neste caso, sem sair de casa. “Porém, aqueles que preferirem podem se deslocar até uma das 29 unidades da Agência do Trabalho/Sine-PE em todo o Estado onde realizamos a intermediação da vagas de emprego, a habilitação ao seguro desemprego, a emissão de Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), além de palestras e orientação profissional”, afirma. 

    O Sine Fácil foi desenvolvido pela Dataprev. Por enquanto, está disponível apenas na versão para Android, mas, em breve, deverá ser lançado para quem usa o sistema iOS. Para poder utilizá-lo, o trabalhador precisa ter um código de acesso (QR Code), que pode ser obtido no portal Emprega Brasil (empregabrasil.mte.gov.br) ou nas unidades de atendimento SINE/Agência do Trabalho.

    Assuntos: sempetq, trabalho, emprego, aplicativo, sine facil
    Compartilhe: Link para o post:
  • Terminal de combustíveis em Suape ampliará tancagem

    | Emprego, Suape

     

    Tancagem

    O Tequimar – Terminal Químico de Aratu, controlado pelo Grupo Ultra, instalado no Complexo Industrial Portuário de Suape, acaba de solicitar ao Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, por meio da Secretaria Nacional dos Portos, o aumento da capacidade estática para armazenagem de combustíveis (gasolina, óleo diesel e etanol) e a renovação antecipada do seu contrato de arrendamento. A administração de Suape já autorizou o plano de expansão da empresa. Agora, o grupo aguarda a resposta do governo federal que deve ser divulgada até o final deste ano. O investimento no projeto de expansão ultrapassa os R$ 84 milhões.

    Atualmente, o terminal possui capacidade estática de armazenamento de 160 mil m³ em produtos. Após obter a autorização para o seu plano de investimentos, a empresa irá ampliar em 40 mil m³ o seu potencial de estoque, chegando a armazenar, no total, 200 mil m³ de combustíveis com a construção de quatro novos tanques.

    O plano de expansão da empresa ainda contempla a construção de duas novas plataformas de carregamento rodoviário com quatro braços de carregamento cada, a construção de uma nova linha de píer de 14 polegadas e a aquisição de um veículo para combate a incêndio.

    A previsão do Grupo é iniciar as obras em janeiro de 2018 e a operação no segundo semestre de 2019. A construção dos novos tanques e da nova linha de píer deve gerar até 300 empregos diretos, segundo a empresa. Após a conclusão das obras, e com a nova operação já em andamento, serão gerados 28 empregos diretos e mais de 80 indiretos.

    De acordo com dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, a projeção é que a demanda por combustíveis cresça ainda mais nos próximos anos. Em 2017, o consumo de combustíveis na área de influência de Suape, considerando os estados de Pernambuco, Paraíba, Alagoas, Ceará e Rio Grande do Norte, deve chegar a 8,9 milhões de m³ no total, sendo 0,7 milhões de m³ de etanol hidratado, 3,7 milhões de m³ de óleo diesel e 4,5 milhões de m³ de gasolina. Já em 2026, a projeção aponta o consumo de 11,6 milhões de m³ no total nos estados apontados.

    “O plano de investimento da empresa comprova que a demanda no setor de combustíveis só aumenta. Suape mantém, há alguns anos, a liderança na movimentação de graneis líquidos entre os portos públicos do país e essa notícia deve ser comemorada, pois certamente trará um incremento na nossa movimentação”, comentou o presidente do Complexo Industrial Portuário de Suape, Marcos Baptista.

    EXPANSÕES - Este ano, outros dois terminais já conseguiram a autorização para ampliar seus parques de tancagem. A empresa Italiana Decal recebeu permissão para construir novos tanques e armazenar até 437,5 mil m³ de combustíveis. A empresa Pandenor Importação e Exportação também obteve a autorização para aumentar sua capacidade estática de armazenagem e passará a acomodar 122 mil m³ de produtos. Atualmente, os seis parques de tancagem localizados em Suape têm capacidade de armazenamento de aproximadamente 700 mil m³. Com as expansões, ultrapassará 1 milhão de m³.

    Cidades: Cabo de Santo Agostinho, Ipojuca
    Assuntos: sdec, suape, expansao, tequimar
    Compartilhe: Link para o post:
  • Fempe debate estratégias para startups

    | Emprego, Tecnologia

    O Fórum Estadual das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte de Pernambuco (Fempe), vinculado à Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação do Governo de Pernambuco (Sempetq), promove no dia 1 de novembro uma reunião ordinária referente ao GT Inovação. O encontro acontece das 9h às 11h, na Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco (SECTI), localizada na Rua Vital de Oliveira, nº 32, no Recife.

    Entre os temas abordados, está a atualização das ações voltadas às estratégias de startups, além de informações e divulgação sobre a Amostra de Ciência e Tecnologia (FACEPE) e demais assuntos inerentes ao GT Inovação.

    Cidades: Recife
    Assuntos: sempetq, fempe, governo de pernambuco, secti, facepe, gt inovaçao
    Compartilhe: Link para o post:
  • Em três anos Projeto Novas Oportunidades coloca 101 jovens egressos da Funase no mercado de trabalho

    | Juventude, Emprego

    Projeto Novas Oportunidades

    É o que revela balanço de três anos de funcionamento do Projeto

    Dos trezentos e vinte e dois jovens participantes do Projeto Novas Oportunidades, do Governo Paulo Câmara, 101 (31,36%) foram inseridos no mercado de trabalho. Além disso 98 foram engajados em cursos profissionalizantes. Técnicos realizaram 286 visitas às comunidades (busca ativa), enquanto eram firmadas parcerias com 59 órgãos públicos e instituições privadas. Estes são os principais números de três anos de funcionamento do Projeto Novas Oportunidades, um dos mais importantes do Governo Paulo Câmara, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ), sob a gestão de Roberto Franca, por meio da Gerência Geral do Sistema Socioeducativo. O objetivo é oferecer oportunidades de emprego aos que passaram pelo sistema e adquiriram as condições jurídicas para viverem em liberdade.

    Os resultados foram apresentados, na manhã desta quinta-feira (26), durante o seminário de avaliação do projeto, realizado na Sala Olinda, no Centro de Convenções. “São números positivos, resultados animadores e um sucesso no que diz respeito ao acompanhamento dos jovens egressos da Funase, na sua capacitação e inserção no mundo do trabalho”, afirmou a gerente geral do Sistema Socioeducativo da SDSCJ, Suelly Cysneiros.

    O Projeto Novas Oportunidades - Atenção aos Egressos da Funase tem o objetivo oferecer e articular ações e serviços voltados aos adolescentes e jovens que já saíram da Fundação de Antedimento Socioeducativo, de forma a reinseri-los no convívio social e no mundo do trabalho. O público-alvo são jovens de ambos os sexos, de 12 a 22 anos, residentes na Região Metropolitana do Recife, egressos das medidas socioeducativas de internação e semiliberdade da Funase.

    Um dado importante, segundo a coordenadora do projeto, Nericleide Nunes, é a redução da reincidência dos jovens que participam do Novas Oportunidades. “O acompanhamento e orientação desses jovens, o incentivo à capacitação e ao protagonismo juvenil fazem toda a diferença”, testemunha. Do total de atendidos, o percentual de reincidência na criminalidade foi de 10,84%, em três anos.

    Suelly Cysneiros apresentou o projeto e em seguida Nericleide Nunes  fez uma avaliação dos resultados. Na sequência, representantes da Junta Comercial do Estado de Pernambuco (Jucepe) e do Instituto Aliança fizeram relatos das experiências como parceiros do Novas Oportunidades. Familiares dos jovens também se pronunciaram.

    “É um projeto sensacional, que pode mudar a vida de várias pessoas. Os órgãos públicos devem dar exemplo e acolher esses jovens, dando-lhes oportunidades de qualificação e trabalho”, afirmou o procurador do Ministério Público do Trabalho em Pernambuco, Leonardo Osório Mendonça. 

    Do seminário de avaliação participaram representantes de instituições parceiras, Funase, Superintendência Regional do Ministério do Trabalho e Emprego, Ministério Público do Trabalho em Pernambuco, Ministério Público (MPPE) e Defensoria Pública do Estado; Tribunal de Justiça (TJPE), Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, Caixa de Assistência dos Advogados de Pernambuco (Caape), Compesa e Correios entre outros.

    Assuntos: sdscj, emprego, governo de pernambuco, paulo camara, funase, projeto novas oportunidades
    Compartilhe: Link para o post:
  • Microempreendedor Individual pode ser empregado em outra empresa

    | Economia, Emprego

     Micro Empreendedor

    É possível trabalhar de carteira assinada em outra empresa, como Microempreendedor Individual (MEI). Porém, em caso de demissão o benefício Seguro Desemprego não será autorizado, porque a atividade de MEI é considerada fonte de renda. A informação foi repassada durante a palestra "MEI: para começar bem" realizada pelo Expresso Empreendedor - Recife, da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação do Governo de Pernambuco (Sempetq), no auditório da Junta Comercial de Pernambuco (Jucepe).

    Entre os participantes da palestra estava Tiago Pereira. Apesar de trabalhar com carteira assinada, ele conta que deseja ser MEI. “Pretendo cumprir minha carga horária na empresa em que trabalho e depois prestar serviço no ramo da informática. Os benefícios são muitos, compensa”, concluiu Tiago.

    O evento acontece semanalmente com o apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). De acordo com o palestrante Gleyson Vitorino, o fato de conseguir um emprego com registro em carteira não isenta o Microempreendedor Individual do recolhimento dos valores devidos ao INSS. “Nessa condição, é preciso recolher os dois. Os compromissos devem ser cumpridos em qualquer situação para que não tenha problemas no futuro”, ressaltou.

    A próxima palestra será realizada quarta-feira (1/11), das 9h às 11h. Os interessados podem se inscrever no local (Rua Imperial, 1600) ou antecipadamente pelo telefone do Expresso Empreendedor - Unidade Recife: (81) 3182-2800. 


    Cidades: Recife
    Assuntos: sempetq, emprego, mei
    Compartilhe: Link para o post:
  • Programa Novos Talentos da Sempetq qualifica profissionais em Belo Jardim

    | Emprego

    Iniciativa visa preparar mão de obra local para inserção no mercado de trabalho com a expansão do Grupo Moura

    "Estou muito feliz e me esforçando bastante para concluir este curso oferecido pelo Governo do Estado. São oportunidades assim que irão me ajudar a retornar ao mercado de trabalho”. Com essas palavras, o aluno Carlos Adilson, 26 anos, comemorou a oportunidade de ser um dos 80 alunos do curso de Operador de Processos de Produção, do programa Novos Talentos da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação do Governo de Pernambuco (Sempetq), em andamento no município de Belo Jardim, Agreste Pernambucano.

    A capacitação acontece em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e visa preparar a mão de obra local para a inserção no mercado de trabalho com foco na expansão da nova unidade industrial da empresa pernambucana de baterias automotivas Grupo Moura. As aulas acontecem até o final de dezembro.

    Com previsão de inauguração para o primeiro trimestre de 2018, a expectativa é de que os alunos participem da seleção para as novas contratações. "Ganha a indústria, o município e ainda mais nós trabalhadores. Sou extremamente agradecido ao governador Paulo Câmara pelo carinho ao olhar para o nosso agreste e qualificar nosso povo. O Estado entra com a capacitação, a Moura com novas oportunidades em seu quadro e nós o tão sonhado retorno ao mercado de trabalho", agradeceu o aluno Julio Nascimento, 44 anos.

    Durante o curso, os alunos receberão conteúdos das disciplinas curriculares, contendo: Programa 5S, Tempos e Métodos, QSMS (Qualidade, Segurança, Meio Ambiente e Saúde), Básico de Metrologia, Noções de Manutenção Mecânica e Cultura Empresarial da Indústria. "O conteúdo programático tem sido maravilhoso e bastante interessante para nossa futura profissão. Trabalhei no Grupo Moura há 17 anos e estou esperançoso em retornar, pois é muito gratificante ver sua cidade e seu provo crescendo, só temos a agradecer", comentou o aluno Mairon Xavier, 47 anos.

    Cidades: Belo Jardim
    Assuntos: sempetq, governo de pernambuco, programa novos talentos, senai, paulo camara, curso de qualificaçao
    Compartilhe: Link para o post:
  • Governador assina decreto que garante novo centro de compras em Pesqueira

    | Economia, Emprego
     
    Pesqueira
    Documento foi assinado pelo governador na manhã desta segunda-feira (23.10), no Palácio do Campo das Princesas

    O governador Paulo Câmara assinou, na manhã desta segunda-feira (23.10), durante solenidade no Palácio do Campo das Princesas, um decreto que permitirá a desapropriação do imóvel que sediava a antiga Fábrica Peixe, no município de Pesqueira, no Agreste pernambucano. Visando a preservação do complexo predial e o desenvolvimento da economia na região, o espaço de 81 mil metros quadrados se transformará em um centro de compras, que será implantado em uma parceria do Governo de Pernambuco com a prefeitura do município. A previsão é de que todo o processo de desapropriação, que está sob a responsabilidade da Secretaria Estadual de Administração, seja finalizado até dezembro deste ano.
     
    Na oportunidade, o chefe do Executivo afirmou que a ação será uma importante medida para movimentar a agenda econômica da cidade, trazendo novos investidores e fomentando o polo de compras do município. “A gente vai conveniar com o município para que ele possa fazer a gestão do imóvel e, junto com nosso apoio, possa ver a forma de tornar esse espaço mais agregador. Será um polo de referência na comercialização da região, dando melhores condições de trabalho e venda para os comerciantes e, ao mesmo tempo, oferecendo um local adequado para quem vai comprar lá também”, ressaltou Paulo.

    A prefeita de Pesqueira, Maria José, agradeceu ao governador pela iniciativa de devolver ao povo de Pesqueira e região esse importante espaço comercial. “Eu sou uma pessoa que sempre fiz a feira no meio da rua, e, por isso, sei o quão é grande a importância dessa ação, que é essencial não só para os feirantes, como também para o desenvolvimento e a geração de oportunidades para a população da cidade. Então, para mim é muito gratificante saber que nós vamos continuar com aquele prédio e poder organizar melhor a nossa feira”, disse.
     
    Participaram do ato o vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, Raul Henry; o secretário da Casa Civil, Nilton Mota; o vice-prefeito de Pesqueira, Luca Peixoto; os deputados federais Fernando Monteiro e Danilo Cabral; e os deputados estaduais João Eudes e Waldemar Borges.


    Fotos: Hélia Scheppa/SEI
    Cidades: Pesqueira
    Assuntos: governo de pernambuco, paulo camara, pesqueira, fabrica de peixe, sad,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Paulo Câmara anuncia quarta fábrica da Tramontina em Pernambuco

    | Economia, Emprego
    tramontina

    Planta irá produzir peças em porcelanato que serão distribuídas em todo o Brasil

    Pernambuco ganhará  uma nova fábrica da Tramontina.  Com investimento de R$ 130 milhões, a quarta planta industrial da empresa no Estado vai ser instalada no município de Moreno, na Região Metropolitana do Recife, e será a única do grupo a produzir porcelanato no Brasil, para distribuição em todo o território nacional e em alguns pontos estratégicos do mercado internacional. O empreendimento vai gerar 200 empregos diretos. As tratativas para anúncio da nova planta foram concluídas nesta segunda-feira (23.10), durante encontro do governador Paulo Câmara com o presidente da Tramontina, Clóvis Tramontina, no Palácio do Campo das Princesas. 

    "Estou muito feliz de poder anunciar a instalação de mais um expressivo empreendimento em nosso Estado, num momento que o Brasil encontra-se parado. A Tramontina é uma grande empresa, que é referência no Brasil e no exterior, e vai nos ajudar a dar mais um importante passo para a superação dessa crise nacional. São 200 empregos diretos e muitos outros indiretos que se juntam aos postos de trabalho que estamos abrindo em nosso Estado. Pernambuco, em setembro, foi o líder na geração de emprego no País, e vamos seguir trabalhando para criar as condições para empregar cada vez mais pernambucanos", destacou Paulo Câmara. 

    O terreno que receberá a nova planta da Tramontina foi doado pelo Governo de Pernambuco e conta com uma área de 66,2 hectares. A administração estadual também será responsável pela viabilização das obras de infraestrutura, como o acesso viário, no distrito industrial de Moreno, concluído em maio deste ano, além da concessão de incentivos no diferimento do pagamento do ICMS devido de importação de máquinas e equipamentos destinados a integrar o ativo fixo da empresa/diferimento na aquisição interna de máquinas e equipamentos.
     
    Participaram do encontro o vice-governador e secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Raul Henry; o presidente da AD Diper, Leonardo Cerquinho; o diretor executivo da Tramontina, Rui Baldasso; o diretor administrativo da Tramontina, Igor Arregul; e Karina Adriana Willms; além do presidente da Ferreira Costa, Guilherme Ferreira Costa.

    A EMPRESA - A Tramontina é uma empresa brasileira que possui mais de 100 anos de operação, reconhecida como referência de qualidade em mais de 120 países. A companhia emprega mais de sete mil funcionários, atuam em fábricas e unidades operacionais e comerciais espalhados por todo o Brasil. Em Pernambuco, as plantas já instaladas estão localizadas no bairro da Várzea (uma unidade), no Recife, e no município de Moreno (duas unidades). A Tramontina produz cerca de 18 mil produtos divididos em linhas como reforma e construção, móveis, infantil, ferramentas industriais cozinha, jardim e agricultura, banheiro e churrasco.

    Cidades: Moreno
    Assuntos: sei, paulo camara, tramontina, governo de pernambuco
    Compartilhe: Link para o post: