meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • ETE Maximiano Accioly Campos realiza I EXPOMAT

    | Educação
    Expomat

    Francisco Brennand, Oscar Niemeyer, a evolução do celular e jogos digitais em 3D foram alguns dos trabalhos desenvolvidos para a ação. 

    Com o objetivo de aproximar ainda mais a matemática – o carma de muita gente – dos estudantes, a Escola Técnica Estadual Maximiano Accioly Campos, em Jaboatão dos Guararapes, realizou a primeira edição da EXPOMAT – Exposição de Matemática. A ação, que envolveu todos os estudantes da instituição, trabalhou o tema Aplicações de Geometria.
     
    “O tema é trabalhado nas mais diversas áreas, como arte, história, arquitetura e na engenharia. Estamos muito satisfeitos com esta primeira edição, todos os estudantes – são cerca de 500 – se envolveram muito e o resultado são mais de 40 trabalhos expostos”, conta Anderson Melo, professor da disciplina da instituição e um dos organizadores da EXPOMAT. As apresentações aconteceram para professores da ETE e estudantes de escolas convidadas.
     
    Para Anderson, o envolvimento dos estudantes foi muito importante para a realização da exposição. “A gente tem participação de 100% do alunado, não tivemos problema com nenhum grupo. Todos eles estudaram o tema, debateram, pesquisaram e confeccionaram todos os trabalhos que estão expostos. Além de abraçarem a ação, os meninos tomaram gosto em pesquisar matemática em outras áreas e isso é muito atrativo”, diz.
     
    Francisco Brennand, Oscar Niemeyer, a evolução do celular e jogos digitais em 3D foram alguns dos trabalhos desenvolvidos para a ação. “No caso dos artistas brasileiros, eles abordaram a geometria plana, através de análises da inspiração artística e até da própria formação acadêmica desses artistas e a relação que as obras deles possuem com a matemática”, ressalta o professor.
     
    Gustavo Henrique, estudante do 3º ano A do curso de Redes de Computadores, diz que participar de ações como a EXPOMAT proporciona uma boa experiência e, para ele que gosta muito de tecnologia, a expansão do conhecimento na área. “Eu sonho em ser um programador e mexer com jogos. Eu gosto muito da matemática e a exposição só veio para mostrar que quanto mais eu aprendo, mais eu tenho para aprender e tudo isso que estou vivenciando aqui eu vou poder aplicar na minha vida pessoal e profissional. Isso me incentiva, me ajuda a olhar para o meu futuro”, declara. 
    Cidades: Jaboatão dos Guararapes
    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Para combater pichações, escola na Mangueira colore muros

    | Educação
    Romero Brito

    Inspirados no estilo Romero Britto, estudantes encontraram nas cores e nos pincéis uma forma de mudar a realidade da escola
     
    Colorir o muro com painéis inspirados no estilo do pernambucano Romero Britto foi a forma que a Escola Débora Feijó, localizada no bairro da Mangueira, encontrou para combater as pichações. A ideia partiu da gestora Andréa Rocha, que viu a pintura no muro de uma residência e resolveu aplicar a técnica na escola. Os estudantes, coordenados pelo professor de Artes, Paulo Ferreira, começaram as pinturas no início do ano letivo e a expectativa é concluir o muro, que tem 250 metros, até o final deste ano.
     
    “Nós estávamos enfrentando um problema muito grande de pichações na parte externa da escola. Ao passar na frente de uma casa, vi a pintura no estilo Romero Britto e tive a ideia de trazer aqui para a escola, acreditando que o jogo de cores que as pinturas trazem podia dificultar a pichação. E isso tem mudado a realidade da escola, pois não registramos mais as pichações e a comunidade amou a ideia, sem contar que os estudantes estão muito empolgados com essas aulas práticas que a disciplina de Educação Artística está proporcionando”, ressalta Andréa.
     
    Além de combater a prática das pichações, o novo colorido no muro também tem evitado o desperdício, pois os painéis são confeccionados com tinta óleo, que possui uma durabilidade bem maior das tintas convencionais, diminuindo, consequentemente, os custos de manutenção com pintura na escola. Até o momento, os meninos já pintaram mais de dez painéis com mais variados desenhos e utilizaram mais de 10 galões de tinta. Para cobrir o muro, o professor estima que serão necessários 32 painéis.
     
    Romero Brito
     
    O projeto é alternado entre aulas teóricas e práticas. “Em sala de aula eu trabalho toda a biografia de Romero Britto para que meus alunos possam conhecer não só a técnica que ele utiliza, mas toda a história de vida do pintor, de como ele começou e se tornou famoso até se tornar a referência que ele é”, conta Paulo. O professor relata ainda que os meninos estão muito envolvidos com o projeto e que as pinturas ocorrem semanalmente. “Nós sempre alternamos os grupos para que 100% da turma não fique fora da sala de aula”, completa.
     
    A pintura dos muros resultou ainda em um convite para que os meninos pintassem a fachada de uma empresa do bairro. “Nós estávamos colorindo os painéis quando um empresário passou em frente à escola e procurou saber mais sobre a ação. Conversamos com ele e o convite foi feito. Já está tudo certo e estamos apenas esperando a conclusão da fachada externa do prédio para darmos início aos desenhos”, conta Paulo.
     
    “Tem sido bem legal participar deste projeto, pois tem despertado o meu interesse na arte. Já conhecia o estilo de Rometo Britto, mas aprender toda a história dele tem sido também uma experiência incrível”, diz Vinicius Rodrigo, estudante do 9º ano B, que diz ainda que pretende adotar a ideia em algum lugar da sua casa. “Muda o visual, não é? Eu até pensei na ideia de pintarmos a estação do metrô, ficaria bem diferente todas as paredes com arte Romero Britto”, completa. 
    Cidades: Recife
    Assuntos: educação, romero brito, pichação, escola débora feijo, mangeira,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Programa MedioTec oferece 4.520 vagas para cursos técnicos

    | Educação


    Inscrições começam na próxima segunda (19). Edital e sistema de inscrição estão disponíveis no site da Secretaria Estadual de Educação.

    Começam na próxima segunda-feira (19), e seguem até o dia 30 deste mês, as inscrições para seleção de 4.520 vagas nos cursos técnicos no âmbito do Programa MedioTec, do Ministério da Educação (MEC). Dessas vagas, 2.635 são destinadas exclusivamente a estudantes das Escolas Técnicas Estaduais (ETE). As demais vagas são distribuídas para estudantes vinculados a instituições federais e privadas.

    Para participar, os interessados devem ter idade entre 15 a 19 anos, estar cursando, em 2017, o 2º (segundo) ano do Ensino Médio nas escolas com jornadas regular, integral e semi-integral da rede estadual. O sistema de inscrição e o edital estão disponíveis no site da Secretaria Estadual de Educação (www.educacao.pe.gov.br). As matrículas dos aprovados serão realizas no período de 27 de julho a 1° de agosto.

    As vagas são para 35 cursos, em 66 escolas de 22 municípios do Estado. Os cursos oferecidos são: administração, agenciamento de viagem, agronegócio, alimentos, automação industrial, canto, comunicação visual, dança, desenvolvimento de sistemas, edificações, eletroeletrônica, eletrônica, eletrotécnica, eventos, guia de turismo, hospedagem, informática, instrumento musical, lazer, manutenção e suporte em informática, mecânica, mecatrônica, meio ambiente, museologia, paisagismo, produção de áudio e vídeo, produção de moda, programação de jogos digitais, qualidade, redes de computadores, restaurante e bar, saúde bucal, segurança do trabalho, teatro e vendas.

    Mais informações: (81) 3183.9862 ou 3183.9866.

    Assuntos: educação, programa medio tec, mec,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Concurso Público UPE

    | Educação, Emprego


    Estão abertas as inscrições para o concurso público da Universidade de Pernambuco (UPE) para o preenchimento de 388 vagas de nível médio e superior, com salários de R$ 1.157,98 a R$ 7.514,74.

    Para o reitor da UPE, Prof. Pedro Falcão, o concurso público é uma grande conquista para a universidade. “Temos um compromisso com a população e o Governo do Estado, mesmo em meio à crise, teve esta sensibilidade ao autorizar este concurso, pois com a chegada dos novos profissionais poderemos ofertar um atendimento com mais qualidade”, afirma o reitor.

    Pedro Falcão ainda destacou sobre o cenário atual em que vive a universidade pernambucana. "Estamos num processo de fortalecimento e consolidação da UPE. Temos avançado com a inclusão de novos cursos e com a interiorização da nossa instituição. Isto nos permite enfrentar os desafios com o objetivo de dar continuidade ao desenvolvimento institucional", frisou. 

    EDITAL DO CONCURSO

    O edital publicado no Diário Oficial da União (DOU) de hoje (15/06) traz as seguintes vagas: 157 vagas para o cargo de analista técnico em gestão universitária, 22 para assistente técnico em gestão universitária e nove para médico, incluindo plantonista. As inscrições vão até o dia 16 de julho e são realizadas exclusivamente no endereço eletrônico: www.upenet.com.br

    As oportunidades oferecidas pela universidade serão para vagas nas Unidades de Educação e de Saúde em Arcoverde, Caruaru, Petrolina, Salgueiro, Serra Talhada, Garanhuns, Mata Norte, Mata Sul, RMR e o Complexo Hospitalar da Universidade.

    A taxa é de R$ 100 para os cargos de analista técnico em gestão universitária e médico e de R$ 70 para o cargo de assistente técnico em gestão universitária. As provas acontecem no dia 27 de agosto e o resultado final da seleção será divulgado no dia 26/09.


    Mais informações: (81) 3033-7394 3033-7397. Confira aqui o edital. 

    Edital

    Assuntos: upe, semptec, concurso, educação,
    Compartilhe: Link para o post:
  • UPE divulga datas do seu Processo de Ingresso 2018

    | Educação, Tecnologia

     

    Nesta quarta-feira (14/07) a Comissão Permanente de Concursos Acadêmicos da Universidade de Pernambuco (CPCA/UPE) divulgou as datas do seu processo de ingresso 2018 em reunião extraordinária do Conselho Universitário (Consun) da instituição.

    No dia 17/07 já começam as inscrições para as três fases do Sistema Seriado de Avaliação (SSA) e seguem até o dia 18 de agosto, exclusivamente pela internet, através do endereço http://processodeingresso.upe.pe.gov.br. A taxa custa R$ 95,00. É obrigatório que o candidato possua CPF próprio e conta de e-mail válida.

    Para anunciar os detalhes, novidades e mudanças para a seleção deste ano a CPCA/UPE convida para coletiva para os jornalistas a ser realizada no dia 05/07, às 10h, no gabinete do reitor, na reitoria da UPE.

    Outras informações através dos telefones: (81) 3183-3660 e 3183-3791, no e-mail: processodeingresso@upe.br ou ainda no endereço eletrônico: http://processodeingresso.upe.pe.gov.br.

    SERVIÇO COLETIVA:

    DATA: 05/07/2017
    HORA: 10hs
    LOCAL: gabinete do Reitor, na Reitoria da UPE, que fica na Av. Agamenon Magalhães, s/n – Santo Amaro.

    PERÍODO DE INSCRIÇÕES:

    SSA: 17/07 a 18/08/2017
    Solicitação de isenção (candidatos com NIS): de 17 a 21/07/2017
    Taxa: R$ 95,00

    CALENDÁRIO DE PROVAS:

    SSA 3: 19 e 20 de novembro de 2017 (manhã)
    SSA 1: 03 e 04 de dezembro de 2017 (manhã)
    SSA 2: 03 e 04 de dezembro de 2017 (tarde)


    UPE

    Assuntos: sempteq, upe, ingresso 2018, sistema seriado de avaliação,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Final de semana animado com bastante forró e música erudita

    | Educação

    CMP

    Com realização do Conservatório Pernambucano de Música, São João Sinfônico e projeto Música no Palácio levaram ritmos nordestinos ao público

    A noite do último sábado (10) foi de muito forró para aqueles que estiveram no Teatro Santa Isabel para apreciar o espetáculo São João Sinfônico do Conservatório Pernambucano de Música (CPM). Quem deu o ritmo foi a Orquestra de Câmara de Pernambuco, regida pelo maestro José Renato Accioly, e o acordeonista Beto Hortis como solista, além de Silvério Pessoa, o Grupo SaGrama e os dançarinos Josy e Tico Caxiado como convidados. Quem foi pode apreciar ritmos nordestinos com um toque de música erudita.

    Rose Hazin, gerente geral do CPM, conta que a intenção do Conservatório é aproximar o público da cultura erudita, introduzindo instrumentos desta cultura aos ritmos populares. “O gênero erudito, instrumental, popular ou vocal não importa quando todas as culturas são reunidas. As músicas apreciadas aqui não são para dançar, são músicas para degustação da melodia por trás de sucessos que a gente já canta há anos”, comenta.

    Jane Maciel, de 70 anos, mora no bairro dos Aflitos e veio conferir pela primeira vez uma apresentação do Conservatório. “Estou encantada com o que estou ouvindo, é magnífico. Casou muito bem, nos traz certa nostalgia e mexe com os nossos sentimentos”, confessa.

    Música no Palácio – Na manhã do último domingo (11), o Coro Infantil do CPM e Aglaia Costa se apresentaram no Projeto Música no Palácio, que acontece na sede do Governo do Estado, o Palácio do Campo das Princesas, no bairro de Santo Antônio, no Centro do Recife. O Coro Infantil é formado por alunos do Curso de Iniciação Musical do CPM, com idades variando entre oito e treze anos, e levou o espetáculo Arrasta-pé para o Palácio, homenageando o xote, baião, xaxado e forró. Foi sucesso de público. 

    Assuntos: educaçao, conservatorio pernambuco de musica, projeto musica no palacio, cpm, orquestra de camara de pernambuco,
    Compartilhe: Link para o post:
  • DETRAN-PE forma novos agentes para órgãos de trânsito

    | Educação

     detran

    O que um agente de trânsito precisa saber para ter um bom relacionamento com o cidadão e o que deve levar em consideração na hora de aplicar uma multa, estiveram entre os assuntos abordados em mais uma turma do Curso de Formação de Agentes da Autoridade de Trânsito, promovido pela Secretaria Estadual das Cidades (SECID), por meio do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE.

    Com 100 horas aula, a iniciativa teve o objetivo de capacitar os alunos para desempenhar suas funções, pondo em prática a legislação de trânsito e zelando pelo bem-estar da população de forma a evitar o cometimento de excessos. Cerca de 30 alunos participaram dessa turma que se encerrou hoje, 9, sendo eles do Batalhão de Polícia de Trânsito – BPTran, Batalhão de Polícia Rodoviária – BPRV, Operação Lei Seca e das Guardas Municipais do Cabo de Santo Agostinho e Moreno.

    Na parte teórica foram tratados o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), as Resoluções do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), além de questões referentes a infrações, penalidades e medidas administrativas como recolhimento de documentos e remoção de veículos. Já na prática, eles participaram de uma blitz montada na Avenida Norte, no bairro da Macaxeira, Recife, onde apreenderam técnicas de abordagens, preenchimento de infrações, etc.

    Segundo o diretor presidente do Órgão, Charles Ribeiro, a formação atingiu o proposito que é contribuir para a qualificação de novos agentes de trânsito que irão atuar nas ruas, estradas e rodovias pernambucanas. “A qualificação e atualização são fundamentais em todas as profissões, não sendo diferente nessa categoria, que diariamente trabalham em prol da garantia da segurança do nosso trânsito e do cumprimento das leis, sempre pensando no bem comum da população”, destacou.

    Para o inspetor da Guarda Municipal do Cabo de Santo Agostinho, Gêneses Paes Barreto, o curso possibilitou a ampliação do conhecimento específico em relação ao que o trânsito engloba, entre portarias, resoluções, leis, etc. “O aprender nunca é demais e se faz necessário para profissionais que cuidam da segurança das pessoas. O DETRAN-PE e todos os seus gestores então de parabéns por possibilitar essa formação com excelente nível técnico”, finalizou.   

    Ao final do curso todos os alunos realizaram uma avaliação escrita e receberam certificados pela participação. 

    Cidades: Recife
    Assuntos: secid, detran-pe, Curso de Formação de Agentes da Autoridade de Trânsito,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Divulgado 5 remanejamento da UPE e lista do Sisu

    | Educação

     

    A Universidade de Pernambuco (UPE) divulgou a listagem do quinta remanejamento do Processo de Ingresso 2017 para 2a entrada, com 79 candidatos remanejados. Foi publicada, ainda, a quinta lista de convocados, a partir da lista de espera, do Sistema de Seleção Simplificada (Sisu), com 102 nomes. 

    Os feras deverão realizar suas matrículas na próxima sexta-feira (09/06/17). Os candidatos que não efetivarem suas matrículas no dia determinado serão eliminados automaticamente. 

    LOCAIS DE MATRÍCULA - As matrículas dos cursos oferecidos em Recife e em Camaragibe deverão ser feitas, das 8h às 13h, na Reitoria da UPE, que fica na Av. Agamenon Magalhães, s/n – Santo Amaro.

    Os candidatos classificados nos cursos oferecidos no Interior deverão se dirigir às unidades correspondentes aos cursos ao qual se inscreveram.

    • Campus de Caruaru, Rodovia 104 - Km 62 – Nova Caruaru, Fone: (81) 3719-9444;

    • Campus Nazaré da Mata, Rua Amaro Maltez, 201 – Bairro Novo – Nazaré da Mata, Fone: (81) 3633-4615;

    • Campus Garanhuns, Rua Capitão Pedro Rodrigues, 105 – São José – Garanhuns – Fone: (87) 3761-8210;

    • Campus Arcoverde, Rua Gumercindo Cavalcanti, s/n – São Cristovão – Arcoverde – Fone: (87) 3822-6626;

    • Campus Salgueiro, Av. Verimundo Soares, s/n, Km 511, BR 232 - Salgueiro, Fone: (87) 3871-8707;

    • Campus Petrolina, BR 203, Km 2 – Vila Eduardo - Petrolina, Fone: (87) 3866-6470;

    • Campus Palmares, BR 101, Km 117 – Campus Universitário - Palmares, Fone: (81) 3661-0625;

    • Campus Serra Talhada, Av. Afonso Magalhães, s/n – Nossa Senhora da Conceição – Serra Talhada, Fone: (87) 3831-2311.

    O candidato deverá apresentar no ato da matrícula 2 (duas) fotos 3x4 atualizadas, e ainda, original e fotocópia ou, apenas, fotocópia autenticada dos seguintes documentos:

    • Cédula de identidade;

    • CPF;

    • Certificado de conclusão do ensino médio com respectivo histórico escolar. Para cotista, o histórico escolar deve comprovar que estudou os três anos do ensino médio e os anos finais do 6o ao 9o (antiga 5a a 8a serie) do ensino fundamental em escola pública estadual ou municipal;

    • Certidão de nascimento ou de casamento;

    • Título de eleitor e comprovante de votação;

    • Para homens, prova de quitação do Serviço Militar, se maior de 18 (dezoito) anos.

     
    Assuntos: upe, remanejamento, processo de ingresso 2017, matriculas
    Compartilhe: Link para o post:
  • PGE lança Programa Jovem Leitor e arrecada livros e revistas

    | Educação

     

    Sabe aquele livro que você gostou e ficou lá num cantinho na prateleira? Ou aquela revista que já foi lida? Esse material pode virar um instrumento de estímulo à leitura dentro de um projeto que começa a ser implementado na Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco (PGE-PE), pela Divisão de Desenvolvimento de Pessoas da Unidade de Recursos Humanos (URH). O Programa Jovem Leitor é direcionado aos estagiários de nível médio e pretende facilitar o acesso dos estudantes a livros literários e revistas informativas.

    A ideia é criar um banco de livros disponíveis para empréstimo diariamente. Uma campanha para arrecadar livros e revistas ocorrerá de 1º a 30 de junho. O ponto de coleta da material doado será na URH, que fica na sobreloja do prédio da PGE. São bem-vindos revistas de informação e livros literários e paradidáticos, usados em bom estado ou novos.

    “O objetivo do programa é estimular o prazer pela leitura e, com isso, contribuir para elevar a capacidade de compreensão e redação de textos, o que terá impacto tanto nas suas atividades durante o estágio quanto na sua formação profissional para o futuro mercado de trabalho”, explica Mônica Carlos, supervisora da Divisão de Desenvolvimento de Pessoas.

    "Esse projeto proporcionará  também  maior inserção no mundo da literatura, com autores nacionais e estrangeiros, como também proporcionará a possibilidade de aquisição de conhecimento extracurricular, com a leitura de revistas e outras publicações", afirma a Elizabeth Didier, também supervisora da Divisão de Desenvolvimento de Pessoas.

    A coleta dos livros é apenas o primeiro passo. Após a criação do banco de publicações, o programa prevê uma série de atividades envolvendo os estagiários. “Será um trabalho contínuo, com foco numa capacitação de qualidade, que é o objetivo do estágio na PGE”, completa Mônica.

    Para a secretária-geral da PGE-PE, Erika Lacet, “a iniciativa da Unidade de Recursos Humanos, que vem desempenhando um trabalho constante de melhoria do programa de estágio da Procuradoria, é louvável e de extrema importância, pois a leitura é base para o aperfeiçoamento do aprendizado, contribuindo, não apenas para a capacidade de compreensão e redação de texto, mas também para melhorar as formas de expressão do indivíduo”. “Diante da importância do programa, solicito a colaboração de todos na doação de livros e no estímulo para a adesão ao programa que, apesar de ser direcionado aos estagiários de nível médio, poderá ser usufruído por todos da PGE”, completa Erika Lacet.

    ESTÁGIO – O programa de estágio em parceria com o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) conta atualmente com 21 estudantes do ensino médio atuando na área administrativa da PGE-PE. Todos são de escola pública da rede estadual. Os alunos são selecionados pela URH anualmente ou quando surge vaga. O estágio de quatro horas diárias tem duração de um ano, renovável por mais um, e os alunos recebem bolsa auxílio e vale-transporte.

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Já está no ar a 14ª edição da revista Gestão Pública PE

    | Educação, Juventude, Emprego

    Revista

    Entre os destaques deste número estão uma entrevista com o consultor, arquiteto e urbanista Francisco Cunha e um artigo sobre o programa Pernambucoders

    Um modelo urbano que valorize mais o pedestre e menos o transporte motorizado individual. É o que defende o consultor, arquiteto e urbanista Francisco Cunha em entrevista à Gestão Pública PE, publicação da Secretaria de Planejamento e Gestão de Pernambuco (Seplag). A 14ª edição da revista, que acaba de ser disponibilizada, também traz entre seus destaques um artigo sobre o programa Pernambucoders. Em dois anos, mais de dois mil estudantes da rede estadual serão atendidos com a instalação de clubes de programação através dessa iniciativa inovadora.

    Na seção Boas Práticas, a questão do bem-estar relacionado ao serviço público é abordada em um artigo sobre programas de benefícios em instituições públicas. São referenciadas iniciativas importantes implantadas, por exemplo, nos municípios do Recife e de Boa Vista (RR), nos estados da Bahia e de Pernambuco.

    Experiências que perpassam por treinamentos, prêmios, valorização pessoal, boa convivência no ambiente de trabalho e reconhecimento do servidor público, desenvolvidas para manter servidores motivados e dispostos a alcançar os objetivos e metas da organização.

    Na seção Estratégia, a publicação traz uma reflexão sobre a importância da gestão da comunicação nas assessorias de imprensa governamentais. Tal como em uma empresa privada, o papel do assessor de imprensa em organizações governamentais é “vender” bem as ações e a imagem de seus assessorados, tanto para o público externo quanto interno. O artigo defende que o assessor de imprensa precisa ser, antes de tudo, um gestor de perfil dinâmico e com amplo domínio sobre metodologias de trabalho e instrumentos de avaliação, que saiba planejar e administrar custos.

    A nova edição também aborda assuntos como o Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse (Siconv), na seção Conta Certa; as parcerias da Agência Condepe/Fidem com os municípios pernambucanos (Especial); e a prática do job rotation (Capital Humano). Proporciona, ainda, um interessante debate sobre o papel da universidade na gestão pública. A revista Gestão Pública PE pode ser acessada através do endereço https://goo.gl/1HSfuW. 

    Assuntos: seplag, revista gestão publica, francisco cunha, pernambucoders,
    Compartilhe: Link para o post: