meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • Agricultores de Tacaratu recebem recibos de emissão do Cadastro Ambiental Rural

    | Agricultura
    sara

    O Escritório municipal do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), em Tacaratu, por meio do extensionista Normando Gomes, realizou evento nesta quarta feira, dia 06, na Comunidade Ouricuri, em Tacaratu, com o objetivo de prestar orientações, conscientizar e incentivar os pequenos agricultores sobre a importância do Cadastro Ambiental Rural – CAR. Na ocasião, foram entregues os recibos , com os quais as famílias podem comprovar que estão regularizados no Cadastro.

    A comunidade Ouricuri é assistida regularmente pelo IPA, vinculado à Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, por meio do Escritório Local de Tacaratu, estando dentro do PAM – Plano de Ação Municipal e, no tocante ao CAR,  já foram atendidas 18 famílias.

    O evento foi planejado para promover a entregar o documento que comprova a regularidade das famílias que já foram atendidas, além de orientar,  incentivar e convencer os demais a aproveitarem a prorrogação do prazo, recentemente anunciado pelo governo

    Assuntos: sara, ipa, cadastro ambiental, orientacao, ouricuri,
    Compartilhe: Link para o post:
  • IPA realiza leilões para venda de bovinos, caprinos e ovinos de alta qualidade genética

    | Agricultura

    leilão

    O Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), órgão vinculado à Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, realizará cinco leilões para venda de 330 animais, sendo 80 bovinos leiteiros e 250 caprinos leiteiros e ovinos de corte. “São animais de linhagens adaptadas as condições climáticas da região, desenvolvidas pelos trabalhos de pesquisa do IPA em produção animal”, explica do pesquisador do IPA, Sebastião Guido.

    Outro ponto positivo são os preços diferenciados, permitindo que os produtores tenham acesso a um rebanho de alta qualidade genética.

    A compra poderá ser efetuada por meio de Carta Proposta, com lances acima do valor mínimo de avaliação de cada lote. O pagamento poderá ser feito em três parcelas, com entrada de 40% e o restante dividido para 30 e 60 dias. À vista, haverá um desconto de 5% sobre o valor total.

    O primeiro será o Leilão de Bovinos Girolando , dia 27 deste mês, na Estação Experimental de Arcoverde. O Leilão de Caprinos e Ovinos será realizado dia 28, na Estação Experimental de Sertânia. Dia 29, é a vez do Leilão de Bovinos Guzerá , na Estação Experimental de Serra Talhada. A Estação Experimental de São Bento do Una recebe, no dia 30, o Leilão de Bovinos Holandeses. O Leilão de Bovinos Girolando e Ovinos encerra o circuito de arremates, no próximo dia 04 de julho, na Estação Experimental de Itambé.

     
    Assuntos: saqra, ipa, leilao, precos, carta proposta,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Secretaria de Agricultura participa da abertura do 10º Congresso da FETAPE

    | Agricultura
    sara

    Representando o governador de Pernambuco, o secretário de agricultura e reforma agrária, Wellington Batista, esteve presente na noite desta segunda-feira (4), na abertura do 10 º Congresso Estadual dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares (CETTR), que acontece até o dia 6 de junho, em Gravatá. O evento é promovido pela FETAPE (Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado de Pernambuco) e seus Sindicatos filiados. Este ano, o Congresso homenageia o ex-deputado estadual e líder histórico do Movimento Sindical Rural, Manoel Santos.
     
    Durante as falas de abertura foram ressaltados os trabalhos realizados pela FETAPE, a importância dos agricultores e da agricultura familiar no estado, além dos desejos de um Brasil mais democrático e com igualdade para todos os setores. Destaque para as parabenizações em nome de Cícera Nunes, que assume o próximo quadriênio na presidência da FETAPE. 
     
    O evento visa promover, para o Movimento Sindical Rural, o debate sobre a atual conjuntura, incluindo a garantia, defesa e ampliação de direitos dos homens e mulheres do campo, fortalecimento da agricultura familiar no estado e o posicionamento do Movimento nas eleições de 2018. Na programação ainda ocorrerá a apresentação de um documento com os Eixos Políticos para um Mandato Popular defendido pelo Movimento Sindical Rural, o lançamento de um livro sobre o início da organização sindical rural na Zona da Mata pernambucana, o debate e votação das Diretrizes e Planos de Luta para o período 2018/2022, e ainda uma série de agendas relacionadas à organização do MSTTR. Destaque para a confraternização que marcará as comemorações do aniversário de 56 anos da FETAPE - um momento de celebrar as lutas e conquistas para os trabalhadores rurais do estado. O Congresso reúne mais de 600 delegados e delegadas de sindicatos de todo o estado, além de convidados e convidadas. 
      
    Estiveram presentes, representando a SARA e acompanhando o secretário de agricultura, Wellington Batista, o secretário executivo da Secretaria de Agricultura Familiar, José Cláudio; o presidente do ProRural, Fábio Fiorenzano; o secretário executivo da Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, Álvaro Jordão; Formando a mesa várias autoridades como o presidente da FETAPE, Doriel Barros; o vice-presidente da FETAPE, Paulo Roberto; o deputado federal, Wolney Queiroz; a deputada estadual, Teresa Leitão, assim como diversos vereadores e prefeitos do estado, todos os diretores e coordenadores da FETAPE, representantes de organizações não governamentais (ONGs) e movimentos sociais.
    Assuntos: sara, paulo camara, congresso, cettr, fetape, movimento sindical rural, agricultura familiar,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Adagro prorroga campanha de vacinação

    | Agricultura

    Compra de vacina pode ser feita até o dia 15 de junho sem penalidades

    A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro), órgão vinculado à Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária anuncia aos criadores que a primeira etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa será prorrogada até o dia 15 de junho para a compra da vacina e até o dia 30 do mesmo mês para declarar o rebanho.

    O Estado de Pernambuco e vários municípios decretaram Estado de Emergência devido ao desabastecimento de combustível. Com a paralisação dos caminhoneiros se prolongando a distribuição de vacinas foi afetada e muitas localidades estão sem o produto para revender. O deslocamento dos produtores até os escritórios da Adagro também foi afetado, sendo mais prudente prorrogar o prazo para que nenhum produtor seja penalizado.

    Até o momento 50% do rebanho já foi declarado nos escritórios da Adagro e cerca de 59 mil produtores ainda devem imunizar seus animais contra a doença. A Regional de Petrolina apresenta a menor cobertura vacinal 30%, já a Regional Sertânia já imunizou 67% do plantel.

    O prazo antes terminaria no dia 31 de maio, com a prorrogação o produtor tem mais 15 dias para realizar a vacinação e declarar o rebanho.

    Assuntos: sara, adagro, campanha, vacinacao, febre aftosa, prorrogado
    Compartilhe: Link para o post:
  • Projeto Dom Hélder chega a Santa Cruz da Baixa Verde

    | Agricultura, Administração

    santa cruz

    A comunidade Sítio São Paulo, no município de Santa Cruz da Baixa Verde, abre o ciclo de reuniões para implementação das ações previstas no Projeto Dom Helder, realizado pelo Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), órgão vinculado à Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, e Ministério do Desenvolvimento Agrário no Nordeste. O objetivo é mobilizar, selecionar e agendar o cadastramento e a realização de um diagnóstico, que permita programar atividades de Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER).

    Além disso, também visar apoiar às  atividades produtivas, visando promover a produção de alimentos, melhoria dos indicadores sociais e gerar renda para 49 famílias de pequenos agricultores.  Aliado as atividades de ATER, essas famílias selecionadas serão priorizadas no tocante ao acesso as políticas públicas para o setor rural a exemplo do Garantia Safra, PAA, Programa de Distribuição de Sementes Selecionadas emissão de DAP, (Declaração de Aptidão ao PRANAF) e a participação em capacitações.  A seleção é realizada por diversos critérios, entre eles possuir renda per capta menor que  R$ 85,00.

    As ações vêm sendo desenvolvida pela equipe técnica do IPA , formada pelos extensionistas , Alexandre Cesario e Gerlúcio Moura, que também coordena a atividade nos municípios de Santa Cruz da Baixa Verde e Serra Talhada.

    Dom Helder Câmara 

    A nova fase do Projeto Dom Helder Camara, iniciada em outubro de 2017, passou a envolver a parceria dos governos estaduais e suas empresas de Ater. É um programa de ações referenciais de combate à pobreza e apoio ao desenvolvimento rural sustentável no semiárido. O projeto está embasado no conceito de convivência e articulado de acordo com as dimensões sócio-políticas, ambientais, culturais, econômicas e tecnológicas por processos participativos de planejamento, gestão e controle social.

    Seu objetivo é contribuir para a redução da pobreza rural e das desigualdades no semiárido, mitigando os efeitos causados pelas condições climáticas adversas por meio da integração de politicas públicas federais, estaduais e municipais. A área de abrangência do Dom Helder inclui 913 municípios de 11 Estados brasileiros: Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e  Sergipe.

    Cidades: Santa Cruz da Baixa Verde
    Assuntos: sara, ipa, projeto dom helder, santa cruz, ater, distribuicao de sementes,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Cadastramento do Chapéu de Palha da Cana termina nesta sexta-feira (25)

    | Agricultura

    seplag

    Inscrições podem ser feitas nas sedes dos sindicatos de trabalhadores rurais em 29 municípios.

    O cadastramento do Programa Chapéu de Palha da Cana termina nesta sexta-feira (25/05) na Mata Sul. As inscrições podem ser feitas das 9h às 17h nas sedes dos sindicatos de trabalhadores rurais em 29 municípios (Água Preta, Amaraji, Barra de Guabiraba, Barreiros, Belém de Maria, Bonito, Cabo de Santo Agostinho, Catende, Chã Grande, Cortês, Escada, Gameleira, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Jaqueira, Joaquim Nabuco, Maraial, Palmares, Pombos, Primavera, Quipapá, Ribeirão, Rio Formoso, São Benedito do Sul, São José da Coroa Grande, Sirinhaém, Tamandaré, Vitória de Santo Antão e Xexéu).

    Para ser beneficiário, é necessário ser trabalhador(a) rural da cana-de-açúcar, trabalhador(a) do cultivo da cana, bituqueiro(a), rurícola ou safrista, no último contrato, com comprovação em carteira de trabalho; ser maior de 18 anos; ter trabalhado, com registro em carteira, por no mínimo 30 dias corridos em uma das três últimas safras; não possuir vínculo empregatício em carteira de trabalho; ser residente em um dos 53 municípios contemplados pelo programa; não estar recebendo seguro-desemprego, aposentadoria ou pensão do INSS.

    No ato do cadastramento, o trabalhador deverá apresentar: comprovante do Número de Identificação Social – NIS (Cartão Cidadão, Cartão Bolsa Família ou extrato de benefícios emitido pela Caixa); carteira de trabalho; CPF; RG; termo de rescisão de contrato; e comprovante de residência. Para mais informações basta ligar para o número 0800.282.5158.

    Entre as novidades desta edição do Chapéu de Palha está a dispensa da obrigatoriedade de participar de cursos de capacitação para o trabalhador ou familiar que apresentar certificado de outro curso. Estão sendo aceitos certificados emitidos pelo Sistema S (Senar, Sebrae, Senac, Sesc, Senai, Sesi, Senat, Sest e Sescoop); por algumas secretarias estaduais ou declaração da instituição de ensino que comprovem matrícula e frequência em cursos técnicos, tecnológicos ou de nível superior (estadual ou federal), Educação de Jovens e Adultos, ProJovem, Pronatec ou a distância, no período de 12 meses anteriores à data de cadastramento.

    O Chapéu de Palha da Cana oferece apoio à trabalhadora e ao trabalhador rural no período da entressafra, mediante o pagamento de uma bolsa em quatro parcelas no valor de R$ 100 até 271,10 cada. Em 2017, o Governo de Pernambuco cadastrou mais de 48 mil trabalhadoras e trabalhadores no programa, dos quais 67% foram na modalidade cana-de-açúcar, envolvendo um investimento total de cerca de R$ 40 milhões. Em 2018, há uma previsão de crescimento em torno de 10% no número de inscritos. Na Mata Sul, a previsão é cadastrar cerca de 23 mil trabalhadores, atingindo 33 mil pessoas na modalidade cana-de-açúcar.

    Assuntos: seplag, programa chapeu de palha, mata sul, inss, cadastro
    Compartilhe: Link para o post:
  • Programa de Aquisição de Alimentos beneficiará produtores de Limoeiro

    | Agricultura

    sara

    O Escritório Local do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), vinculado à Secretaria de Agricultura, em parceria com a Secretaria Municipal de Agricultura de Limoeiro, dá início à implementação do PAA- Programa de Aquisição de Alimentos.

    A ação beneficia diretamente 70  agricultores e agricultoras de base familiar, além de fornecer alimentos a mais de mil pessoas entre crianças, jovens e idosos, que recebem os produtos através de refeições nas creches e escolas e instituições filantrópicas do município.

    Produtos como macaxeira,feijão, milho, jerimum, batata doce e bolos são entregues para serem doados a instituições cadastradas, produtos de excelente qualidade, sem o uso de defensivos químicos, garantido mais saúde aos consumidores. “Graças a este programa, estamos conseguindo vender nossa produção de batata doce e macaxeira o ano todo, recebo assistência do técnico do IPA e tenho a compra garantida” , relata o agricultor , José Bezerra

     “O sucesso do programa possibilita sustentação as atividades da agricultura familiar no município, promovendo novas perspectivas de comercialização, investimos 215 mil reais na compra dos produtos, prestamos assistência técnica continua aos agricultores, alem de viabilizarmos um espaço para a Central de Recebimento dos Produtos, estamos gerando riquezas, valores e estimulando o desenvolvimento local”, garante o gerente regional do IPA Denny Lapenda.

    Assuntos: sara, ipa, limoeiro, agricultura familiar, ipa
    Compartilhe: Link para o post:
  • Secretário de Agricultura visita instalações no município de Lagoa Grande e Regiões

    | Agricultura
    natadouro
     
    Em visita a região do São Francisco, o secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Wellington Batista, acompanhado pelo prefeito da cidade de Lagoa Grande, Vilmar Cappellaro, e o secretário de governo, Valman Rivas, estiveram no matadouro da cidade para verificar as condições do local que deveria ser o principal ponto de abate da localidade e municípios vizinhos. 
     
    Parado desde outras gestões, o matadouro nunca esteve em funcionamento e ainda foi depredado por vândalos nos últimos meses. A visita teve por objetivo verificar a real situação do espaço e criar uma pauta de ações para auxiliar a prefeitura na reconstrução e ativação das instalações. Reformado, o matadouro será responsável pelo abate mensal de 1.200 caprinos e ovinos, além de 150 bovinos de Lagoa Grande, Santa Maria da Boa Vista, Santa Cruz, e distritos de Petrolina e Dormentes. Com uma população de 26 mil habitantes, Lagoa Grande possui mais de 1.100 criadores de animais de médio porte, como caprinos e ovinos.
     
    O secretário Wellington Batista visitou parreirais de uvas e vinícolas no Sertão do São Francisco, e ainda representou o governador Paulo Câmara na Caprishow, em Dormentes-PE, na sexta-feira (18).
    Cidades: Lagoa Grande
    Assuntos: sara, paulo camara, lagoa grande, visita ao matadouro,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Governo de Pernambuco fortalece agricultura familiar e educação de Palmares, na Zona da Mata Sul

    | Educação, Agricultura
     Paudalho

    Governador Paulo Câmara inaugurou, nesta segunda-feira, nova sede de escola estadual, lançou a edição 2018 do programa Chapéu de Palha da Cana e entregou 157 títulos de posse a agricultores locais 
      
    PALMARES - Dando continuidade à extensa agenda desta segunda-feira (21.05), na Zona da Mata Sul pernambucana, o governador Paulo Câmara realizou a entrega oficial de mais uma escola, agora, no município de Palmares. A nova sede da Escola Estadual Maquinista Amaro Monteiro contou com um aporte de R$ 3,6 milhões e tem capacidade para atender 359 estudantes de Palmares e municípios vizinhos. Na oportunidade, o chefe do Executivo estadual lançou, ainda, a edição 2018 do programa Chapéu de Palha da Cana, na região. O cadastramento, que iniciou hoje, segue até o próximo dia 25, nas sedes dos sindicatos de trabalhadores rurais de cada município. A expectativa é contemplar cerca de 23 mil agricultores da Mata Sul. 
      
    “Estamos cumprindo uma série de atividades nessa região, incluindo a entrega de títulos de posse para três municípios, com os quais as pessoas agora vão ter a oportunidade de poder passar a escritura aos seus familiares e ter acesso ao crédito e diversos programas estaduais voltados para o setor. A gente também está iniciando as inscrições de mais uma rodada do Chapéu de Palha, para que as pessoas que trabalham com a cana-de-açúcar possam ter uma renda para sustentar a sua família nesse período de entressafra e, ao mesmo tempo, vão poder participar de cursos de capacitação que vão ajudar na sua formação para pensar em melhores empregos no futuro. Tive a oportunidade também de vir aqui na Escola Maquinista Amaro Monteiro para conhecer a nova estrutura e conversar com estudantes e professores. Ficou uma escola realmente muito bonita", destacou o governador.

    A nova estrutura da Escola Estadual Maquinista Amaro Monteiro conta com 12 salas de aula, quadra de esportes coberta, laboratórios de Informática e Ciências, além de auditório, biblioteca, cozinha, refeitório, recreio coberto e banheiros – incluindo espaços acessíveis. Além disso, o prédio conta também com uma sala multiuso de 24 metros quadrados e vestiários para os estudantes. “Talvez hoje, Palmares seja a rede mais moderna de escolas públicas de todo o Estado. Essa é uma região que sofreu muito com as enchentes de 2010. Durante muito tempo, os estudantes daqui estudaram em prédios com instalações precárias. Então, isso não é apenas uma obra, é um símbolo de luta de toda a comunidade escolar daqui de Palmares", avaliou o secretário estadual de Educação, Fred Amâncio. 
      
    CHAPÉU DE PALHA - O cadastramento e entrega dos cartões de frequência do Programa Chapéu de Palha 2018, na modalidade Cana-de-açúcar, podem ser realizados até 25/05 na Mata Sul, através da apresentação de comprovante do Número de Identificação Social - NIS (Cartão Cidadão, Cartão Bolsa Família ou extrato de benefícios emitido pela Caixa); carteira de trabalho; CPF; RG; termo de rescisão de contrato; e comprovante de residência. A iniciativa oferece apoio à trabalhadora e ao trabalhador rural no período da entressafra, mediante o pagamento de uma bolsa em quatro parcelas no valor de R$ 100 até R$ 271,10. 
      
    Entre as novidades desta edição está a dispensa da obrigatoriedade de participar de cursos de capacitação para o trabalhador ou familiar que apresentar certificado de outro curso. Serão aceitos certificados emitidos pelo Sistema S (Senar, Sebrae, Senac, Sesc, Senai, Sesi, Senat, Sest e Sescoop); por algumas secretarias estaduais ou declaração da instituição de ensino que comprovem matrícula e frequência em cursos técnicos, tecnológicos ou de nível superior (estadual ou federal), Educação de Jovens e Adultos, ProJovem, Pronatec ou à distância, no período de 12 meses anteriores à data de cadastramento. 

    Para ser beneficiário do Chapéu de Palha da Cana é necessário ser trabalhador(a) rural da cana-de-açúcar, trabalhador(a) do cultivo da cana, bituqueiro(a), rurícola ou safrista, no último contrato, com comprovação em carteira de trabalho; ser maior de 18 anos; ter trabalhado, com registro em carteira, por no mínimo 30 dias corridos em uma das três últimas safras; não possuir vínculo empregatício em carteira de trabalho; ser residente em um dos 53 municípios contemplados pelo programa; não estar recebendo seguro-desemprego, aposentadoria ou pensão do INSS. 
      
    Em 2017, o Governo de Pernambuco cadastrou mais de 48 mil trabalhadoras e trabalhadores no Chapéu de Palha, dos quais 32.850 (67%) foram na modalidade cana-de-açúcar, envolvendo um investimento total de cerca de R$ 40 milhões. Em 2018, há uma previsão de crescimento em torno de 10% no número de inscritos em cada uma das modalidades (fruta, pesca e cana). "Na Mata Sul, nós temos uma expectativa de cadastrar de 22 a 23 mil trabalhadores da cana-de-acúçar, que representa um investimento aproximado de R$ 25 milhões. Na Mata Norte, já foram cadastrados 9.568 trabalhadores. E isso é um retrato de tudo o que se fez e vem sendo desenvolvido dentro da produção da cana-de-açúcar no Estado. A nossa expectativa é de que aqui, na Mata Sul, o número seja maior do que o ano passado por conta da reabertura de usinas", afirmou a coordenadora geral do Chapéu de Palha em Pernambuco, Edna Claudino. 
      
    REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA – Ainda no município, 157 títulos de concessão de direito real de uso da terra foram entregues às famílias rurais que residem em assentamentos estaduais na região da Mata Sul e Região Metropolitana do Recife (RMR). Os títulos vão beneficiar 76 famílias que vivem no Assentamento Ximenes, localizado no município de Barreiros; 41 famílias do Bruno Maranhão, novo assentamento criado no Cabo de Santo Agostinho; e para 40 famílias em Eduardo Campos, novo assentamento no município de Palmares. 
      
    Os títulos de concessão correspondem ao acesso total de mais de 2 mil hectares de terras, com investimentos da ordem de R$ 157 mil para viabilizar as ações de reordenamento agrário. Historicamente, a criação desses assentamentos é resultado de uma parceria do Iterpe, órgão vinculado à Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, com o Complexo Industrial de Suape, visando à instalação das famílias de agricultores que foram remanejadas das terras desapropriadas para fins de potencializar o desenvolvimento em Pernambuco em outras áreas de atuação do Estado. 

    Satisfeito com a vinda do governador ao seu município, o prefeito Altair Junior afirmou que, apesar das dificuldades, se orgulha dos resultados alcançados pela rede de ensino local.  "Nossa educação é de qualidade. Do ano passado para este ano, ganhamos prêmio na Mata Sul como a melhor leitura e o segundo lugar como melhor escrita. Então é importante para gente. E vamos trabalhar para termos uma geração de homens e mulheres melhor do que a nossa. Por outro lado, presenciando as dificuldades do homem do campo e tentando mudar essa situação, 40% da nossa merenda são compradas por agricultores familiares. É um volume bem acima do que a lei manda para fomentar a agricultura familiar, para melhorar a vida do nosso agricultor", avaliou.

    Estiveram presentes o deputado federal João Fernando Coutinho; os deputados estaduais Henrique Queiroz, Simone Santana, Clodoaldo Magalhães e Aluísio Lessa; os secretários-executivos Dilsinho (Planejamento e Gestão); Marcelo Canuto (Casa Civil); e João Charamba (Educação); o presidente do Iterpe, André Negromonte; e o presidente da Compesa, Roberto Tavares. Participaram também os prefeitos Reginaldo Moraes (Cortês); Marivaldo Andrade (Jaqueira); Marcelo Maranhão (Ribeirão); e Juninho Amorim (São Benedito do Sul); o vice-prefeito de Palmares, Agenaldo Lessa; os ex-prefeitos Enoelino Magalhães (Palmares); João Carvalho (Joaquim Nabuco); João Bezerra (Palmares); e Carlos Santana (Ipojuca); o secretário municipal de Educação, Enoelino Júnior; e a gerente regional de Educação da Mata Sul, Sandra Cavalcanti.


    Fotos: Aluisio Moreira/SEI
     
     
    Assuntos: sei, governo de pernambuco, agricultura familiar, paulo camara, palmares, chapeu de palha da cana,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Gustavo Melo é eleito presidente da Abracen

    | Agricultura
    O presidente do Ceasa-PE, Gustavo Melo assumiu, na tarde da última quinta-feira, a presidência da Associação Brasileira das Centrais de Abastecimento (Abracen), após eleição realizada na sede da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), em Brasília. O pernambucano substituirá o mineiro Gustavo Alberto.
     
    A Abracen agrega 23 associações de todas as regiões do Brasil, com mais de 10 mil empresas instaladas,  que dão origem a 200 mil empregos diretos e que movimentam mais de 15 milhões de toneladas de alimentos comercializados gerando R$ 17 bi/ano em todo o Brasil.
     
    A Abracen tem por objetivo fomentar a integração das Ceasas em um Sistema Nacional de Abastecimento, visando o aprimoramento de cada associado e o desenvolvimento de uma Política Nacional de Abastecimento. A associação trabalha em conjunto a Conab, a  qual é vinculada ao Ministério da Agricultura.
     
    “É importante não só para o Ceasa, mas para o estado de Pernambuco essa conquista.  Nossa ideia é levar um pouco da expertise que temos no que se refere ao modelo de gestão implantado aqui no Ceasa. Somos a quarta maior Central do Brasil e acredito que temos muito que contribuir com todos os outros Centros que fazem parte da Abracen”, comentou o novo presidente da instituição, Gustavo Melo.
    Assuntos: sara, ceasa, gustavo melo, abracen, conab,
    Compartilhe: Link para o post: