meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • PE no Batente realiza cerimônia de conclusão de cursos

    | Educação

    A formatura de futuros empreendedores será realizada pela Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ) na noite desta quinta-feira (14). O evento será realizado no Centro Social Urbano (CSU) da Imbiribeira, no Recife, e faz parte da conclusão dos cursos ofertados pelo Programa PE no Batente, um dos programas sociais estratégicos do Governo Paulo Câmara.

    O Programa PE no Batente vem incentivando o empreendedorismo, com base nas diretrizes da economia solidária, por meio de cursos de qualificação profissional. Coordenada pela Executiva de Assistência Social da SDSCJ, a execução direta do Programa PE no Batente é realizada pela Cooperativa de Consultores e Serviços Técnicos – COONSULT.

    Neste segundo ciclo de 2018 estão sendo contemplados 200 beneficiários, distribuídos em oito cursos, no turno da noite. Os cursos, escolhidos pelos moradores, são de Auxiliar Administrativo, Beleza e Estética, Confecção de Bijuterias, Corte e Costura, Designer de Sobrancelhas, Doces Finos e Salgados, Eletricista Predial e Refrigeração 

    Programa - Todas as regiões de Pernambuco já foram contempladas com o Programa supracitado, totalizando 51 municípios. O público-alvo são os residentes das comunidades da Ilha de Deus, Vila da Imbiribeira e entorno, são pessoas em situação de vulnerabilidade e risco social, pobreza e extrema pobreza.  

    Ao longo de cinco anos de execução, cerca de 2.000 beneficiários foram contemplados com cursos, sendo 600 inseridos no mercado, com uma carga horária total de 1.200 horas/aulas em 15 cursos diferentes.

    SERVIÇO

    Evento: Cerimônia de formatura do Programa PE no Batente
    Quando: 14/12/2017 às 18h30
    Onde: CSU da Imbiribeira - Rua Manoel Serafim do Couto, s/n, Vila da Imbiribeira.

    Cidades: Recife
    Assuntos: sdscj, csu, governo de pernambuco, paulo camara, qualificação, coonsult
    Compartilhe: Link para o post:
  • Boas práticas educacionais de PE são apresentadas durante seminário em Brasília

    | Educação

    correio summit 

    Jornal Correio Braziliense realizou encontro nesta terça-feira (12). Evento também destacou experiências do DF, GO e CE.

    Na manhã desta terça-feira (12), o secretário de Educação de Pernambuco, Fred Amancio, participou do encontro Correio Summit, do Correio Braziliense, ocorrido em Brasília. Na ocasião, Fred apresentou as experiências exitosas da educação de Pernambuco. Segundo Amancio, para garantir melhoria nos resultados é preciso, inicialmente, construir uma estratégia com um conjunto de projetos e programas. Para ele, o Brasil avançou muito na oferta da educação, mas pouco na qualidade. "Esse é o desafio".

    Entre os resultados que levaram a educação de Pernambuco no ensino médio a ser referência nacional, a exemplo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB, o secretário também destacou a educação em tempo integral, a menor taxa de abandono escolar no ensino médio, os investimentos em infraestrutura, além dos Parâmetros Curriculares, instrumento pedagógico norteador do currículo da rede pública estadual de Pernambuco.

    O encontro, mediado pela jornalista Dad Squarisi, também contou com palestraras dos secretários de educação do Distrito Federal, Júlio Gregório Filho, de Goiás, Raquel Teixeira, e do Ceará, Idilvan Alencar (CE), que compartilharam seus cases de sucesso. Idilvan, que também é o atual presidente do Conselho Nacional dos Secretários de Educação - Consed, falou sobre a experiência do Programa de Alfabetização na Idade Certa, o MaisPAIC. Raquel destacou como ação importante da secretaria de Educação de Goiás o sistema integrado de gestão, que permite, entre outras ações, o diagnóstico pedagógico e gerencial de todas as escolas.

    Já o secretário Júlio apontou o protagonismo como o grande desafio da educação em seu estado. "A gente precisa fazer com que o professor também seja protagonista", afirmou. O secretário também apresentou o case do projeto "Mulheres Inspiradoras", que se destina a fomentar a leitura prazerosa e a produção autoral de textos.

    Assuntos: see, boas praticas educacionais, correio summit
    Compartilhe: Link para o post:
  • Procuradoria conclui primeiro ciclo do Programa de Capacitação dos Estagiários de Direito

    | Educação

    Com a palestra Licitações e Contratos Administrativos à luz das Leis Federais 8.666/93 e 10.520/2002, o Centro de Estudos Jurídicos da Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco (PGE-PE) concluiu, nesta segunda-feira (11/12), o primeiro ciclo do Programa de Capacitação dos Estagiários de Direito (PCED) no Recife. Na Regional de Caruaru, ainda haverá módulo do PCED no dia 14 de dezembro.

    No Recife, houve cinco encontros desde outubro, quando o programa foi instituído por resolução do Conselho Superior da PGE-PE. A programação de 2018 na sede já foi divulgada (clique aqui) e contará com 20 palestras. O PCED tem por objetivo aprimorar a formação dos estudantes, por meio da oferta continuada de conteúdo de formação teórica em direito público e advocacia pública.

    Na sede, os estagiários reservam duas horas do seu expediente a cada 15 dias, às segundas-feiras à tarde. A quinta e última palestra de 2017 foi ministrada pela procuradora-chefe da Consultiva, Giovana Ferreira, no auditório da PGE-PE. Ela falou aos 26 estagiários e dois servidores presentes sobre a relevância do estudo do tema, um dos mais judicializados atualmente, com base em sua experiência na AGU, no TCE-PE e na PGE-PE.

    Giovana descreveu a atuação da Consultiva na emissão de pareceres, encaminhamentos e cotas, na consultoria presencial em Secretarias de Estado estratégicas, na elaboração de checklists e instrumentos padrão, como editais e contratos, e na divulgação de cartilhas, manuais de consultas e boletins, no sentido de garantir segurança jurídica aos atos da administração estadual. Desde janeiro de 2014, a Consultiva já publicou 46 boletins, estando todo esse material disponível no site da PGE.

    Nas quatro palestras anteriores foram abordados os seguintes temas: Sistema de Automação da Justiça (SAJ), com o coordenador de Informações e Suporte SAJ da Unidade de Informática da PGE-PE, Ilmar Cavalcanti; Judicialização da Saúde, com o procurador-geral do Estado de Pernambuco, César Caúla; Principais Alterações no Novo Código de Processo Civil para a Fazenda Pública, com o procurador Roberto Pimentel, da Assessoria de Gabinete do Procurador-Geral; e Cabimento e Processamento dos Recursos nos Tribunais, com a procuradora Arsênia Breckenfeld, do Núcleo de Saúde da Procuradoria do Contencioso. As apresentações estão disponíveis para download no site da PGE-PE.

    O procurador-geral César Caúla disse que, ao sugerir o programa, tinha objetivos bastante ambiciosos. "Mas tenho certeza de que até mesmo as melhores expectativas serão superadas. Além de incrementar a formação dos estagiários, o PCED permite uma maior integração entre os estudantes e os procuradores. Mas isso não é tudo. A participação dos procuradores estimula uma permanente revisitação de conceitos jurídicos e das práticas da PGE, contribuindo para o aprimoramento da própria instituição e a disseminação de suas melhores experiências. O trabalho cuidadoso do CEJ na organização do PCED já permitiu a elaboração de todo o programa do próximo ano, com temas instigantes e atualizados. Esperamos que a partir de agora também os procuradores e servidores possam integrar a audiência das apresentações. Aqui está feito o convite”, informou.

    Ao abrir o último encontro do PCED no Recife este ano, o coordenador do CEJ, Paulo Rosenblatt, agradeceu a presença dos estudantes e lembrou que a capacitação continuada era um pleito antigo de procuradores e de estagiários. “A ideia é que cada procurador possa passar um pouco da experiência prática que ele tem em relação a um tema específico. Com isso, buscamos dar oportunidade de vocês terem contato com assuntos diversos tratados dentro de áreas diferentes da Procuradoria pelas quais possam passar ou não durante o estágio”, disse Rosenblatt.

    Na opinião de Thales Brandão, aluno do 7º período da FDR/UFPE e estagiário do Núcleo do ICD na Procuradoria da Fazenda, os temas abordados foram pertinentes e propiciaram um conhecimento diversificado. “Já havia estudado contratos e tive experiência com demandas de saúde no tempo em que estagiei no Contencioso, mas mesmo nos temas mais familiares as abordagens trazem um olhar diferenciado. É muito válido”, disse o estudante.

    Despedindo-se do estágio na PGE-PE após um ano e nove meses no Núcleo de Responsabilidade Civil e Licitações da Procuradoria do Contencioso, Jussara Alves considerou o PCED uma boa experiência. “Gostei muito porque travei contato com temas que não tive a oportunidade de vivenciar. É importante porque abre nossa mente para a atuação dos demais núcleos da Procuradoria”, disse a aluna do 10º período da Unicap, que pretende seguir carreira na advocacia pública. Além da PGE-PE, estagiou na AGU. Jussara considera que o PCED pode ser diferencial na escolha dos estudantes pelo estágio na PGE: “Não conheço outros programas que ofereçam capacitação continuada nesses moldes”.

    Cidades: Recife
    Assuntos: pge, programa de capacitacao dos estagiarios de direito, cesar caula
    Compartilhe: Link para o post:
  • Ex-paciente lança livro no Hospital Correia Picanço

    | Educação, Saúde

    marlinda 

    Autora foi tratada de meningite, além de ter recuperado a memória na unidade

    O ambiente do Hospital Correia Picanço, localizado no bairro da Tamarineira, zona norte do Recife, e referência estadual para o tratamento de doenças infectocontagiosas, vai dar espaço, nesta quarta-feira (13/12), às 10h, para o lançamento de um livro escrito por uma ex-paciente do local. A publicação “Marlinda em Diálogo por Amor a Sua Cidade”, dos educadores Milca de Paula e Walter Cavalcanti Costa, faz uma divertida e curiosa viagem através da história das bandeiras, brasões e hinos de Olinda, Recife e de Pernambuco.

    A musicista e pedagoga Milca de Paula, uma das autoras da obra, tem uma relação forte com o Hospital Correia Picanço, onde foi tratada e se curou de uma gravíssima meningite.  À época, dez anos atrás, ela chegou a perder a memória e só voltou a lembrar das coisas ao ouvir músicas ligadas a fatos marcantes da sua vida dentro da enfermaria da própria unidade.

    "Lançar o livro no Hospital Correia Picanço é uma forma de agradecer a dedicação e o cuidado quando fui internada. Foi na enfermaria do hospital, ao ouvir algumas músicas, que comecei a lembrar de pequenos fatos. A música me ajudou a reconstruir a memória - a cada audição e a cada timbre escutado, as conexões foram sendo restauradas. Tudo isso aconteceu dentro do Correia Picanço. Não dá para esquecer e faz bem lembrar", diz a autora.

    "É muito bom ver a diferença que o Hospital Correia Picanço pode fazer na vida das pessoas. Muitas vezes, na atribulada rotina hospitalar, a equipe multiprofissional que atua aqui não se dá conta da importância do nosso trabalho. Então é gratificante e renovador, para todos que fazem o Correia Picanço, receber essa homenagem. Sem dúvida, será um importante momento de confraternização e celebração entre profissionais, pacientes e acompanhantes", ressalta a diretora do Hospital Correia Picanço, Angela Queiroz e Silva.

    OBRA - O livro “Marlinda em Diálogo por Amor a Sua Cidade” é uma obra voltada ao público jovem e nasceu da percepção dos autores sobre a total ausência dos símbolos cívicos no cotidiano escolar, bem como nas livrarias e bibliotecas públicas. Segundo Milca, "os Hinos, Brasões e Bandeiras municipais, estaduais ou da nação são públicos e pertencem ao imaginário social e simbólico das coletividades, logo, fortalecê-los, contribui para a manutenção das ideias, práticas e bens imateriais da cultura pernambucana".

    Por se tratar de uma obra voltada ao público jovem, seus idealizadores optaram pelo poder simbólico e semântico da palavra enquanto signo narrativo e social (literatura), a sonoridade pensada enquanto linguagem (música) e as expressões da beleza estética, cor e forma, capaz de gerar agradabilidade aos olhos (artes visuais) que, uma vez reunidas, exercem grande poder de diálogo junto à juventude nesta sociedade digital.

    Viabilizado graças ao apoio do Governo de Pernambuco, por meio do Funcultura, o livro também traz, em anexo, um CD com os hinos de Pernambuco, Recife, Olinda e Brasil gravados com arranjos originais e com a utilização dos ritmos pernambucanos.

    SERVIÇO:

    Lançamento do livro: “MARLINDA EM DIÁLOGO POR AMOR À SUA CIDADE”
    Autores: Milca de Paula e Walter Cavalcanti Costa
    Data: quarta-feira (13/12/2017)
    Horário: 10h
    Local: Auditório do Hospital Correia Picanço (R. Padre Roma, 149, Tamarineira – Recife/PE)

    Cidades: Recife
    Assuntos: ses, hcp, lancamento livro, marilnda em dialogo por amor a suas cidades
    Compartilhe: Link para o post:
  • Governo de Pernambuco lança edital do PROUPE 2018 com 1.300 novas vagas

    | Educação

    proupe

    Através da nova Lei Estadual nº 16.166, 19 de outubro de 2017, o Programa passou por uma requalificação. Serão oferecidas 1300 novas bolsas.

    O Governo de Pernambuco lança, nesta quarta-feira (13), novo edital do Programa Universidade para Todos em Pernambuco (PROUPE). Serão oferecidas 1.300 novas bolsas para as Autarquias Municipais de Ensino Superior, sem fins lucrativos, no interior do estado. Alinhado à nova Lei Estadual nº 16.166, de 19 de outubro de 2017, as novas bolsas priorizam as áreas de Ciência, Tecnologia, Engenharia, Matemática e Computação, chamadas de STEM+C (da sigla em inglês). Na tarde desta segunda-feira (11), na sede da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco (Secti), as autarquias assinaram o novo termo de adesão ao programa.

    As inscrições são gratuitas e estarão abertas a partir da próxima segunda-feira (18). Os interessados podem realizar o cadastro até 3 de janeiro pelo site da Secti http://www.secti.pe.gov.br/. Estão aptos a participar alunos universitários oriundos de escolas públicas e privadas, caso tenha sido bolsista integral, e professores efetivos da rede pública de ensino e que não estejam licenciados. É importante lembrar que, após a inscrição inicial feita pelo site, o candidato deverá validar presencialmente o cadastro junto à Autarquia Municipal. Nessa ocasião, deverá apresentar a documentação solicitada, como o comprovante de inscrição, original e cópia do documento citado no cadastro, comprovante da nota escolar usada para a seleção, entre outros.

    "O PROUPE entra na nossa estratégia como uma importante política pública do Governo de Pernambuco, que cria condições para o sucesso do Estado rumo à transição digital. Precisamos focar no que mais trará benefícios e formar pessoas qualificadas nessas áreas priorizadas pelo PROUPE é preparar a sociedade para esses empregos do futuro", destaca a secretária de ciência, tecnologia e inovação, Lúcia Melo.

    Os candidatos serão selecionados por nota. A média das disciplinas do último período cursado é considerada para alunos a partir do segundo período e a nota do processo seletivo para estudantes do primeiro período. São dois tipos de bolsas, nos valores de R$ 245 e R$ 135, que serão repassados às autarquias que abaterão a quantia das mensalidades dos candidatos aprovados.

    As autarquias terão o dia 9 de janeiro como prazo para inserção da nota final de cada candidato no sistema do PROUPE. O resultado preliminar será divulgado em 14 de janeiro, cabendo recurso, e o resultado final dos bolsistas contemplados será divulgado em 25 de janeiro, também pelo site da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti). 

    Requalificação - Criado há seis anos pelo Governo do Estado, o PROUPE já atendeu uma média mensal de 8.800 alunos com investimento de aproximadamente R$ 100 milhões. A nova lei alinhou-se à Estratégia de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco e priorizou as áreas mais tecnológicas por estarem no cerne das inovações. Com essa mudança, o Governo Paulo Câmara pretende consolidar essa importante política pública, além de fortalecer a preparação do Estado para as mudanças em curso no mundo, que exigem uma economia e sociedade mais digitais. A partir de 2018, 60% das bolsas serão destinadas às áreas STEM+C, passando para 70% a partir de 2020.

    Assuntos: governo de pernambuco, proupe, secti, lucia melo, paulo camara
    Compartilhe: Link para o post:
  • Seres e parceiros capacitam mais de 2 mil detentos em 100 cursos

    | Educação, Direitos Humanos

    curado  

    Até a próxima semana 20 detentos do Pamfa, no Complexo do Curado, serão capacitados no Curso de Formação de Garçon,

    A ressocialização através do trabalho tem sido uma das principais metas da Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) e as parcerias firmadas com empresas privadas e órgãos públicos têm possibilitado ao Governo de Pernambuco, através da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos, assegurar cursos de capacitação para detentos das unidades prisionais do Estado.

    Nesta quarta (06/12), 20 presos do Presídio Marcelo Francisco de Araújo (Pamfa), no Complexo do Curado, iniciaram o curso de Formação de Garçon, oferecido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), juntamente com a Gerência de  Educação e Qualificação Profissionalizante (GEQP/Seres). O intuito do curso, com 30 horas divididas em 15 dias, é preparar os alunos para saírem do ambiente carcerário prontos para atuar no recebimento e acomodação do cliente, formas adequadas de servi-lo, entre outros conhecimentos.

    Já 12 reeducandas da Colônia Penal Feminina de Abreu e Lima (CPFAL) participaram, de 04 a 06 de dezembro, do Curso de Jardinagem, promovido pelo Senar. A experiência poderá servir como porta de entrada para o mercado de trabalho mas também deixar a unidade prisional bem cuidada pois na aula prática criaram uma área verde na CPFAL. “As parcerias são fundamentais nesse processo de ressocialização tanto para o trabalho como para o estudo, mas a vontade de crescer por parte dos reeducandos é o ponto de partida”, lembra o secretário-executivo de Ressocialização, Cícero Rodrigues.

    BALANÇO – Até 05 de dezembro de 2017 foram capacitados 2.221 detentos graças à parceria da Seres, através da GEQP, com o Sistema “S”: Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial), Senai (Serviço de Nacional de Aprendizagem Industrial) e Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural), além da empresa Teleport e do Centro de Abastecimento e Logística de Pernambuco(Ceasa). As três instituições promoveram 100 cursos em diversas áreas como modelagem, sistema de iluminação, design de sobrancelhas, jardinagem e preparação de doces e salgados. 

    Assuntos: sjdh, seres, senac, geqp, cursos profissionalizantes, cpfal, senar
    Compartilhe: Link para o post:
  • Projeto Convergir Mulher encerra formação no Agreste Central e Meridional

    | Educação, Direitos Humanos

    convergir  

    SecMulher realiza formação para 120 mulheres e atividades para 90 crianças, filhas e filhos das alunas

    A Secretaria da Mulher de Pernambuco (SecMulher-PE) encerra, nesta terça-feira (05), mais um ciclo de atividades do Projeto Convergir Mulher com ações realizadas no Agreste Central e Meridional de Pernambuco. A secretária da Mulher do Estado, Silvia Cordeiro, participou da aula de encerramento que envolveu 120 mulheres das comunidades de Cachoeira Seca, Riachão de Malhada de Pedras,LajesSítio Serra Verde, Antas e Juá, em Caruaru. As alunas, que atuam na cadeia produtiva de confecção, participaram do Curso de Qualificação Profissional Básica em Corte e Costura. Para viabilizar a participação das mulheres nas aulas, o projeto Convergir Mulher realizou atividades recreativas com 60 crianças, filhas e filhos das participantes.

    A gerente de Articulação e Interiorização da SecMulher-PE, Márcia Aguiar, informou que as ações foram realizadas com recursos de emenda parlamentar e executadas em conformidade com os esforços do Governo de Pernambuco em desenvolver atividades de formação sociopolítica, qualificação profissional e geração de trabalho e renda na perspectiva de protagonizar um modelo de desenvolvimento social e econômico mais justo para as mulheres do Pólo de Confecções do Agreste.

    Para que a ação acontecesse, a SecMulher-PE contou com o trabalho prestado pela empresa Vinci Consultoria e a parceria da Prefeitura de Caruaru, através da Secretaria Municipal da Mulher.

    Outra ação do Projeto Convergir Mulher que também se encerra nesta terça-feira (05), é a de formação sociopolítica, produtiva e econômica de mulheres mandiocultoras do Agreste Meridional. Sessenta mulheres e 30 crianças dos municípios de Jupi, Brejão e São João participação da formação e recreação.

    Márcia Aguiar explica que o Agreste Meridional é reconhecido como um pólo de produção da mandiocultura do estado e, que para efetivar a ação, a SecMulher-PE priorizou, em 2017, três municípios da região cujo envolvimento de mulheres no trabalho em casas de farinha ou de forma autônoma é significativo. “Em anos anteriores foram contempladas mulheres mandiocultoras da Região da Bacia do Goitá e do Sertão do Araripe”, acrescenta.

    Entre os assuntos abordados no módulo de Formação Sociopolítica estavam: Gênero e Feminismo, Identidade, Cidadania, Diversidade, Raça, Classe Social e Enfrentamento da Violência contra a Mulher. Já a Formação Produtiva e Econômica enfatizou o Mundo do Trabalho, Divisão Sexual do Trabalho Produtivo e Reprodutivo, Formas de Auto-organização Produtiva e de Comercialização, Tecnologias Sustentáveis e Agroecologia, e Saberes Técnicos e Populares Relacionados ao Cultivo da Mandioca. Para a execução das atividades, a SecMulher-PE contou com o trabalho da empresa Ecart Projetos e Gestão LTDA e o apoio dos organismos de políticas para as mulheres dos três municípios.

    Cidades: Caruaru
    Assuntos: secmulher pe, qualificacao, caruaru, governo de pernambuco, projeto convergir mulher
    Compartilhe: Link para o post:
  • Prêmio Gestão Escolar vai para a Escola Dário Gomes de Lima

    | Educação

    Unidade de ensino localizada no Sertão pernambucano está entre as cinco melhores gestões escolares do país.

    Nesta segunda-feira (04) ocorreu a solenidade de entrega do Prêmio Gestão Escolar (PGE) 2017, que reuniu as cinco melhores gestões escolares do país, no salão de eventos do Zagaia Hotel. A Escola Dário Gomes de Lima, localizada na cidade de Flores, Sertão pernambucano, foi a representante do Nordeste na etapa final do PGE 2017. A unidade de ensino foi uma das mais de sete mil escolas em todo o país inscritas no Prêmio, que busca reconhecer o trabalho dos gestores escolares, a partir da avaliação de projetos inovadores e gestões competentes na Educação Básica da rede pública de todo o país.

    "Quero, primeiramente, parabenizar todos que fazem a Escola Dário Gomes de Lima, alunos, professores, pais e funcionários, enfim, todos que ajudaram na conquista desse resultado, nesse reconhecimento nacional. Para mim é motivo de muito orgulho e reforça a minha crença de que estamos no caminho certo, de priorizar a Educação Pública, em tempo integral e de qualidade. Estamos construindo hoje o nosso futuro", disse o governador Paulo Câmara. 

    O secretário de Educação de Pernambuco, Fred Amancio, acompanhou a premiação e comemorou o resultado de Pernambuco no Prêmio. “Com muito orgulho, a Escola Dário Gomes e Ana, sua gestora, representaram o belo trabalho que estamos realizando em Pernambuco e a transformação na vida de nossos estudantes. Estamos construindo um novo Pernambuco pela Educação. O principal é nosso sentimento de vitória pela nossa Educação”.

    "Representar Pernambuco e o Nordeste nos enche de orgulho por tudo que a escola representa para a vida da comunidade local. O PGE é o reconhecimento de um trabalho incansável, dedicado a todos que fazem a Família Dário Gomes”, destaca Ana Lúcia Xavier Cavalcanti, gestora da escola em Flores.

    Além da Dário Gomes de Lima, também foram agraciadas a Escola Estadual Waldemir Barros da Silva, do Mato Grosso do Sul, o Centro de Atenção à Criança Girassol de Tempo Integral (CAIC), de Palmas, a Escola Estadual de Ensino Fundamental Jones José do Nascimento, do Espírito Santo, a EEF Mont Alvern, de Ituporanga, Santa Catarina. O Conselho Nacional de Secretários de Educação (CONSED) agraciou as cinco gestoras escolares com troféu, além de uma viagem aos Estados Unidos, financiada pelo governo dos Estados Unidos. 

    A ESCOLA - A Dário Gomes de Lima atende mais de 555 estudantes dos Ensinos Fundamental e Médio. Dentre os destaques da Dário, estão: o foco na aprendizagem de todos os alunos, mediante o SPE (Sistema de Posicionamento Educacional), atendimento das necessidades de aprendizagem no contraturno, projetos inovadores (A Escola Vai à Feira), participação e interação ativa com a comunidade, além da conquista do 1º lugar no Ensino Fundamental Anos Finais (média 6,23), no Ensino Médio (média 6,80) e no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de Pernambuco (IDEPE) no ano de 2016.

    Em mais de duas décadas, aproximadamente 38 mil escolas de todas as regiões do país participaram e mais de 8 milhões de estudantes foram beneficiados com os projetos implantados pelos gestores inscritos.

    Cidades: Flores
    Assuntos: seduc, premio gestao escolar, see, escola dario gomes de lima, consed, paulo camara, idepe
    Compartilhe: Link para o post:
  • Vencedores do concurso Arte Livre recebem premiação

    | Educação

     

    Certame é promovido pela CEDCA-PE e recebeu 1.853 produções

     

    Professores, estudantes, gestores de escolas e conselheiros tutelares participaram da premiação da 10ª edição do concurso Arte Livre, realizada na tarde desta quinta-feira (30), no Teatro do Brum, no Centro de Convenções de Pernambuco (CECON).  Com o tema “Conselho Tutelar: Defensor dos Direitos da Criança e do Adolescente” os estudantes de Ensino Fundamental e Médio, das escolas públicas e privadas de Pernambuco, deveriam criar desenhos, textos e vídeos. Foram 1.853 trabalhos inscritos, sendo: 1.650 textos, 188 desenhos e 25 vídeos, resultado da participação de 120 escolas da educação básica de 47 municípios do Estado.

     

    O concurso é uma ação promovida pelo Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Pernambuco (CEDCA/PE) e tem o objetivo de promover a ampliação do debate acerca dos direitos e deveres previstos no Estatuto da Criança e Adolescente (ECA), além de fortalecer o protagonismo infanto-juvenil.  “Uma criança ou adolescente que participa de um concurso dessa natureza tem consciência sobre os direitos que possui, assim como também dos seus deveres. A riqueza de conhecimento e o potencial que existem em cada um dos participantes é imensa”, comentou Lourdes Viana, vice-presidente do CEDCA-PE.

     

    Carlos Belarmino, da Escola Estadual Professor Francisco Jonas Costa, localizada em Arcoverde, conquistou o primeiro lugar da categoria Vídeo, com a produção intitulada “Conselho Tutelar: uma nova posição no mundo”. “Toda pessoa procura entender a sua posição no mundo, eu pensei em mostrar a posição do Conselho Tutelar na sociedade. Comecei estudando mais sobre o conselho e suas atribuições, fiz bastante pesquisa e contei com a ajuda de amigos para realizar as gravações”, afirmou Carlos.

     

    Com o texto “A espera de um existir” a adolescente Ketyllen Emilly, de 14 anos, ganhou em primeiro lugar na categoria Texto, do Ensino Médio.  “Eu sonho muito em ser mãe de uma menina, imaginei que o texto deveria retratar isso também. Então escrevi a minha rotina no formato de uma menina, que também pode ser interpretada como a minha representação”, contou a estudante. Este ano, o CEDCA montou uma publicação com os cem melhores textos e desenhos, com base na opinião da comissão avaliadora, e todos os premiados receberam um exemplar. 

     

    Cidades: Olinda
    Assuntos: seduc, concurso arte livre, cedca-pe, eca
    Compartilhe: Link para o post:
  • Prepara Jovem realiza aulão com foco no Sistema Seriado de Ensino (SSA)

    | Educação

    Cerca de 2 mil jovens da rede estadual participaram do preparatório.

    Estudantes da Rede Estadual participaram, nesta sexta-feira (01), de mais uma edição do aulão do projeto Prepara Jovem, promovido pela Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude em parceria com a Secretaria Estadual de Educação. O evento, que reuniu cerca de dois mil alunos, aconteceu no Teatro dos Guararapes, Centro de Convenções, em Olinda, e contou com aulas de Geografia, Biologia e Física com foco no nas provas do Sistema Seriado de Ensino (SSA) da UPE, que acontecem neste sábado (02) e domingo (03).

    Ao entrar no teatro, os estudantes receberam cadernos de questões que foram resolvidas durante toda amanhã pelos professores João Correia (Geografia), Wendel Santos (Física) e Rodrigo Baraúna (Biologia), que se voluntariaram para ministrar as aulas. Eduardo Freitas, aluno da Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) Santa Paula Frassinetti, disse que a oportunidade de ter um aulão com um time de professores renomado é um estímulo a mais para estudar.

    “São professores de grandes cursinhos, muito caros, e nós não teríamos condições de pagar por essas aulas. Esse aulão vem pra ajudar ainda mais a gente, principalmente nessa reta final, que é a mais importante”, detalhou. Para Thaís Regina, estudante da Escola Técnica Estadual (ETE) Miguel Batista, uma aula descontraída como a do Prepara Jovem tira os jovens da rotina e da tensão de uma preparação que dura três anos.

    “A gente entra no primeiro ano do Ensino Médio já com o foco no vestibular. Quando chega perto da prova, a tensão só aumenta e um aulão desse faz a gente relaxar, estudar de uma forma diferente, mais divertida”, contou. “Esta oportunidade é única. Aqui, reunimos escolas situadas em comunidades carentes. E participar de um aulão com esse nível, nessa energia, com certeza esses alunos vão fazer uma avaliação bem mais motivados e preparados”, observou Glaydson Santiago, gestor da Gerência Regional de Educação (GRE) Metropolitana Norte.

    Cidades: Recife
    Assuntos: seduc, rede estadual, aulao, ssa, sistema seriado, upe, projeto prepara jovem
    Compartilhe: Link para o post: