meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • Governador defende reformas para o Brasil voltar a crescer



    O governador Paulo Câmara defendeu junto a outros dez governadores, em Brasilia, nesta segunda-feira (28.12), a necessidade de o Brasil passar por reformas estruturadoras para o País voltar a crescer, gerar emprego e renda. Após reunião na residência oficial do Governo do Distrito Federal, que teve o governador Rodrigo Rollemberg como anfitrião, os gestores estaduais levaram a pauta ao ministro da Fazenda, Nelson Barbosa. Paulo afirmou que os governadores vão assumir seu protagonismo e pediram diálogo junto ao Governo Federal para contribuir com propostas de saída para a crise econômica, que afeta todos os Estados e municípios.

    "Apresentamos pontos para que o ministro (Nelson Barbosa) comece também a ser parceiro dos governos estaduais nas discussões das reformas. O Governo Federal tem que ser também condutor da reforma trabalhista, previdenciária, política e da reforma tributária. E é importante também essas discussões passarem pelos Estados, passarem pelos governadores. Então, nós fomos, ao mesmo tempo, falar com o ministro Nelson Barbosa (sobre economia) e desejar a ele êxito na sua administração. É muito importante o ministro ter êxito para que, com o êxito dele, o Brasil possa também ter êxito e voltar a crescer", afirmou Paulo.

    O gestor pernambucano também defendeu um planejamento que possa dar mais autonomia aos Estados. "Todos nós sabemos que o Brasil precisa de ajustes, não apenas ajustes pontuais, mas ao mesmo tempo precisamos de reformas. Reformas que dêem condições de, ao longo prazo, os Estados terem condições de andar com as suas próprias pernas e seus próprios recursos. Tudo isso foi colocado na mesa diante da necessidade, como eu disse, de os governadores, a partir de agora, estarem juntos apoiando ações federativas em favor do Brasil. E que, a partir dessa união e desse protagonismo, a gente possa contribuir para que o Brasil volte a crescer, gerar emprego e gerar renda". A decisão dos governadores pelo protagonimo também foi levada ao ministro da Fazenda. "Ele nos recebeu com muita atenção diante dos temas e concordou com a necessidade de ampliação desse debate", adiantou Paulo.

    NOVA REUNIÃO - Paulo informou que a reunião com o ministro Nelson Barbosa foi um desdobramento da reunião dos 11 governadores. O grupo decidiu que vai se reunir, a partir de agora, uma vez por mês. O próximo encontro está agendado para o dia 1º de fevereiro, em Brasília. A meta é apresentar propostas e reivindicações conjuntas ao Governo Federal. "Todos nós sabemos da grave crise política que o Brasil passa e que tem refletido na economia. É preciso, nesse momento, muita união nacional e a defesa de ideias e ações em favor da população. Os governadores hoje têm uma responsabilidade muito grande nesse processo", declarou Paulo.

    O governador adiantou que o próximo encontro dos gestores tratará de temas federativos relativos a operações de crédito, previdência, subfinanciamento da Saúde e dívida pública. "É muito importante que os municípios e os Estados tenham recursos para investir. Então, o retorno das operações de crédito é importante para ajudar o Brasil a voltar a crescer. É muito importante essas discussões avançarem", pontuou. Paulo voltou a alertar que 2016 vai "exigir muito trabalho, porque vai ser um ano de recessão, sem crescimento".

    Foto: Humberto Pradera/Divulgação 

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Condepe/Fidem divulga dados do PIB do 3º trimestre do ano

    A Agência Estadual de Planejamento e Pesquisas de Pernambuco - Condepe/Fidem divulgou os dados referentes ao Produto Interno Bruto (PIB) do 3º trimestre deste ano. Segundo as informações a economia pernambucana acumulou no ano (de janeiro a setembro) uma redução de 2,2 % em comparação ao mesmo período em 2014. Com relação ao terceiro trimestre especificamente, houve um decréscimo de 5,6%, em relação ao mesmo trimestre de 2014. Por atividade econômica, apresentou os seguintes resultados: agropecuária (-1,5%), indústria (-8,1%), serviços (-5,3%) e impostos (-4,3%). Em valores correntes o PIB foi de R$ 37,8 bilhões.

    O presidente da Agência Condepe/Fidem, Flávio Figueiredo, explicou que o resultado do PIB do 3º trimestre está dentro da perspectiva econômica que acompanha as projeções nacionais. "Estamos sentindo os efeitos da crise econômica nacional, mas estamos trabalhando para mudar este perfil econômico o mais rapidamente possível". Ele contou ainda que apesar do cenário o Estado manteve a normalidade de seus serviços, "estamos com as contas equilibradas, com as grandes obras em andamento e mantendo os serviços em funcionamento, a exemplo das UPAS e Escolas Técnicas". O gestor enfatizou que pode-se afirma que : "Nós vencemos 2015 e estamos preparados para 2016, onde vamos reverter a curva de comportamento da economia e entrar 2017 com a retomada dos níveis de crescimento".
    SEGMENTOS - O PIB anunciado, por atividade econômica, apresentou os seguintes resultados: agropecuária (-1,5%), indústria (-8,1%), serviços (-5,3%) e impostos (-4,3%). Em valores correntes o PIB foi de R$ 37,8 bilhões.

    Com relação a agropecuária, no confronto trimestral, a lavoura permanente apresentou decréscimo de 4,8% influenciado pela queda de produção de banana, coco-da-baía e maracujá. Nas lavouras temporárias (-6,6%) destacam-se os decrescimentos na produção de milho arroz e feijão. No entanto a pecuária apresentou um crescimento de 7,1%, especialmente devido ao aumento na produção de ovos e leite.

    Com relação a indústria destaca-se que a indústria de transformação registrou um decrescimento de 4,6%, influenciado, principalmente, pelo desempenho negativo dos setores de produção de outros equipamentos de transporte (pela menor produção de embarcações para transporte - inclusive plataformas); de bebidas (queda na produção de cervejas e chope); e de metalurgia destacando a menor produção de latas de ferro e aço e de alumínio para embalagem de produtos diversos, entre outros.
    Já a construção civil, contabilizou um decrescimento de 9,3%, revelando o aprofundamento dos efeitos da recessão e do ajuste fiscal sobre essa atividade,que contribuiu para a descontinuidade tanto de investimentos de infraestrutura, como na construção imobiliária.

    Também contribuiu para este desempenho o setor de Eletricidade e gás, água, esgoto, atividades de gestão de resíduos e descontaminação,com registro de -14,3%, influenciado pela geração de energia, principalmente das termoelétricas, nesse período. Segundo Flávio Figueiredo, Pernambuco está investindo fortemente na produção de energia renovável, com a instalação de vários pólos de energia eólica e solar principalmente no Agreste e no sertão, o que vai trazer índices positivos nas próximas planilhas de PIB.

    Com relação ao setor de serviços, o decrescimento foi de 5,3%, quando comparado com o mesmo trimestre de 2014. As atividades que mais impactaram neste resultado foram: comércio (-9,5%), transportes (-10,5%) e Atividades profissionais, científicas e técnicas, administrativas e serviços complementares (-5,0%). A atividade comercial recebeu,por um lado, impacto direto do ajuste do mercado de trabalho, o que ocasionou uma retração da massa de rendimentos. Por outro lado, sofreu influência da menor confiança dos consumidores e do endividamento das famílias. Grande parte do setor de serviços, a exemplo da atividade de transportes, esta diretamente vinculada à produção de bens na agropecuária e na indústria, que registraram decréscimos significativos, citados anteriormente.

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Cepe descerra placas comemorativas dos 100 anos da Imprensa Oficial

    Em solenidade prestigiada pelos funcionários, a Companhia Editora de Pernambuco (Cepe) realizou, nesta segunda-feira (28.12), o descerramento de três placas comemorativas dos 100 anos da Imprensa Oficial do Estado de Pernambuco, criada pelo governador Manuel Borba em 27 de dezembro de 1915.Elas foram descerradas por diferentes gerações de funcionários da Cepe, a jornalista Ariadne Quintella, o gerente gráfico Júlio Gonçalves e o auxiliar administrativo Marcelo Maia.
     
    Uma das placas, alusiva à importância do funcionalismo no desenvolvimento da empresa, tem as seguintes inscrições: “Homenagem da Cepe aos seus funcionários na passagem dos 100 anos da Imprensa Oficial do Estado de Pernambuco, em 27 de dezembro de 2015”. Outra, foi entregue pela Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), durante sessão solene realizada no dia 14 de dezembro, a partir de requerimento do deputado Waldemar Borges. Já a terceira assinala a inauguração da própria Cepe, em 1970.
     
    “Essas placas são registros que vão ficar para as novas gerações de funcionários e para todas as pessoas que visitarem a Cepe”, disse o presidente da empresa, Ricardo Leitão, que também discorreu sobre o conjunto de atividades e ações comemorativas do centenário que foram desenvolvidas ao longo de 2015, como o concurso de logomarca, com a participação de designers de quase todo o país; o Prêmio Nacional Cepe de Literatura, com inscrições efetuadas até em outros países; e a Feira Nordestina do Livro (Fenelivro).

    As comemorações continuam durante o ano de 2016, começando com o lançamento, no dia 14 de janeiro, do Almanaque Centenário, livro que, paralelamente à história da Imprensa Oficial, registra, com muitas ilustrações, os principais fatos ocorridos em Pernambuco, no Brasil e no mundo durante os últimos 100 anos. Foi no dia 14 de janeiro de 1916 que circulou, pela primeira vez, o jornal Imprensa Official.
    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • UPE assina convênio de intercâmbio com a universidade da Colômbia

    O reitor da Universidade de Pernambuco (UPE) assinou convênio de cooperação científica com a Universidade de Antioquia, na Colômbia. Essa cooperação será realizada através de intercâmbio de professores, pesquisadores, técnicos e estudantes; implementação de projetos conjuntos de ensino, pesquisa e extensão; promoção de palestras e simpósios; intercâmbio de informações e publicações acadêmicas, além de atividades de formação.

    A primeira ação dessa parceria será a mobilidade, por seis meses, do estudante Whodson Robson da Silva, do curso de Ciências Sociais, que foi contemplado com a bolsa do Santander Universidades, pelo convênio Abruem/UPE, e irá estudar no próximo semestre na universidade colombiana. O convênio foi intermediado pelo professor da UPE Alfredo Wagner Bernor de Almeida, coordenador do projeto Nova Cartografia Social.

    Além do reitor, estavam presentes na assinatura desse convênio os professores Socorro Cavalcanti, vice-reitora; Vânia Fialho, vice-coordenadora do curso de Ciências Sociais; e o assessor de Relações Internacionais José Guido Corrêa de Araújo.

    ACORDOS - A UPE assinou também outros acordos de cooperação com a Universidade de Aachen, na Alemanha; a Colorado School of Mines, nos Estados Unidos, e um adendo ao convênio com a Universidade de Nantes, na França, permitindo intercâmbio de alunos dos cursos de Direito e Ciências Sociais.

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • DETRAN-PE leva leilões ao Sertão do Estado

    A Secretaria das Cidades – SECID, por meio do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco, DETRAN-PE, inaugura uma nova fase dos seus leilões de veículos apreendidos. Será o 1º leilão fora da Região Metropolitana, acontecendo em Serra Talhada, sertão do Estado. 399 peças, dentre carros e motos, tanto aptos a voltar para as ruas quanto irrecuperáveis (sucata), estarão disponíveis para os lances da população.

    O evento ocorrerá nesta terça-feira (29 de dezembro), no novo pátio da empresa Coliseum Leilões, localizado na margem direita da BR 232, na altura do KM 405 (onde fica o Sertão Iate Clube). A reciclagem automotiva e a retirada de veículos abandonados das ruas estão entre as contribuições dos leilões do DETRAN-PE.

    De acordo com o Diretor Presidente do DETRAN-PE, Charles Ribeiro, o objetivo é promover a descentralização dos veículos leiloados, facilitando a vida de quem quer participar, mas tem dificuldade por morar em regiões muito distantes do eixo Recife. “A realização de leilões num entreposto localizado no sertão melhora a logística de veículos apreendidos pelo Órgão”, explica.

    Visitação Prévia – Os interessados podem conferir os veículos que serão leiloados entre os dias 23 e 28 de dezembro, das 9 às 16h no mesmo local em que acontecerá o leilão.

    Os leilões cumprem o que está previsto no Código de Trânsito Brasileiro (CTB): após 90 dias de apreensão, os veículos não reclamados devem ser leiloados.

    A pessoa que arrematar algum dos veículos deverá requerer e pagar pela expedição da 2º via do Certificado de Registro do Veículo (CRV). Cabe a ela também arcar com o valor dos serviços de Baixa do Gravame dentre outras taxas como a de Licenciamento, a de transferência do veículo e a taxa de Emplacamento. “O dinheiro arrecadado no leilão é usado para pagar as dívidas dos veículos apreendidos. Quitados os débitos, o resíduo restante – caso haja – volta para o proprietário anterior do veículo”, ressalta.

    O Edital, contendo as informações gerais sobre o leilão, a exemplo das normas, documentação exigida e taxas de administração a serem pagas pelos arrematantes, pode ser acessado no site do DETRAN:www.detran.pe.gov.br e também no site da empresa Coliseum, o www.coliseumleiloes.com.br. Pode também ser retirado gratuitamente no escritório do Coliseum Leilões  em Vitória de Santo Antão. Mais informações pelo telefone  (81) 3145.9100.

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Facepe lança edital com 180 bolsas de Incentivo Acadêmico

    A Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia de Pernambuco – Facepe – lança edital para inserção em atividades de ensino, pesquisa e extensão de alunos egressos da rede pública de ensino que obtiveram as melhores classificações nos exames vestibulares das Instituições públicas de Ensino Superior (IES) do estado, federais ou estaduais.  São 180 bolsas anuais no valor de R$ 300 mensais . Os interessados podem apresentar propostas até o dia 05 de fevereiro de 2016.

    Podem participar do programa, na condição de proponente, qualquer IES pública de Pernambuco, federal ou estadual. As propostas institucionais serão apresentadas por um representante da administração superior da IES que atuará, obrigatoriamente, como Coordenador do Programa BIA da Instituição.

    As propostas devem ser encaminhadas à Facepe pelo coordenador institucional, designado pelo dirigente máximo, mediante ofício endereçado à Diretoria Científica informando nome completo e CPF do coordenador. O envio é realizado pelo Sistema AgilFAp (http://agil.facepe.br ) no formulário de solicitação de Auxílio a Projeto de Pesquisa (Modalidade APQ). 

    Bolsa de Incentivo Acadêmico – BIA – A Facepe contribui, através do Programa de Incentivo Acadêmico, com orientação tutorial destinado não só a apoiar financeiramente o ingressante durante o primeiro ano do curso, mas estimular também seu engajamento imediato em atividades de ensino, pesquisa e extensão para facilitar a inserção em outros programas das universidades públicas, a exemplo da iniciação científica, iniciação à docência, programa especial de treinamento, entre outros. 

    Para conferir o edital, clique aqui.

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Governo de Pernambuco isenta ICMS sobre diesel para transporte público complementar

    O governador Paulo Câmara sancionou, nesta quarta-feira (23.12), a Lei Nº 5.555/2015 que garante a isenção total do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) sobre o óleo diesel utilizado no serviço público de transporte complementar de passageiros na Região Metropolitana do Recife (RMR). O incentivo, que passa vigorar no dia 1º de janeiro de 2016, vai garantir uma redução de R$ 1 milhão por ano nos custos do setor. A medida foi destacada como a promoção de uma "justiça fiscal" pelo chefe do Executivo estadual.


    "Já tínhamos dado a isenção do transporte normal de passageiros, e era mais que justo que esse benefício fosse estendido para o transporte complementar, que exerce um papel muito importante no ir e vir das pessoas”, apontou Paulo, diante de trabalhadores que marcaram presença na solenidade. O ato foi realizado na sede do Sindicato dos Permissionários do Transporte Público Complementar de Passageiros de Pernambuco de Pernambuco (Sinpetracope), no bairro da Várzea, no Recife.

    Ao elogiar a sensibilidade do Governo do Estado com o setor, o presidente da Cooperativa de Transporte Coletivo de Passageiros do Estado de Pernambuco (Coopernorte), Manoel Leôncio, ressaltou o ganho assegurado com a medida. "Em 2010, o nosso saudoso Eduardo aqui esteve e deu desconto de 50% sobre o ICMS do óleo diesel. E hoje o senhor veio afirmar que o transporte complementar é importante e vai zerar esse incentivo. Isso vai nos ajudar a colocar um veículo melhor na rua", ressaltou.

    Durante a cerimônia, o secretário das Cidades, André de Paula, também anunciou a definição de um calendário de pagamento dos trabalhadores do segmento. “Não dá para trabalhar sem saber quando vai receber. Nós vamos estabelecer, em 2016, um calendário para que vocês possam saber que, no dia acordado, vão receber o salário”, garantiu o gestor.

    Criado em 2003, o transporte público complementar contabiliza 27 linhas em operação, sendo nove interbairros e 18 alimentadoras. Juntas, transportam em média 114 mil pessoas por dia, gerando cerca de dois mil empregos, entre diretos e indiretos. O sistema ainda conta com 184 permissionários em operação. As linhas alimentadoras são responsáveis pelo transporte do sistema convencional (ônibus e metrô). Sem cobrança de tarifa aos usuários, o micro-ônibus opera em áreas onde os coletivos tradicionais não conseguem chegar, como por exemplo os morros do Recife. A remuneração dos trabalhadores é paga diretamente pelo poder público através do quilômetro rodado. Já a linha interbairros, liga bairro a bairro ocorre a cobrança de uma tarifa única do Anel A, como é o caso da Linha Campo Grande/Shopping Tacaruna.

    Foto: Roberto Pereira/SEI

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Servidores da Secretaria de Administração distribuem presentes para crianças do Imip

    A visita do Papai Noel levou alegria a dezenas de crianças na manhã desta terça-feira (22.12), na Fundação Alice Figueira de Apoio ao Imip. Em sua 3ª edição, o Natal Solidário da Secretaria de Administração (SAD), distribuiu presentes e fraldas descartáveis, que foram doados por servidores do órgão. Admirados com a presença do bom velhinho, os pequenos retribuíram os presentes com belos sorrisos e muitos abraços.

    O secretário de Administração, Milton Coelho, ressaltou a importância do gesto, sobretudo quando promovido por funcionários públicos. “É uma demonstração de preocupação e carinho com o próximo. E esse é o espírito que devemos cultivar nos nossos órgãos”, completou. 

    “Realizar a ação do Natal Solidário é uma enorme felicidade para nós, em especial pelo envolvimento dos servidores da SAD. Mais de uma centena de servidores se empenharam doando brinquedos e fraldas, divulgando a ação entre os colegas e até mesmo enchendo de carinho as crianças durante a entrega”, destacou a Gerente de Gestão de Pessoas da SAD, Fernanda Almeida, agradecendo a colaboração de todos.

    A interpretação do Papai Noel foi feita pelo servidor Maikon Freitas.  “Levar um pouco de alegria a essas crianças e a todos que trabalham no Imip é muito gratificante. Participar dessa ação, também faz bem para nós”, comentou.

    A pequena Anielly , 7 anos, se mostrou surpresa com a presença do bom velhinho, mas não demorou muito e correu para abraça-lo. “Gostei da minha boneca. Estou feliz. Obrigada, Papai Noel”, comemorou a garotinha.

    Ao todo, foram arrecadas 100 brinquedos novos e 25 pacotes de fraldas descartáveis.

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Convênio entre o Estado e a União viabiliza implantação de 52 sistemas de abastecimento de água no Sertão



    O governador Paulo Câmara assegurou, nesta terça-feira (22.12), em Floresta, no Sertão de Itaparica, a implantação de 52 sistemas de abastecimento de água ao longo dos canais da Transposição do Rio São Francisco. Um investimento de R$ 136,8 milhões, oriundos de convênios com o Ministério da Integração Nacional, que beneficiará 40 mil pessoas em 173 localidades do Estado. A assinatura do termo de compromisso ocorreu durante a cerimônia de entrega da segunda estação de bombeamento do Eixo Leste da Transposição, com a presença da presidente Dilma Rousseff.

    Durante a solenidade, Paulo pontuou que os investimentos nos pequenos sistemas de abastecimento são fundamentais para o aproveitamento das águas dos canais de integração do São Francisco. "Temos agora a oportunidade de, em 2016, executar ações que são fundamentais para o projeto da Transposição", ressaltou o governador. Dos 52 sistemas, 42 serão coordenados pela Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária. Os outros dez serão de responsabilidade da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

    Juntas, as intervenções vão beneficiar moradores dos municípios de Floresta, Cabrobó, Parnamirim, Verdejante, Betânia, Custódia, Salgueiro, Sertânia, Terra Nova, Petrolândia e Mirandiba. A execução será feita em etapas, e o prazo para a conclusão total das obras é de 24 meses.

    O chefe do Executivo pernambucano aproveitou a oportunidade para cobrar do Governo Federal ainda mais atenção para as adutoras e aos ramais hídricos. "É muito importante também continuar essas obras. Isso vale para Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte e Paraíba. Temos a compressão que estas intervenções precisam ter um olhar diferenciado, como as dos Eixos da Transposição", destacou Paulo.

    TRANSPOSIÇÃO - Ao lado da presidente Dilma Rousseff, o chefe do Executivo estadual acionou um dos motores da segunda estação de bombeamento do Eixo Leste. A água será bombeada da barragem de Itaparica até a de Areias. O trecho tem captação em Petrolândia e prevê conexões para abastecer o Sertão e o Agreste pernambucano, além de municípios da Paraíba.

    A presidente Dilma Rousseff apontou que a obra é uma das prioridades do Governo Federal. Ela disse ainda que a sua equipe está tomando providências para garantir água para as comunidades localizadas no entorno da Transposição. "Essa água vai avançando pelos canais e transformando a vida das pessoas do semiárido nordestino", afirmou a presidente.

    Os dois eixos da Transposição têm 477 quilômetros de extensão, sendo 260 do Eixo Norte e 217 no Eixo Oeste. O projeto prevê a garantia de segurança hídrica para 12 milhões de pessoas em 390 municípios nos Estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte. "É importante chegarmos perto do final do ano e termos a consciência de que um do graves problemas do Nordeste brasileiro, a falta de água, está sendo tratado com seriedade. Sou testemunha do esforço do Governo Federal para que a obra da Transposição do Rio São Francisco não sofra paralisação e nem contingenciamento", pontuou Paulo.

    A prefeita de Floresta, Rorró Maniçoba, frisou a necessidade de integrar o projeto às ações da região. "Esse canal pode tornar ainda mais produtiva terras férteis do nosso município e do Sertão de Itaparica. Temos que nos unir ainda mais para desenvolver a região", ressaltou a gestora.

    Estiveram presentes na solenidade os ministros Gilberto Kassab (Cidades), Marcelo Castro (Saúde), Gilberto Occhi (Integração Nacional), os governadores Camilo Santana (Ceará) e Ricardo Coutinho (Paraíba), o secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Nilton Mota, e presidente da Compesa, Roberto Tavares. Além do senador Humberto Costa, prefeitos e parlamentares da região.

    Fotos: Wagner Ramos/SEI

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Pesquisa do Procon-PE mostra que Cesta Natalina está mais cara

    O Procon-PE realizou a pesquisa dos produtos que compõem a cesta de Natal e verificou que houve um aumento em quase todos os produtos, em comparação a pesquisa realizada pelo PROCON-PE em dezembro/2014. Alguns produtos aumentaram mais de 30%.

    Entre os produtos que mais subiram de preço estão o biscoito tipo champangne, que subiu de R$ 3,45 para R$ 5,49; o queijo provolone, que passou de R$ 60,98 para R$ 79,90; o salame tipo italiano que aumentou de R$ 37,90 para R$ 49,90 e o queijo do reino, que aumentou R$ 10,00, passando de R$ 39,90 para R$ 49,90 o quilo.

    O levantamento de preços de 102 itens foi realizado em 13 estabelecimentos da Região Metropolitana do Recife (RMR). O objetivo da pesquisa é oferecer ao consumidor pernambucano um instrumento auxiliar para a determinação de compras mais racionais do ponto de vista do preço, permitindo-o ter uma visão mais clara da incidência de cada produto sobre seu orçamento doméstico.

    Neste levantamento, é possível identificar o preço de cada item por estabelecimento, fornecendo assim ao consumidor, os locais e endereços onde o produto encontra-se mais acessível.

    Toda a pesquisa pode ser com os produtos e nomes do estabelecimento pode ser vista no site do Procon-PE e na Fan page do órgão.

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post: