meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • governo de pernambuco autoriza captar mais de R$ 337 milhões para obras de saneamento

    | Administração

    Foram cadastrados 20 projetos ontem (18) no Ministério das Cidades. 

    O compromisso do governo de pernambuco em mudar a realidade do saneamento no Estado deu mais um passo no dia de ontem (18), com a inclusão de 20 novos projetos para obras em várias regiões de Pernambuco, no valor de R$ 337 milhões. Hoje (19) o presidente da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), Roberto Tavares, detalhou ao governador e ao secretário de Planejamento, Márcio Stefanni, a lista das obras escolhidas para inscrição no processo seletivo definido pela Instrução Normativa nº 7 de 2018, do Ministério das Cidades, para financiamento com recursos do FGTS, por meio da Caixa Econômica Federal. A reunião ocorreu no Palácio do Campo das Princesas. “Esses investimentos vão garantir ações importantes de abastecimento de água e esgotamento sanitário de nosso Plano de Governo, se juntando ao maior programa de obras que a Compesa já executou, para melhorar a qualidade de vida de milhares de pernambucanos”, afirmou Paulo Câmara.  

    Dentro dos projetos apresentados, o Governo do Estado e a Compesa priorizaram obras de esgotamento sanitário nos bairros do Pina, Boa Viagem e Imbiribeira, Zona Sul do Recife, em Porto de Galinhas, município de Ipojuca, e na cidade Triunfo, no Sertão do Pajeú. Também estão na lista, dentre outras cidades, obras para melhoria do abastecimento de água de Fernando de Noronha, Vitória de Santo Antão, Salgueiro, Arcoverde e Custódia, no Sertão – para esta última cidade, está prevista a construção do Sistema Adutor partindo do Eixo Leste, para garantir segurança hídrica ao município.  

    Na seleção ocorrida em 2017, 19 projetos de Pernambuco foram selecionados para serem executados com empréstimo do FGTS através do Governo do Estado e Compesa, totalizando quase R$ 1 bilhão de investimentos em saneamento. “Isso mostra nossa capacidade de elaborar projetos para captação de recursos e também de endividamento para investir em saneamento básico, aproveitando uma das poucas fontes de recursos que ainda estão disponíveis”, explica o presidente da Compesa, Roberto Tavares, pontuando que o cenário é de escassez de recursos do Orçamento da União. “Além de conseguir R$ 1 bilhão, estamos solicitando esses R$ 337 milhões para incrementar a carteira de investimentos da Compesa”, acrescenta Tavares. O resultado da seleção e respectiva contratação devem ser anunciados pelo Ministério das Cidades no mês de dezembro deste ano. 

    Outras ações apresentadas por Pernambuco são as obras de melhoria e ampliação dos sistemas de abastecimento de água de Olinda, Paulista e Araçoiaba, na Região Metropolitana do Recife; de Pombos, na Zona da Mata Sul; de Sertânia e Afogados da Ingazeira, no Sertão; e dos distritos de Sapucarana e Encruzilhada de São João, em Bezerros, no Agreste. Ainda foram cadastradas propostas de elaboração de projetos importantes para melhoria e ampliação da infraestrutura dos sistemas de abastecimento de água das cidades de Caruaru, Santa Cruz do Capibaribe, Toritama, Surubim, Gravatá, Bonito, Bezerros, Belo Jardim, Lajedo e São Bento do Una, cidades do Agreste que irão receber água por meio das obras da Adutora do Agreste, de Serro Azul, de Moxotó e do Alto Capibaribe. O Governo do Estado e Compesa também buscam nesse processo seletivo recursos para elaborar projetos de ampliação dos Sistemas Produtores de Suape e Tapacurá, além dos sistemas de abastecimento que atendem as cidades de Ipojuca, Moreno, Olinda e Jaboatão dos Guararapes.

    Assuntos: sei, compesa, projetos, obras, investimentos, abastecimento
    Compartilhe: Link para o post:
  • Servidores alinhados às questões pertinentes à Administração Pública

    | Administração

    servidores

    Curso promovido pelo Governo do Estado, através da SAD, traz temas atuais voltados para a Gestão Pública. Servidores vem comparecendo em grande número para assistir as palestras de especialistas renomados. 

     Visando cada vez mais  impulsionar a formação continuada dos servidores no âmbito do Poder Executivo Estadual, através de capacitações focadas em temas relevantes e atuais, o Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Administração, deu início ao curso Novos Horizontes da Administração Pública. O evento contou com a presença da secretária de Administração em exercício, Marília Lins, que também estava representando o Governador de Pernambuco, Paulo Câmara, do procurador- geral do Estado, César Caúla, do secretário da Fazenda, Marcelo Barros; do presidente da Agência Estadual de Tecnologia da Informação (ATI), Romero Guimarães, do presidente do Instituto de Recursos Humanos (IRH), André Longo, além de secretários executivos, gerentes gerais, superintendentes, diretores e gestores de diversos órgãos do Poder Executivo. A capacitação segue até esta quinta-feira (21), no auditório Trade Center do Shopping RioMar, no Pina, Recife.

    Na abertura do encontro, a secretária de Administração em exercício, Marília Lins, destacou o quão se faz necessário que os servidores busquem novos conteúdos para aplicá-los de forma eficiente no dia a dia do seu serviço em prol da gestão pública eficiente. “Esta iniciativa é mais uma ação importante dentro do programa de educação corporativa que tem diversas finalidades. Uma delas é aprimorar a gestão pública para que os servidores preparados e qualificados apoiem o Governo do Estado na ampliação de sua capacidade de implementar políticas públicas. Nossa missão principal é servir ao povo de Pernambuco, e melhorar a qualidade de vida das pessoas. Por isso, este evento conta com o apoio integral do nosso governador Paulo Câmara, que aqui eu represento”, discursou a secretária sob fortes aplausos do público. Ainda de acordo com a gestora da pasta, “os dias que seguirão do curso também serão momentos muito proveitosos para todos”, finalizou ela.

    O primeiro palestrante do dia foi o jurista e doutorando em Direito Constitucional, professor João Trindade Cavalcante Filho. Ele trouxe para o debate um tema relevante para o país: a Proposta de Emenda Constitucional (PEC), que limita o teto de gastos públicos, com objetivo de equilibrar as contas públicas. O advogado fez ainda um link em relação à proibição do princípio do Retrocesso Social.  “A grande discussão da PEC dos gastos públicos é desproporção de recursos de determinada área em detrimento de outra. Chega um ponto que a desproporção entre receitas e despesas é tão grande que se torna necessário de alguma forma você colocar um limitador do crescimento real do valor das despesas públicas, que é a figura da emenda do teto de gastos”, explicou o jurista, acrescentando que muitos questionamentos sobre a constitucionalidade dessa PEC estão sendo feitos, diante da possível alegação do princípio da proibição do retrocesso social.

    Logo após, foi a vez do economista Fernando Rezende dar continuidade ao debate. Ele discorreu sobre “Crise e Oportunidade: É preciso recriar as condições necessárias para a qualidade da Gestão Pública”. Rezende logo fez um questionamento à plateia: “Recriar o que neste momento?” Para ele, a crise gera também oportunidade para melhorar. “Devemos reconstruir um ambiente favorável a uma gestão de políticas públicas eficientes. Sem isso não vejo como avançar muito”, vislumbrou. 

    Na terceira e última palestra do dia, o consultor de Contas Fiscais e mestre em economia, Luiz Villela, falou sobre a “Crise Fiscal: o dilema entre a Arrecadação Tributária e os Gastos Públicos e o Papel da Gestão Pública para sua solução”. Ele iniciou sua fala apontando que a crise conjuntural é resultado de más gestões publicas adotadas há um tempo. “Temos ainda problemas no nosso desenho orçamentário e tributário. Se não melhorarmos a qualidade da nossa arrecadação tributária, não avançaremos nesta área”, comentou Villela.

    No final do primeiro dia do evento, todos os participantes receberam um exemplar do livro “Direito Constitucional Objetivo: Teoria e Questões, do jurista João Trindade Cavalcante Filho. Nesta quinta-feira (21), o tema abordado no curso será “Compliance e prevenção e combate à corrupção na Administração Pública”.

    Assuntos: sad, ati, irh, governo de pernambuco, palestras, administrcao publica, gestao,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Paulo Câmara investe R$ 20 milhões na requalificação da PE-119, em Bezerros

    | Administração

    paulo camara

    Governador assinou, nesta segunda-feira, a Ordem de Serviço para o início das obras na via, contemplando 14 quilômetros, entre Camocim de São Félix e o distrito de Sapucarana.

    BEZERROS - Para garantir mais conforto e segurança no ir e vir da população do Agreste Central, o governador Paulo Câmara assinou, nesta segunda-feira (18.06), a Ordem de Serviço para o início das obras de adequação e pavimentação da VPE-119. A intervenção contemplará um trecho de 14 quilômetros da via, ligando o município de Camocim de São Félix ao distrito de Sapucarana, em Bezerros, até o entroncamento com a BR-232, próximo ao distrito de Encruzilhada de São João. A obra contará com investimentos da ordem de R$ 20,4 milhões, com prazo de conclusão de 18 meses. Ao todo, serão beneficiadas cerca de 80 mil pessoas. 

    “Vamos fazer essa estrada, que vai de Bezerros até Camocim, passando aqui por Sapucarana. É um compromisso nosso, compromisso importante e que com certeza vai trazer desenvolvimento e melhores condições no ir e vir das pessoas, de maneira muito mais adequada e segura. A obra começa até o dia 1° de julho, e em 18 meses estará pronta. Os tempos são difíceis, o dinheiro é curto, mas temos que priorizar o que é importante para o nosso Estado e para as nossas cidades. Por isso, é uma alegria muito grande poder voltar aqui, a Sapucarana, para dar início a essa importante obra", destacou.

    O trecho requalificado permitirá a ligação do distrito de Sapucarana às rodovias PE-103 e BR-232, integrando-a à malha rodoviária do Estado. Ao mesmo tempo, a nova estrutura irá proporcionar melhores condições para o desenvolvimento agropecuário na região, para o transporte e distribuição dos produtos, contribuindo, diretamente, para o desenvolvimento socioeconômico da região. Com os serviços de requalificação, a nova estrada garantirá a trafegabilidade adequada, com mais conforto, segurança e agilidade para seus usuários. 

    Além disso, irá oferecer ao Agreste Central uma nova rodovia de escoamento da produção agrícola, fomentando o desenvolvimento social local, como explica o secretário estadual de Transportes, Antônio Junior. "Corrigiremos os traçados geométricos para melhorar a situação da estrada e propiciar mais segurança. Em um momento de tanta dificuldade, de tanto sufoco financeiro e administrativo, o governador está mostrando mais uma vez o quanto se preocupa com o desenvolvimento de Pernambuco, principalmente do Interior, buscando melhorar a qualidade de vida da população", enfatizou.

    Em seu discurso, o prefeito Branquinho agradeceu a iniciativa do Governo do Estado em atender a um desejo antigo de toda a população. “Hoje, o governador começa a materializar o sonho de muitos que habitam essa região, não só da população de Bezerros, mas de todos que querem e precisam encurtar o trajeto entre Camocim e Caruaru. Essa é uma das obras mais esperadas pelo nosso povo, porque só quem precisa dela, sabe da necessidade dessa requalificação. Agradeço ao compromisso do governador de autorizar mais essa importante ação para o desenvolvimento da nossa cidade", declarou Branquinho.

    O mesmo sentimento foi compartilhado pelo jovem Victor Frazão, de 19 anos, morador de Sapucarana. “É preciso evidenciar a importância desse feito, não só para Sapucarana, mas para as cidades vizinhas a Bezerros, que farão uso da estrada para encurtar distâncias, otimizar o tempo e produzir desenvolvimento", disse. Victor aproveitou a oportunidade para solicitar a construção de uma quadra coberta na Escola Intermediária Rufina Borba, que conta com quase 700 alunos. O Governador garantiu de pronto o levantamento  da viabilidade da obra.

    Acompanharam o governador durante a visita a Bezerros os deputados federais Danilo Cabral, Wolney Queiroz; os deputados estaduais Marcantonio Dourado e Waldemar Borges; o defensor público geral do Estado, Fabrício Lima; o superintendente regional do DNIT/PE, Cacildo Cavalcanti; o presidente do DER-PE, Carlos Estima; o diretor de operações e obras do DER-PE, Silvano Carvalho; além dos prefeitos Wilson Madeiro (Barra de Guabiraba), Giorge de Nena (Camocim de São Félix), Joelma Campos (Panelas), Fernando Pergentino (Sairé), Jadiel Braga (São Caitano) e Gustavo Adolfo (Bonito); o vice-prefeito de Bezerros, Breno Borba; e o presidente da Câmara Municipal, vereador Nivaldo Santos.

    Foto: Hélia Scheppa/SEI

    Cidades: Bezerros
    Assuntos: sei, paulo camara, investimentos, pavimentacao, camocim, sapucarana, rodovia
    Compartilhe: Link para o post:
  • Compesa inicia testes do sistema implantado na segunda etapa do Olinda+Água

    | Administração

    olinda

    Pré-operação iniciou pelas ruas do bairro de Ouro Preto; até o final de junho se estenderá ao Bairro Novo, Jatobá, e parte de Jardim Fragoso e Bultrins. 

    A rede de distribuição de água implantada na segunda etapa do projeto Olinda+Água começa a ser testada. A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) iniciou esse trabalho pelas ruas de Ouro Preto (incluindo a zona rural), um dos bairros contemplados por essa fase da obra de melhoria do abastecimento da cidade de Olinda – a maior em andamento na Região Metropolitana do Recife. De Ouro Preto, os testes seguem para o Bairro Novo e, até o final deste mês, serão realizados também em Jatobá e parte dos bairros de Jardim Fragoso e Bultrins. Nesse período, de pré-operação, é possível que surjam situações pontuais de falta de água ou baixa pressão, que ao serem identificadas pelas equipes técnicas receberão de imediato ações corretivas para regularização do abastecimento. A Compesa disponibilizou um telefone exclusivo para receber solicitações via WhatsApp – (81) 99488.5119 - para os clientes dessas áreas informarem a ocorrência de falta de água em seu imóvel.

    A operação plena do novo sistema implantado na segunda fase do Olinda+Água inicia na primeira semana de julho, levando benefícios ao fornecimento de água para cerca de 60 mil pessoas nesses bairros, como a melhoria das pressões e ampliação das horas de abastecimento no dia de calendário. A meta do Olinda+Água, estabelecida pelo governador Paulo Câmara, é melhorar gradativamente a prestação do serviço de abastecimento de água até que a população passe a ser atendida todos os dias, durante 24 horas. As últimas intervenções dessa fase da obra são executadas para o assentamento de rede na Rua Manoel Antônio Ferreira, no bairro de Ouro Preto, e para substituir 100 metros de uma tubulação de grande porte (500 milímetros de diâmetro) localizada na saída do Reservatório do Peludo, também em Ouro Preto.

    Só na segunda etapa do projeto foram assentados mais de 24 quilômetros de tubulações, além da instalação de válvulas e macromedidores para melhoria da eficiência do controle operacional do sistema. “Uma parte fundamental dessa obra são as ações de setorização, que permitem modernizar e dividir a rede em setores distintos de abastecimento por meio de dispositivos de medição de vazão e pressão. Com esses investimentos, reduziremos as perdas e a frequência de vazamentos”, explica o gerente de Unidade de Negócios da Compesa, Reginaldo Lopes.

    A terceira fase de obras do Olinda+Água vai iniciar no mês de julho e abrange os bairros do Sítio Histórico da cidade: Monte, Guadalupe, Bonsucesso, Amaro Branco, Carmo, Varadouro, Santa Tereza e parte dos Bultrins. Nessa etapa, está prevista a implantação de mais 25 quilômetros de tubulações. O Governo Paulo Câmara e a Compesa investem R$ 134 milhões em todo o projeto, recursos viabilizados junto ao Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD). A obra beneficia mais da metade da população de Olinda, cerca de 250 mil pessoas.

    Assuntos: seplag, compesa, abastecimento, olida, distribuicao, ivestimentos, obras
    Compartilhe: Link para o post:
  • Paulo Câmara inaugurou obras e levou ações para municípios do Sertão do São Francisco

    | Administração

    cabrobo

    O governador inaugurou, nesta sexta-feira, a orla fluvial de Santa Maria da Boa Vista, entregou duas quadras por meio do Programa Quadra Viva e realizou ações de educação no município de Cabrobó.

    Após agenda no município de Salgueiro, o governador Paulo Câmara seguiu para as cidades de Cabrobó e Santa Maria da Boa Vista, no Sertão do São Francisco, para inaugurar ações e visitar obras nas áreas do turismo e da educação. Em Santa Maria da Boa Vista, o chefe do Executivo estadual entregou a orla fluvial totalmente revitalizada e inaugurou duas quadras por meio do Programa Quadra Viva. Em Cabrobó, ainda no âmbito da educação, Paulo visitou as obras da Escola Técnica Estadual, acompanhou intervenções em uma escola municipal e entregou um micro-ônibus para transportar estudantes com necessidades especiais. 

    “Dedicamos o dia ao Sertão e inauguramos essa orla, que ficou muito bonita e que vai dar mais condições de impulsionar o turismo da região, para que as pessoas tenham um local de lazer bem estruturado, com banheiros e quiosques. O rio já é um bem natural belíssimo, então estamos explorando isso para que suas belezas possam ser mais apreciadas por todos os pernambucanos e aqueles que vierem visitar o município. Foi um investimento de R$1,5 milhão, e obras como essa também precisam ser priorizadas. Santa Maria da Boa Vista precisava de uma orla mais adequada para receber seus turistas, seu povo, que vão ter um ambiente mais agradável para conviver”, afirmou o governador Paulo Câmara. 

    Na orla fluvial de Santa Maria da Boa Vista, foram realizados serviços de  revitalização em sua interligação e em seus acessos e espaços livres adjacentes. O novo espaço, que contou com um aporte de R$ 1.397.391,07, contempla também quiosques; quadras esportivas; banheiro comunitário; drenagem; e muro de arrimo. O resgate da Orla Fluvial do município visa uma melhoria para aqueles que ali transitam, trabalham e usufruem das atividades culturais, de lazer, de contemplação e de turismo. 

    “É com muita alegria que entregamos hoje a orla fluvial de Santa Maria da Boa Vista. Isso mostra todo o comprometimento do Governo do Estado e interiorização do turismo, gerando renda e emprego para todos”, comemorou a secretária de Turismo, Esportes e Lazer, Manuela Marinho. 

    EDUCAÇÃO – Em Cabrobó, Paulo visitou as obras da Escola Técnica Estadual, que tem como previsão de entrega o primeiro semestre do próximo ano.  O projeto é composto por: auditório; bloco de acesso e biblioteca; bloco pedagógico/administrativo; 12 salas de aula; laboratório de biologia; laboratório de química; laboratório de física; laboratório de matemática; laboratório de línguas; laboratório de informática; bloco de serviços e vivência; quadra poliesportiva coberta (com vestiários e sala multiuso) e laboratórios especiais (Ensino Profissionalizante). De lá, o governador foi acompanhar as intervenções que estão sendo realizadas na Escola Municipal Evandro Ferreira dos Santos, por meio do programa “Educação Integrada” - parceria entre o Governo de Pernambuco e administrações municipais para a implantação do bem sucedido modelo de ensino integral do Estado nas redes de ensino fundamental das cidades. 

    Ainda na passagem pelo município, o governador fez e entrega de um ônibus para transporte de estudantes com necessidades especiais. O equipamento já foi adquirido através do Programa Estadual Transporte Acessível, fruto de um convênio entre a Secretaria de Educação do Estado e Banco Mundial. O investimento do veículo foi na ordem de R$ 288 mil. O micro-ônibus possui 13 poltronas para passageiros, 5 espaços para cadeiras de rodas, além das poltronas do motorista e do profissional auxiliar na recepção e acomodação dos estudantes no veículo. O veículo dispõe ainda de 5 cadeiras dobráveis e espaço para cão guia. Em média, o equipamento auxiliará no deslocamento de cerca de 20 estudantes. 

    Já em Santa Maria da Boa Vista, Paulo deu continuidade à entrega de quadras poliesportivas nas escolas da rede estadual, por meio do Programa Quadra Viva, entregando mais duas quadras poliesportivas cobertas. Os equipamentos foram construídos nas Escolas Estaduais Pau Brasil, na zona rural, e Judith Gomes, no bairro da Cohab. As novas estruturas vão beneficiar 1.700 estudantes, das duas unidades. Juntas, contaram com investimentos da ordem de R$ 1 milhão. 

    FEM - O governador Paulo Câmara liberou um total de R$ 1,3 milhão, por meio do FEM, para obras de construção de calçamento de 16 ruas de Cabrobó, assim como o serviço de recapeamento asfáltico. Além disso, também foi realizada aquisição de equipamentos para estruturação e modernização da Secretaria da Mulher no município, para apoio e desenvolvimento do Projeto Espaço Mulher com Vida.

    Em Santa Maria da Boa Vista, Paulo deu por inauguradas ruas pavimentadas no município de Santa Maria da Boa Vista, que também contaram com recursos do FEM, no valor de R$ 793.107,39. O serviço contemplou as ruas João Barros de Araújo, R. Dr. Joaquim Nabuco, R. Martins Júnior, Rua Praça Xisto Graciliano, Rua Praça Getúlio Vargas e Av. Dr. Oscar Sampaio na 1ª etapa e a Avenida Nilo Coelho na 2ª etapa. A pavimentação das vias desse convênio proporcionará a melhoria da infraestrutura urbana para a população do município e para os seus visitantes.

    Assuntos: sei, paulo camara, investimentos, cabrobo, santa maria da boa vista, seturel, rio sao francisco, see, fem recursos
    Compartilhe: Link para o post:
  • Sertão Central recebe 10ª edição da Caravana da Educação

    | Educação, Administração

    educação

    O governador Paulo Câmara visitou os três polos da ação – Esportivo, Cultural e Central – e inaugurou a requalificação e a nova quadra da EREM de Salgueiro. 

    SALGUEIRO – Após passar pelo Sertão do Araripe, a Caravana da Educação aportou neste município, localizado no Sertão Central de Pernambuco. O governador Paulo Câmara comandou, nesta sexta-feira (15.06), a 10ª edição do circuito de atividades e da Pactuação de Metas, que foi realizado na Escola Aura Sampaio Parente Muniz. Paulo aproveitou a passagem pela cidade para ir até a Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) de Salgueiro e realizar, oficialmente, duas inaugurações: a reforma e ampliação daquela unidade escolar e da construção da quadra coberta da mesma escola

    “A Caravana de Educação vem aqui em Salgueiro, hoje, para agradecer o apoio de tanta gente que tem nos ajudado a fazer de Pernambuco a melhor educação pública do Brasil. Quando nós colocamos a educação como prioridade, sabíamos que não ia ser fácil, mas ela é de grande valor, um valor que faz a diferença. Países que deram certo apostaram na educação para dar o salto que precisava ser dado. A gente mostrou e está mostrando ao Brasil que, quando se começa um trabalho sério, quando se valoriza o que precisa ser valorizado, quando se oferece uma estrutura adequada, quando se apoia o trabalho dos gestores e dos professores, quando se faz uma escola atrativa para os alunos, a gente consegue fazer a diferença. E esse é um trabalho que veio para ficar”, afirmou o governador Paulo Câmara.

    As ações do circuito foram divididas em três polos – Esportivo, Cultural e Central – e envolveram diversos estudantes da rede e da comunidade escolar. Foram realizadas atividades como competições esportivas, apresentações de dança e artes cênicas e oficinas movimentarão os Polos Esportivo e Cultural. Em Salgueiro, o polo esportivo foi realizado na Escola de Referência em Ensino Médio (EREM) Carlos Pena Filho, no período da manhã. Já as atividades do polo cultural e central foram concentradas na EREM de Salgueiro, pela manhã e tarde, respectivamente.

    À tarde, os estudantes terceiranistas das escolas da regional tiveram a oportunidade de participar do Polo Central. Lá, aconteceram apresentações dos projetos Enem, Tá Ligado?, com foco na preparação para o Enem, e do PE no Campus, iniciativa lançada pelo Governo do Estado no final de 2017 que visa fortalecer ainda mais a educação pública de Pernambuco, por meio de um conjunto de ações de mobilização de estudantes e apoio financeiro, mediante bolsas, aos estudantes de baixa renda da Rede Estadual de Ensino que forem aprovados em instituições públicas de ensino superior.

    Já a Pactuação de Metas, que aconteceu pela manhã, é um importante momento de discussão de metas para o ano de 2018 entre a Secretaria de Educação e as escolas, em parceria com a Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado (SEPLAG), para que todas conheçam suas metas com foco no Índice de Desenvolvimento da Educação de Pernambuco (IDEPE). O encontro foi realizado na Escola Aura Sampaio Parente Muniz e envolveu gestores de todas as 27 unidades de ensino jurisdicionadas à gerência regional.

    Para o secretário de Educação, Fred Amâncio, a Caravana da Educação e da Pactuação de Metas é um momento importante para se discutir os avanços e tratar do que é possível fazer  para melhorar ainda mais a educação pública de Pernambuco. “A educação que oferecemos tem transformado a vida dos nossos jovens e de muita gente. Esse trabalho de Pactuação de Metas talvez seja o mais importante. E saímos fortalecidos a cada Caravana, sobretudo com o acompanhamento do governador Paulo Câmara, que esteve presente nas dez edições da ação”, pontuou.

    REFORMA - As obras de intervenção da EREM de Salgueiro contemplaram a reforma geral da cobertura da escola, pintura geral, instalação de forros e equipamentos, num investimento total de aproximadamente R$ 439 mil. A escola tem 533 estudantes matriculados.

    Em sua infraestrutura, a EREM conta com área administrativa, 16 salas de aula, biblioteca, auditório, laboratório de informática, laboratório de ciências e biologia, laboratório física e matemática, laboratório de informática, cozinha, recreio coberto/refeitório, 2 baterias de WCs de alunos e quadra coberta.

    QUADRA – A intervenção na EREM de Salgueiro contou também com a construção da quadra coberta da escola, no valor de R$ 371 mil, numa área total de 627 metros quadrados.

    Acompanharam o governador na agenda de Salgueiro o deputado federal Gonzaga Patriota; o deputado estadual Lucas Ramos; os secretários-executivos João Charamba (Educação) e Marcelo Canuto (Casa Civil); e a ex-prefeita de Salgueiro, Creuza Pereira.

    Cidades: Salgueiro
    Assuntos: sei, paulo camara, caravana da educacao, cultura, esporte, erem, araripe, seplag, salgueiro, pactuacao de metas,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Em Bodocó, Paulo Câmara autoriza construção de ponte e entrega 547 títulos de posse

    | Administração

    bodocó

    A edificação do equipamento, anunciada nesta quinta-feira, receberá um investimento de R$ 4 milhões, com recursos do FEM.

    BODOCÓ – O governador Paulo Câmara autorizou e entregou importantes obras para a mobilidade urbana e o fortalecimento da agricultura familiar local, nesta quinta-feira (14.06), durante visita a este município. Na ocasião, Paulo autorizou a execução emergencial das obras de construção da nova ponte sobre o Rio Pequi. O empreendimento contará com um investimento de R$ 4 milhões, beneficiando diretamente cerca de 105 mil pessoas. Outra importante ação foi a entrega de 547 títulos de propriedade para agricultores da Zona Rural do município.

    “Fizemos questão de vir aqui para continuar ajudando Bodocó, fazendo obras em parceria a partir do FEM, para melhorar a vida do povo. Eu sei que não foi fácil esse momento que vocês passaram, com essas chuvas que destruíram e criaram tantos transtornos. Nós, de imediato, mandamos nossas equipes para cá, para ajudar. E vamos continuar ajudando. Hoje, dando a ordem de serviço da ponte. São R$ 4 milhões para a gente construir esse equipamento e vocês terem o direito de ir e vir garantido”, afirmou o governador Paulo Câmara.

    Diante do acidente estrutural provocado pela última cheia do Rio Pequi, o Departamento Estadual de Estrada e Rodagem (DER-PE) optou pela demolição da ponte danificada e sua substituição por uma nova obra. O equipamento será construído conforme as normas e procedimentos atualmente vigentes, em caráter de emergência, visando o restabelecimento da trafegabilidade da Rodovia PE-545, na ligação entre Exú e Ouricuri, principalmente, no sub-trecho entre Bodocó e Ouricuri. A nova ponte sobre o rio Pequi deverá apresentar 45 metros de vão e plataforma de 13 metros de largura, sendo 9 metros de pista e passeios de 2 metros de largura em cada lado, além de guarda-corpos.

    Visando garantir os direitos fundiários dos agricultores rurais do município, o governador realizou, ainda, a entrega de 547 títulos de domínio, cujo investimento foi de R$ 547 mil. Com os títulos em mãos, as famílias de agricultores têm a segurança jurídica e social como elementos fundamentais para sua liberdade, dignidade e consequente bem-estar social com o resgate de sua cidadania. Além disso, as famílias acessam diversas políticas públicas rurais, que possibilitam o desenvolvimento da produção. Os agricultores Antonio Neto da Silva, João Elias, Fátima Maria da Silva e 

    Maria das Graças da Silva receberam os títulos das mãos do governador.

    “É muito importante quando a gente tem uma terra que é nossa e que ninguém pode tomar. Além do mais, eles terão a oportunidade de acessar o crédito e aumentar a produtividade e melhorar a qualidade de vida da sua família e da sua própria terra”, destacou o secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Wellington Batista.

    Participaram do ato os deputados federais Gonzaga Patriota, Tadeu Alencar e Kaio Maniçoba; os deputados estaduais Roberta Arraes e Lucas Ramos; e os secretários Fred Amâncio (Educação); o executivo da Casa Civil, Marcelo Canuto; o presidente do Iterpe, André Negromonte; e Aldo Santos, diretor de Articulação do Meio Ambiente.

    Assuntos: sei, paulo camara, bodoco, investimentos, ecu, ouricuri, titulos de posse, ponte, der, agricultura familiar,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Roberto Tavares critica mudanças no setor de saneamento em evento na Fiesp

    | Administração

    Evento foi realizado ontem (13) na sede da entidade, em São Paulo.

    A minuta de Medida Provisória proposta pelo governo federal que modifica as regras de organização do saneamento básico no país foi duramente criticada pelo presidente da Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento (Aesbe), Roberto Tavares, que também responde pela presidência da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), durante evento realizado no último dia (13), na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Tavares foi um dos palestrantes do workshop, que tinha como tema central o debate sobre as mudanças propostas pelo governo federal sobre a nova regulamentação do saneamento. Ele reafirmou que o setor defende a retirada do Artigo 10-A do novo marco regulatório do saneamento que, se incluído, beneficiará apenas os municípios considerados “filé” por serem rentáveis economicamente.

    “A proposta do governo federal não busca o bem comum da nação brasileira, visa apenas abrir mercado para empresas privadas nos municípios rentáveis. Se esse artigo permanecer, os estados terão que ficar com os municípios deficitários, os rotulados como ‘osso’, que hoje dependem da política do subsídio cruzado, enquanto os privados ficarão com o ‘filé’, que são os municípios rentáveis”, alertou Roberto Tavares. O presidente da Aesbe reforça que o dispositivo do Artigo 10-A representa um risco enorme ao subsídio cruzado, medida que permite investimentos nos municípios mais pobres e o equilíbrio para as companhias terem condições de operar com uma tarifa única nas cidades do mesmo estado.

    Ainda segundo o titular da Aesbe, o setor tem grande preocupação com a questão social, principalmente dos municípios mais pobres, que serão excluídos dos investimentos em abastecimento de água e esgotamento sanitário, uma vez que os empresários irão focar apenas nas regiões que podem gerar lucros. O Artigo 10-A altera a Lei nº 11.445/2007 (Política Nacional do Saneamento Básico) para obrigar os municípios a consultarem o setor privado antes de prorrogar seus contratos de concessão dos serviços de saneamento. “Essa proposta é muito preocupante, pois vai provocar uma desestruturação do setor por meio de uma entrada pulverizada do setor privado, sem ganhos em escala e separando os municípios rentáveis dos deficitários”, esclarece Roberto Tavares.

    O encontro, que também foi promovido pelo Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), contou com a presença do diretor do Departamento de Infraestrutura da Divisão de Saneamento Básico da Fiesp, João Jorge, do diretor do Sindicato Nacional das Concessionárias Privadas de Serviços Públicos de Água e Esgoto (SINDCON), Giuliano Dragone. Também participaram do evento o presidente da Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos e Efluentes (ABETRE), Carlos Fernandes, e o especialista em Regulação e Fiscalização de Serviços Públicos da Associação Brasileira de Agências de Regulação (ABAR), Luiz Antônio de Oliveira Júnior.

    Assuntos: seplag, compesa, regras de organização do sanemaneto básico, aesbe,
    Compartilhe: Link para o post:
  • Pernambuco sedia reunião do Colégio Nacional de Corregedores das PGEs

    | Administração

    Pernambuco está sediando nesta quinta e sexta-feira (14 e 15/6) o encontro do Colégio Nacional de Corregedores das Procuradorias-Gerais dos Estados e do Distrito Federal (CCPGE). O evento, que acontece pela primeira vez no Estado, está sendo realizado no edifício-sede da Secretaria de Administração, no bairro do Pina, no Recife, e tem como objetivo proporcionar aos corregedores das Procuradorias-Gerais debates sobre os trabalhos desenvolvidos em cada unidade da federação.

    O procurador-geral do Estado de Pernambuco, César Caúla, participou da abertura do evento, e falou da satisfação de receber os colegas, lembrando que também já fez parte do CCPGE, quando corregedor-geral da PGE-PE em dois períodos: fevereiro de 2011 a agosto de 2012 e abril de 2013 a dezembro de 2014.

    Destacou a importância e a essencialidade do colegiado para discutir e superar dificuldades, encontrar alternativas e novos mecanismos para fazer valer cada vez mais o ordenamento jurídico. “As reuniões do colegiado em geral, pela troca de experiências, a participação e integração entre os membros, têm sido sempre muito proveitosas. Eu tenho sido um entusiasta dessas iniciativas e é com alegria que estamos recebendo esse evento em Pernambuco”, disse César Caúla.

    Em seguida, o presidente do Colégio e corregedor-geral da PGE de Goiás, Ricardo Maciel, agradeceu o empenho da corregedora-geral da PGE-PE, Maria Cláudia Junqueira, para realização do evento, dando por iniciado os trabalhos. De Pernambuco, participa da reunião ainda a procuradora Larissa Medeiros Santos, ouvidora-geral da PGE-PE e corregedora auxiliar.

    Os debates acontecem durante todo o dia de quinta e seguem na sexta pela manhã, quando o procurador do Estado de Pernambuco Flávio Germano de Sena Teixeira, da Procuradora Consultiva, fará uma apresentação sobre processos administrativos disciplinares no âmbito das PGEs.

    O Colégio Nacional dos Corregedores das PGEs reúne-se normalmente três vezes ao ano. “O primeiro encontro foi em março, em Belo Horizonte. Essa é a segunda reunião de 2018 e estou feliz por ser em Pernambuco porque nosso Estado sempre teve uma participação ativa no colegiado e ainda não tinha tido oportunidade de ser anfitrião”, disse a corregedora-geral Maria Cláudia Junqueira. O terceiro encontro, segundo ela, é realizado sempre no Congresso Nacional dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal, em setembro. Este ano, será em Salvador, na Bahia.

    Além dos representantes de Pernambuco e Goiás, participam do evento os corregedores-gerais e procuradores Sárvia Lima (AC); Olivia Almeida (BA); Marcos Moog (MS); Fernando Ferreira (SC); Paulo Klatau (PA); Marialba Braga (AL); Heloisa Monzilo (DF); Luciana Martins (RS); Janaína Cruz (RJ); Jaime Nápoles Villela (MG) e Luiz Antonio Marinho (RN).

    Assuntos: pge, encontro do colegio nacional, ccpge, reunioes
    Compartilhe: Link para o post:
  • Governo de Pernambuco reforça infraestrutura viária e hídrica do Sertão do Araripe

    | Saúde, Administração

    assinatura

    Governador Paulo Câmara autorizou, nesta quinta, o início do processo licitatório da construção de duas estradas e perfuração de poços para reforço no abastecimento de Araripina.

    ARARIPINA – Durante a abertura da reunião de Pactuação de Metas, nesta quinta-feira (14.06), o governador Paulo Câmara, ainda neste município do Sertão do Araripe, autorizou o início do processo licitatório de três importantes obras para a mobilidade e abastecimento de água da região. Para melhorar o tráfego local, foi assinada a autorização da licitação para elaboração do projeto executivo de implantação e pavimentação de rodovia vicinal, que vai ligar Socorro (Entr. PE-630) e Nascente (Entr. PE-615), com extensão de 25 Km. Também foi autorizado o início do processo licitatório para a escolha da empresa que irá executar a obra de construção da vicinal de Araripina, que contempla o trecho entre o distrito de Lagoa do Barro e a BR-316. Na ocasião, também foi aberta a licitação para a perfuração de poços para a ampliação da oferta de água no município, beneficiando 35 mil habitantes.

    “Vou continuar atuando com nossa força de trabalho, com nosso esforço, fazendo as parcerias com os municípios para trazer melhoria. O Brasil está crescendo, Pernambuco está crescendo e nossas rodovias estão precisando, cada vez mais, de manutenção, de conservação, além de outras estradas. As dificuldades são grandes, mas estamos conseguindo tirar do papel muita coisa importante, como a inauguração da hemodiálise no Hospital de Araripina e a entrega de títulos de posse para quem atua na agricultura familiar. Também estamos trazendo ações como a construção de cisternas, poços, pequenas barragens, sistemas simplificados, tudo para melhorar a vida e o ambiente do homem e da mulher do campo”, afirmou o governador Paulo Câmara.

    A elaboração do projeto para implantação e pavimentação da ligação rodoviária entre Socorro e Nascente, a partir do entroncamento com a rodovia PE-630 (Socorro) até o entroncamento com a rodovia PE-615 (Nascente), contempla uma extensão aproximada de 25 Km. O valor para a construção da via é de R$ 1 milhão, beneficiando cerca de 45 mil habitantes. Atendendo a um antigo pleito da população, a via fomentará o progresso de um novo polo de desenvolvimento no Estado, considerando a exploração das minas de gesso, o atendimento ao parque eólico em instalação, potencializando a captação de investimentos em energia solar ao se aproximar das linhas de transmissão existentes, e facilitando também a transformação das terras férteis da região em um novo centro de produtos agrícolas e pecuários.

    Já a rodovia vicinal de Araripina, com extensão de 7,5km, terá seu início no entroncamento da Rodovia Federal BR-316 em Araripina, até o distrito de Lagoa do Barro. Nesta intervenção, serão investidos R$ 3,2 milhões, proporcionando melhores condições de trafegabilidade, segurança e conforto para os usuários, além do acesso e escoamento da produção local, agropecuária e hortifrutigranjeira, fomentando o crescimento socioeconômico da região.

    MAIS ÁGUA - O projeto contempla a perfuração de três poços com profundidade de 200 metros no Povoado do Cavaco, além da implantação de estação elevatória e 6km de sistema adutor para fornecimento de 15 L/s de águas subterrâneas, ampliando a oferta de água à população em 20%. A obra tem um valor estimado de R$ 1,4 milhão, com prazo de execução de oito meses, a partir da ordem de serviço.

    agricultura

    AGRICULTURA – Na oportunidade, também foram entregues 203 títulos de domínio para agricultores da Zona Rural. Com os títulos em mãos, as famílias de agricultores têm a segurança jurídica e social como elementos fundamentais para sua liberdade, dignidade e consequente bem-estar social com o resgate de sua cidadania. Além disso, as famílias acessam diversas políticas públicas rurais, que possibilitam o desenvolvimento da produção. 

    “Essa ação proporciona às famílias o acesso ao crédito dez vezes mais do que quando se não tem a titularidade. Então, isso vai permitir que eles possam fazer um investimento maior, tanto para a produção quanto para a melhoria da sua propriedade e, consequentemente, da sua qualidade de vida”, detalhou o secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Wellington Batista. Receberam os títulos das mãos do governador os agricultores Cícero Alves da Silva, Francisco Ferreira de Brito, Marlene Pereira de Moura, Ronivon Alves da Silva e Solange Alves da Silva.

    saúde

    SAÚDE – Ainda no município, Paulo visitou o Centro de Nefrologia que está funcionando, desde março, no Hospital Santa Maria. O novo equipamento foi possível a partir de assinatura de convênio com o Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria Estadual de Saúde (SES). A SES também deu todo o apoio para que o hospital conseguisse a habilitação de funcionamento junto ao Ministério da Saúde. O Centro de Nefrologia tem capacidade para atender cerca de 150 pacientes por mês. Por ano, o Governo do Estado investirá cerca de R$ 5 milhões para manter o serviço funcionando. Além da hemodiálise, um ambulatório, também referenciado, faz o acompanhamento de rotina desse público, ofertando consultas com nefrologistas, que também são responsáveis por solicitar os exames necessários para acompanhamento desses pacientes.

    “Esse Centro de Hemodiálise é uma conquista para o povo de Araripina e toda a região. Quem convive com paciente de hemodiálise sabe o quanto é difícil o sofrimento e a vida desses pacientes. Então, a qualificação da hemodiálise no Hospital Santa Maria é um ganho enorme para a região”, comemorou o secretário de Saúde, Iran Costa.

    Participaram dos atos os deputados federais Kaio Maniçoba, Tadeu Alencar e Gonzaga Patriota; os deputados estaduais Lucas Ramos, Roberta Arraes, Rodrigo Novaes; o secretário-executivo da Casa Civil, Marcelo Canuto; João Charamba (executivo de Educação); Antonio Ferraz, gestor do 6° Distrito Rodoviário, representando o secretário de Transportes, Antonio Junior; Aldo Santos, diretor de articulação do meio ambiente, representando o presidente da Compesa, Roberto Tavares; e André Negromonte, presidente do Iterpe.

    Assuntos: sei, paulo camara, governo de pernambuco, pactuacao de metas, sertao, investimentos, estradas, saude, agricultura, rodovias, mais agua,
    Compartilhe: Link para o post: