meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • Pontos oferecem cuidados para população em situação de rua

    | Social

    ação social

    A partir desta terça-feira (dia 31), o Governo de Pernambuco, através da Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas, passa a oferecer Pontos de Cuidado à população em situação de rua e usuários de drogas. Os pontos são locais para receber até 500 pessoas por dia, com instalações para tomar banho, receber alimentação e ter orientações sobre como se prevenir da covid-19. Os Pontos de Cuidado são parte integrante do Pernambuco Solidário contra o coronavírus.

    O secretário Cloves Benevides acredita os Pontos de Cuidado representam a oferta de cidadania para aqueles que se encontram em situação de rua. “O cidadão é sujeito de direitos independentemente da situação social que ele esteja vivendo. Com a iniciativa, o Governo de Pernambuco vai cuidar daquelas pessoas em situação de vulnerabilidade social”.

    O Estado terá quatro pontos de cuidado, que estão sendo instalados no Recife, Jaboatão dos Guararapes, Olinda e Paulista. O primeiro vai funcionar no Armazém Catorze, no bairro do Recife Antigo, com fácil acesso à população que precisa. Os outros pontos aguardam definição de local por parte das prefeituras.

    A estrutura e os insumos preveem o atendimento de até 500 pessoas por dia, durante todos os dias da semana, pela manhã e à noite (a partir das 7h às 10h e das 18h às 20h). A estrutura vai permitir que as pessoas possam tomar banho e receber kits de alimentação e de higiene, além de terem informações, com foco na prevenção ao novo coronavírus.

    Todos os Pontos de Cuidado terão áreas comuns, como recepção, área de espera para banho, banheiros com chuveiros e área de alimentação. Os pontos fora do Recife serão instalados em contêineres adaptados para a oferta de serviços.

    Os Pontos de Cuidado são uma iniciativa do Pernambuco Solidário contra o coronavírus, que conta com a participação de diferentes protagonistas da sociedade civil e iniciativa privada. Os Pontos de Cuidado terão ação direta do coletivo Unificados pela População em Situação de Rua. O coletivo é integrado por diversas organizações da sociedade civil e grupos informais de trabalho e suporte à população em situação de rua do Recife.

    Outros cidadãos que estiverem fora do grupo de risco e desejarem oferecer sua força de trabalho voluntário poderão se inscrever através da plataforma Transforma Recife, através da internet, pelo endereço www.transformarecife.com.br.

    NA COMUNIDADE – A Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas reforçou a parceria com a Central Única das Favelas em Pernambuco (Cufa-PE) para a distribuição de panfletos e cartazes nas comunidades do Estado. A Cufa também vai identificar dois mobilizadores sociais por favela. A ação procura atingir as comunidades do Recife, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Cabo de Santo Agostinho e Paulista. Os municípios concentram 97% das favelas do Estado.

    A Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas possui conhecimento em atendimento à população em situação de rua, acumulado pelo Programa Atitude, e diálogo com as comunidades. A Cufa-PE é parceria da secretaria na realização da maior competição de futebol amador do mundo, a Taça das Favelas, com expectativa de 600 mil inscritos em todo o país, assim que a pandemia se tornar assunto superado. Agora é hora de cuidado.

     

    CONTEÚDO DOS KITS NOS PONTOS DE CUIDADOS

    HIGIENE: Toalha, sabonete líquido, escova de dentes descartável, papel higiênico, creme dental e roupa. Haverá absorvente disponíveis.

    ALIMENTAÇÃO: Lanche: biscoito, fruta (laranja e banana) e suco caixinha

    Assuntos: covid19, prevencao, spvd, acao social
    Compartilhe: Link para o post:
  • IPA investe R$ 7.224.307,88 para execução de ações do PAA

    | Agricultura

    IPA

    O Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) investiu R$ 7.224.307,88 na aquisição de 2.802,905 quilos de alimentos, adquiridos de 4184 agricultores familiares, que foram entregues a 720 instituições beneficentes cadastradas, dentro das ações do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), modalidade Compra Simultânea. A movimentação foi efetuada de março de 2019 até 15 de março deste ano.

    A previsão é investir mais R$ 1.775.693,46, até maio, totalizando R$ 9.000.001,34. “Em função das medidas protetivas recomendadas pelas autoridades em saúde pública e determinadas pelo Estado, as ações do PAA foram priorizadas, de forma a manter e ampliar o fornecimento de alimentos nas entidades cadastradas, especialmente as socioassistenciais de longa permanência”, destaca o diretor de Extensão Rural, Reginaldo Alves. As atividades estão previstas no Termo de Cooperação Técnica, assinado pelo IPA e o Ministério da Cidadania.

    Presente em 185 municípios pernambucanos, o IPA tem papel fundamental na execução do PAA. “Por meio da prestação dos serviços de assistência técnica e extensão rural (ATER) é promovida a qualificação dos agricultores, o mapeamento da produção local, além do planejamento da aquisição e doação da produção”, reforçou o diretor.

    A força da ação pode ser comprovada pelos resultados registrados no período compreendido entre 2015 e junho de 2018. Foram aplicados mais de R$ 30,5 milhões para aquisição de doação de R$ 9,2 milhões quilos de alimentos, adquiridos de 4,7 mil agricultores de base familiar, elevando em 25% os ganhos na comercialização.

    Os produtos foram doados a mais de 600 entidades socioassistenciais, que forneceram refeições a cerca de 168 mil pessoas, em situação de insegurança alimentar e nutricional, em 120 municípios pernambucanos, em todas as regiões.

    O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) foi criado pelo Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), por meio do art. 19 da Lei nº 10.696, de 02 de julho de 2003. A finalidade é promover o acesso à alimentação e incentivar a agricultura familiar.

    Assuntos: agricultura, alimentos, ipa
    Compartilhe: Link para o post:
  • Redução do rodízio de Caruaru começa a valer a partir de hoje

    A partir desta quarta (01/04), os moradores de Caruaru, no Agreste do Estado, terão mais água nas torneiras, quando entra em vigor a diminuição do rodízio na cidade. Agora, o ciclo de abastecimento será de cinco dias com água e dez dias sem. Desde agosto do ano passado, a distribuição seguia o cronograma de cinco dias com água e 15 sem. Na zona rural, o regime de fornecimento seguirá o calendário de dois dias com e 30 sem. Anteriormente, o abastecimento ocorria uma vez por mês.

    A redução foi possível graças ao aumento do volume acumulado na barragem de Tabocas, responsável pelo abastecimento de Santa Cruz do Capibaribe, que conseguiu acumular água nas últimas chuvas e está com 45% de sua capacidade total que é de 13 milhões de metros cúbicos. Com Isso, o Sistema Prata-Pirangi não está mais enviando água para reforçar o abastecimento do município vizinho, sendo possível ampliar a oferta para a Capital do Forró.

    Diante dessa boa notícia, a presidente da Compesa, Manuela Marinho, solicitou à equipe técnica os ajustes necessários para diminuir o rodízio em Caruaru, maior cidade do interior do Estado. “Desde a semana passada já estávamos melhorando, gradativamente, a oferta de água para localidades como Luís Bezerra Torres, Rendeiras, Residencial Alto do Moura e José Carlos Oliveira. Finalizamos os ajustes necessários e, a partir de hoje, o novo rodízio está implantado”, afirma a presidente.

    Cidades: Caruaru, Santa Cruz do Capibaribe
    Assuntos: compesa, agua, abastecimento
    Compartilhe: Link para o post:
  • Pernambuco cria estratégia para apoiar população em vulnerabilidade social

     sei

    Novo serviço vai atender até 500 pessoas diariamente durante a semana. População vulnerável vai receber refeições, banho e material de higiene

    A campanha Pernambuco Solidário contra o Coronavírus, do Governo de Pernambuco, tem novas estratégias para fortalecer as ações em benefício da população, com atenção às pessoas em vulnerabilidade social. O Estado iniciou nesta terça-feira (31/03), no bairro do Recife Antigo, a ação Pontos de Cuidado, que conta com apoio de voluntários e tem como finalidade proporcionar instalações para a população tomar banho, receber alimentação e ter orientações sobre como se prevenir da Covid-19.  A estrutura e os serviços preveem o atendimento de até 500 pessoas por dia, durante toda a semana.

    No turno da manhã o atendimento será das 07h às 10h, e no turno da noite, das 18h às 20h. O Estado terá quatro Pontos de Cuidado, que estão sendo instalados nos municípios de Recife, Jaboatão dos Guararapes, Olinda e Paulista. O primeiro ponto começou a funcionar no Armazém 14, no bairro do Recife Antigo. Os outros pontos aguardam definição por parte das prefeituras.

    “Hoje começamos uma ação importante de prevenção com a população de rua, no primeiro Ponto de Cuidado que foi aberto no bairro do Recife, através de uma parceria do Governo com a Prefeitura do Recife. As pessoas mais vulneráveis estão tendo essa oportunidade de encontrar um local para fazer a sua higiene pessoal, tomar um banho, fazer uma refeição e receber roupas limpas. Já estamos fazendo o contato com as prefeituras para ampliar esse Ponto de Cuidado para a Região Metropolitana do Recife e o interior.” ressaltou o governador Paulo Câmara.

    Todos os locais terão áreas comuns, como recepção, área de espera para banho, banheiros com chuveiros e área de alimentação. Os pontos fora do Recife serão instalados nos endereços que a prefeitura do município indicar, em contêineres adaptados para a oferta de serviços.

    “Estamos passando por um momento que devemos somar as ações de solidariedade, cuidado, prevenção e proteção, dedicando precauções com as pessoas mais vulneráveis. E entendendo que essa composição vai fazer com que os pernambucanos passem por esse desafio, para chegarmos lá na frente com a preservação da vida” enfatizou o secretário de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas, Cloves Benevides.

    COMUNIDADE – A Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas reforçou a parceria com a Central Única das Favelas em Pernambuco (Cufa-PE) para a distribuição de panfletos e cartazes nas comunidades do Estado. A Cufa também vai identificar dois mobilizadores sociais por favela. A ação procura atingir as comunidades do Recife, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Cabo de Santo Agostinho e Paulista. Os municípios concentram 97% das favelas do Estado.

    Aqueles cidadãos que estiverem fora do grupo de risco e desejarem oferecer sua força de trabalho voluntário poderão se inscrever através da plataforma Transforma Recife, através da internet, pelo endereço www.transformarecife.com.br.

    Fotos: Heudes Regis/ SEI

    Assuntos: governo de pernambuco, sei, acao social, pontos de cuidado
    Compartilhe: Link para o post:
  • #47 | Boletim "Pernambuco Contra o Coronavírus"

     sei

    CORONAVÍRUS | Pernambuco tem mais dez casos da Covid-19 confirmados nesta terça-feira (31), totalizando 87. Não houve nenhuma nova morte confirmada nas últimas 24h, sendo 6 o número de óbitos registrados até agora. Entre os novos casos confirmados, 6 são residentes do Recife, 2 de São Lourenço da Mata, 1 de Ipubi, no Sertão do Araripe, além de 1 de Fernando de Noronha (este é o 2º caso registrado na Ilha). Até agora, os casos estão distribuídos por 11 municípios do Estado, além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes em outros Estados e países. No momento, 23 pacientes estão internados, sendo 12 em UTI/ UCI e 11 em leitos de isolamento. Outros 44 estão em isolamento domiciliar e 14 já se recuperaram da Covid-19.

    TESTES | Uma parceria entre o Governo de Pernambuco e o Instituto Aggeu Magalhães (Fiocruz) ampliará em até 180% a capacidade de testagem do Novo Coronavírus no Estado. Com isso, a Secretaria Estadual de Saúde conseguirá fazer cerca de 2.170 exames por semana, a depender do envio dos kits pelo Ministério da Saúde, o que possibilita testar os profissionais de saúde, da rede pública e privada, que estão trabalhando diretamente com os pacientes suspeitos e confirmados da Covid-10, além das forças de segurança.

    GANHE O MUNDO | O Governo de Pernambuco está acompanhando atentamente os estudantes que estão fazendo intercâmbio pelo Programa Ganhe o Mundo, para que estejam em segurança durante a pandemia do Novo Coronavírus. A decisão, atualmente, é de que a maioria permaneça no exterior. Apenas pouco mais de cem jovens foram trazidos de volta de países como Canadá, Espanha e Chile, e todos receberam informações sobre como se proteger da Covid-19. Confira mais informações: https://bit.ly/2UPmiXQ

    ECONOMIA | O Governo do Estado acaba de anunciar medidas para reduzir o impacto da pandemia na economia estadual. Entre elas: prorrogação de prazos relativos ao cumprimento de obrigações tributárias e contestações, suspensão de execuções fiscais e notificações de débitos. As medidas - resultantes também de reuniões de trabalho entre o Governo e representantes das principais entidades empresariais - têm como objetivo manter a economia funcionando e garantir a preservação dos empregos nos diversos setores. Saiba mais: http://www.pe.gov.br/b/22270

    CURSOS EAD | O Governo de Pernambuco abriu inscrições para cursos gratuitos na modalidade EAD. A iniciativa faz parte do programa Novos Talentos, que já capacitou mais de 30 mil trabalhadores e empreendedores. As inscrições começam nesta quarta (1) e seguem até o dia 7 de abril, e os cursos começam no dia 8 de abril. http://www.pe.gov.br/b/22263

    PERNAMBUCO SOLIDÁRIO => O montante arrecadado pelo projeto Pernambuco Solidário contra o Coronavírus, uma parceria entre o Governo do Estado e o Porto Social, será revertido para a aquisição de equipamentos hospitalares, auxiliando no combate à Covid-19 em Pernambuco. Faça sua parte também! Mais informações: WhatsApp (81) 99185-7147.

    CENTRAL DE DOAÇÕES => Para combater a disseminação do vírus são necessários insumos, EPIs (máscaras, álcool gel e álcool líquido 70) e produtos de limpeza, entre outros. Para doar, combine através do e-mail doacoescovid19@addiper.pe.gov.br , telefones (81) 99488.2149 e (81) 99488.3777.

    ATENDE EM CASA => Plataforma permite à população receber orientações virtuais sobre a Covid-19, fazendo uma classificação de risco do paciente e, se necessário, uma videochamada com enfermeiros ou médicos. Conheça: https://bit.ly/2QOzgns

    FAKE NEWS => Não caia em notícias falsas, não repasse informações sem confirmar. Confira boatos desmentidos no nosso hotsite: https://www.pecontracoronavirus.pe.gov.br/

    FONTES OFICIAIS => O Governo de Pernambuco preza pela transparência e agilidade nas informações divulgadas sobre o enfrentamento da Covid-19 no Estado. Para ficar bem informado, acompanhe as nossas redes sociais e o site https://www.pecontracoronavirus.pe.gov.br/

    MEDIDAS VIGENTES | Confira algumas das principais medidas já tomadas pelo Governo para conter a disseminação da Covid-19:

    Suspensão das aulas na rede de ensino pública e privada (escolas, escolas técnicas e universidades);

    Fechamento do comércio e serviços - shoppings, lojas, salões de beleza e correlatos, clubes sociais, bares, restaurantes, lanchonetes, comércio de praia, cinemas, academias de ginástica e similares; das obras de construção civil; dos museus, centros de artesanato e demais equipamentos culturais;

    Bares e restaurantes podem continuar fazendo entregas, e os parques e praias permanecerão abertos para corridas, caminhadas e outras práticas esportivas individuais.

    Continuam funcionando:

    Supermercados, padarias, mercadinhos, farmácias, postos de gasolina, casas de ração animal, depósitos de água mineral e gás, além de obras de serviços essenciais (como de hospitais e de abastecimento de água, gás, energia e internet) e também as obras de construção civil contratadas pelo serviço público de todos os entes federativos. Lojas de material de construção podem funcionar mediante entrega em domicílio ou ponto de coleta.

     Proibida a realização de eventos com mais de 10 pessoas, a presença da torcida em jogos de futebol e o transporte de passageiros via mototáxi;

    Suspenso o atendimento presencial em órgãos públicos estaduais, válido também para servidores terceirizados.
    As determinações NÃO se aplicam aos serviços públicos essenciais e presenciais.

    Assuntos: governo de pernambuco, sei, covid-19, boletim
    Compartilhe: Link para o post:
  • Governador Paulo Câmara anuncia medidas para incentivar o setor produtivo do Estado

    | Economia
    governador

    Decreto e outras ações prorrogam prazos fiscais e contábeis e suspendem execuções e fiscalizações por um período de 90 dias. Governo tomou como base estudos do Comitê Estadual Socioeconômico de Enfrentamento criado para articular medidas conjuntas de enfrentamento aos efeitos da Covid-19 na economia.

    O Governo de Pernambuco, através da Secretaria da Fazenda, na busca por alternativas para reduzir os efeitos da crise na economia estadual provocada pela pandemia do novo Coronavírus está tomando uma série de medidas que irão impactar diretamente sobre o setor produtivo. Entre as deliberações previstas estão prorrogação de prazos relativos ao cumprimento de obrigações tributárias e contestações, suspensão de execuções fiscais e notificações de débitos. 

    No Decreto, o Governo “prorroga para 30 de junho os prazos vencidos a partir de 21 de março de 2020, relativos ao cumprimento de obrigações tributárias acessórias previstas na Legislação Estadual e à contestação do débito constante”. O texto também determina a suspensão, pelo mesmo período, da emissão de Notificação de Débito e Notificação de Débito sem Penalidade e dos procedimentos que visem ao descredenciamento dos contribuintes do ICMS relativas às diversas sistemáticas especiais de tributação.

    A Secretaria da Fazenda do Estado, de acordo com o Decreto, irá determinar o alongamento do prazo de validade de certidões de regularidade fiscal e negativa e a suspensão de ações de execução fiscal. O Governo também vai permitir a importação e desembaraço de insumos em aeroportos ou portos, sem prejuízo aos incentivos fiscais do Prodepe e Proind. As fiscalizações aos estabelecimentos comerciais, cujas atividades tenham sido comprometidas pela pandemia, serão suspensas por 90 dias, de acordo com decisão do governador Paulo Câmara. 

    As outras medidas anunciadas são resultantes das reuniões de trabalho entre o Governo do Estado e representantes das principais entidades empresariais e têm como características, manter a economia funcionando, garantindo a preservação dos empregos nos diversos setores. Além do Decreto, o Governo do Estado está apoiando os setores produtivos votando favoravelmente a prorrogação no pagamento do ICMS do Simples Nacional. O Governo vai suspender, como previsto no pacote de medidas, por 90 dias, o ajuizamento de novas ações e o envio de protestos da dívida ativa do Estado.

    Todas as medidas anunciadas foram baseadas em estudos recentes promovidos por diversas Secretarias integrantes do Comitê Estadual Socioeconômico de Enfrentamento à Covid-19, colegiado criado pelo Governo do Estado para articular ações conjuntas de enfrentamento aos efeitos da pandemia na economia.  Outros pleitos defendidos pelo setor produtivo do Estado, como a prorrogação de impostos estaduais, mudanças na base de cálculo do percentual do ICMS e o alongamento dos vencimentos e parcelamentos das dívidas dependem de decisões que devem ser tomadas em reuniões do Conselho Nacional de Política Fazendária – Confaz e do Comitê Nacional de Secretário da Fazenda, Finanças, Receitas ou Tributação dos Estados e Distritos Federal – Comsefaz.

    Fotos: Americo Santos /SEI
    Assuntos: sei, paulo camara, sefaz, coronavirus
    Compartilhe: Link para o post:
  • Projeto Palco em Casa tem segunda edição no Descubra Pernambuco

    | Cultura

    palco

    Apresentações online acontecem de quinta (3) a domingo (5) no canal oficial do turismo de Pernambuco no Instagram

    O sucesso do primeiro final de semana fez o Governo do Estado programar mais uma edição do projeto Palco em Casa no perfil @DescubraPernambuco do Instagram. Na segunda semana de realização, o festival ganha mais um dia, começando na quinta-feira (2) e indo até o domingo (5). Tem mais novidade: atrações infantis também estão na programação.

    A ação é uma parceria da Secretaria de Turismo e Lazer de Pernambuco e da Empetur com o cantor pernambucano André Rio, e nesta segunda semana contará com a participação de 22 artistas locais e da cena nacional, a exemplo do cantor Dudu Nobre, que divide a transmissão com Carla Rio, no sábado. 

    “Estamos muito felizes com o retorno positivo da primeira edição do Palco em Casa. Incluímos agora atrações para a criançada, já que nesses dias os pais estão ficando muito com os filhos em casa. Vai ser uma forma de integrar a família. Diversos artistas já estão se preparando para levar nossa linda cultura para a casa de milhares de pessoas que seguem as recomendações do distanciamento social em suas residências”, comenta o secretário de Turismo e Lazer de Pernambuco, Rodrigo Novaes.

    Para a criançada a programação especial será no sábado e domingo, com a participação da Fada Magrinha e do Tio Bruninho. Eles prometem animar a criançada e toda família a partir do final da tarde. Confira as outras atrações do Palco em Casa. 

    PROGRAMAÇÃO

    Quinta (02/4)
    19h Coral Edgard Moraes convida Getúlio Cavalcanti
    20h30 – Luciano Magno convida Davi Moraes
    22h- Som da Terra

    Sexta (03/4)
    17h30 - Nádia Maia
    19h - Marron Brasileiro
    20h30 - Romero Ferro
    22h – Maciel Melo convida Ed Carlos

    Sábado (04/4)
    17h30 - Fada Magrinha (Show Infantil)
    19h - Carla Rio convida Dudu Nobre
    20h30 – André Rio convida Maestro Fábio Valois
    22h – Benil Convida Bruno Lins

    Domingo (05/4)
    16h – Tio Bruninho (Show infantil)
    17h30 – Liv Morais
    19h- João Cavalcanti (RJ)
    20h30 – Luizinho de Serra convida Irah Caldeira

    Assuntos: setur, empetur, descubra pernambuco, projeto palco em casa
    Compartilhe: Link para o post:
  • No Sertão, Detran-PE arrecada donativos para vítimas das chuvas

    Diante das fortes chuvas que caíram recentemente no Sertão Pernambucano, e do rompimento da barragem Zumbi, no município de Arcoverde, o Departamento de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) desenvolveu campanha para arrecadação de donativos destinados à população desabrigada da cidade. Por meio da Diretoria de Fiscalização/DTFO – Operações de Trânsito, a ação, que envolveu agentes de trânsito da cidade, arrecadou alimentos, produtos de limpeza, descartáveis e outros mantimentos necessários para enfrentar o período em desabrigo, como também, prevenir a contaminação pelo coronavírus.

    A coleta das doações foi coordenada pelo agente de trânsito Hemannuel Figueiredo, que reuniu donativos com ajuda de um grupo de estudantes da Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde/Centro de Ensino Superior de Arcoverde (AESA-CESA). Os alunos, do 3º período do curso de Direito, ficaram encarregados de juntar os produtos, que posteriormente são distribuídos nas comunidades carentes, com o apoio de viaturas e agentes do Detran-PE.

    Com as chuvas nas regiões Agreste e Sertão, ocorridas principalmente nos últimos dias, 16 barragens e alguns riachos transbordaram, conforme divulgado pela Imprensa. Com isso, dezenas de famílias estão desabrigadas ou ilhadas. Além de Arcoverde, foram atingidos pelas chuvas os municípios de Serra Talhada, Afogados da Ingazeira, Sertânia, Carnaíba e Terra Nova. Também foram registradas quedas de árvores e destruição de rodovias. Outras barragens estão com a capacidade no limite e podem transbordar se ocorrer continuidade das chuvas.

    Cidades: Arcoverde
    Assuntos: seinfra, detran, chuvas, donativos
    Compartilhe: Link para o post:
  • Confirmado segundo caso de Covid-19 em Noronha

    | Saúde
    Foi confirmado na tarde desta terça-feira,31, mais um caso de Covid-19 em Fernando de Noronha. Trata-se de uma pessoa que esteve em contato com o primeiro paciente contaminado. Esse novo paciente é homem, tem 36 anos e também é funcionário do aeroporto. O paciente está assintomático, ou seja, não apresenta os sintomas da doença, mas pode transmitir para outras pessoas. Ele permanece isolado e cumprirá a quarentena de 14 dias.
     
    Desde a confirmação do primeiro caso, 16 pessoas que tiveram contato com o paciente foram colocadas em isolamento e testadas para coronavírus. Destas, apenas uma recebeu resultado positivo para Covid-19. Outras 14 testaram negativo e uma teve resultado inconclusivo e terá o exame refeito. 
     
    O fato do novo paciente ser assintomático só reforça a necessidade do isolamento social. Pessoas podem carregar o vírus sem ter conhecimento disso e assim contaminar outras pessoas. Portanto segue a orientação para que todos fiquem em casa, como explica o administrador da ilha, Guilherme Rocha.
     
    “Esse caso da pessoa estar assintomática, significa que a gente precisa ficar em casa. Porque podem existir outras sem sintomas, mas que podem estar com o vírus. Aí está a resposta do porquê fechamos escola, comércio. O principal vetor de transmissão são pessoas fora da zona de risco e sem sintomas”, diz Guilherme.
     
    Para evitar uma propagação da doença na ilha, todos os moradores e servidores que desembarcam no aeroporto estão passando por uma quarentena obrigatória. “Entre a pessoa se contaminar e apresentar os sintomas, existe um período de 14 dias. Por isso, quem chega em Noronha precisa ficar de quarentena por, no mínimo, sete dias. Se tiver sintomas gripais, por 14 dias”, explica o superintendente de saúde Fernando Magalhães.
     
    Mesmo com esse cuidado no aeroporto, o administrador da Ilha, Guilherme Rocha, não descarta a possibilidade de fechamento total para pousos e decolagens. Atualmente há apenas um voo semanal operando na ilha, para transporte de moradores e servidores.
     
    “É algo preocupante quando começamos a ver um ou outro insistindo em descumprir as recomendações de quarentena, de ficar em casa. De querer sair de Noronha e quando voltar não cumprir a quarentena. As pessoas precisam entender que nós fazemos essa recomendação para o bem, não só dele (de forma individual), mas também para a saúde pública da ilha. Se a gente começar a perceber que não está dando certo, que não estamos tendo retorno imediato dos próprios moradores, teremos que partir para medidas extremas, porém necessárias, de realmente fechar o aeroporto para pousos e decolagens. Não queremos chegar a esse ponto”, afirma o administrador.
    Cidades: Fernando de Noronha
    Assuntos: fernando de noronha, coronavirus, covid19
    Compartilhe: Link para o post:
  • BOLETIM COVID-19 SES-PE

    | Saúde

    corona

    Foto: Agência Brasil/EBC

    A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, nesta terça-feira (31.03), mais 10 casos da Covid-19 em Pernambuco. Com a atualização, o Estado contabiliza 87 ocorrências pelo novo coronavírus. Não houve nenhuma nova morte confirmada nas últimas 24h, sendo 6 o número de óbitos registrados até agora.

    De acordo com o boletim epidemiológico, dos 10 novos casos confirmados, 7 são do sexo masculino, com idades entre 30 e 69 anos; e 3 do sexo feminino, na faixa etária entre 30 e 70 anos. Dos pacientes, 6 são residentes do Recife, 2 de São Lourenço da Mata, 1 de Ipubi, no Sertão do Araripe, além de 1 novo caso registrado em Fernando de Noronha. Este é o 2o caso registrado na Ilha –contactante do 1o caso confirmado na última sexta-feira (27.03).

    Até agora, os casos estão distribuídos por 11 municípios (Recife, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Camaragibe, São Lourenço da Mata, Palmares, Belo Jardim, Caruaru, Petrolina, Ipubi e Goiana), além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes em outros Estados e países.

    No momento, 23 pacientes estão internados, sendo 12 em UTI/ UCI e 11 em leitos de isolamento. Outros 44 estão em isolamento domiciliar e 14 já se recuperaram da Covid-19.

    Recuperados - Subiu para 14 a quantidade de pacientes considerados recuperados da doença. A paciente, que teve cura clínica, é do sexo feminino, tem 97 anos e reside no Recife.

    Arquipélago – Na última sexta-feira (27.03), foi confirmada a primeira ocorrência no Arquipélago Fernando de Noronha. Um homem de 48 anos, funcionário de uma empresa terceirizada, que permanece em isolamento domiciliar.

    Para evitar a propagação do vírus, todos os contactantes do homem foram monitorados e colocados em quarentena, em quartos isolados e diferentes, além de serem testados. Apenas um deles testou positivo para a doença, e permanece em isolamento.

    Pernambuco amplia testes - O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), anunciou nesta terça-feira (31.03), a ampliação da capacidade de testagem para a Covid-19 no Estado, possibilitando a realização de exames nos profissionais de Saúde, da rede pública e privada, que estão trabalhando diretamente com os pacientes suspeitos e confirmados para a doença, além das forças de Segurança. A ampliação vai ser possível graças à parceria entre a SES-PE e o Instituto Aggeu Magalhães (Fiocruz/PE), que possibilitará, inicialmente, triplicar a capacidade atual, saindo de cerca 770 para 2.170 exames por semana, a depender do envio dos kits pelo Ministério da Saúde (MS). Esse número pode chegar a 1 mil exames/dia.

    "Vamos dotar o Estado da capacidade de testar mais, ampliando para além dos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave internados, como é preconizado atualmente pelo Ministério da Saúde. Com essa ampliação, vamos, inicialmente, beneficiar os profissionais de saúde e de segurança, num esforço para garantir a segurança e cuidado também para esse público. A partir desta quarta-feira, iniciamos os testes juntando forças do Instituto Aggeu Magalhães aos esforços do Lacen-PE. À medida que o Ministério da Saúde enviar mais kits, vamos ampliando o número de testes realizados", afirma o secretário estadual de Saúde, André Longo.

    Os testes serão os mesmos já realizados atualmente pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE), por meio da técnica RT-PCR, indicada para pacientes no início dos sintomas (até 7 dias) e que analisa a presença do vírus ou parte dele na amostra coletada. Os kits de testagem, nesta parceria, serão os encaminhados pelo Ministério da Saúde, que anunciou a ampliação do envio dos kits.

    A vice-diretora do Instituto Aggeu Magalhães, Constância Ayres, ressaltou a importância da parceria para a valorização e ampliação da produção científica em Pernambuco. “A Fiocruz/PE vai trabalhar em quatro frentes. A primeira é um projeto de pesquisa para desenvolver um teste rápido baseado em papel que vai dar o resultado em minutos. A segunda é a questão da evolução dos genomas, dos vírus que estão circulantes aqui em Pernambuco para entendermos qual o comportamento epidemiológico e se existe variações que podem ser importantes para o enfrentamento da epidemia. O terceiro ponto é a questão do tratamento, então vamos utilizar nossa plataforma para testar novos produtos e novas drogas anti-virais que possam combater o novo coronavírus. E, por último os estudos epidemiológicos. Nós vamos tentar entender as questões sociais que interferem no desenvolvimento da curva aqui no Estado”, destacou.

    Além da parceria com o Instituto Aggeu Magalhães, nesta semana, a empresa Genômika, especializada em testes genéticos e imunológicos, passa também a compor os esforços do Estado para ampliar a realização de exames pela técnica RT- PCR. Por dia, o laboratório privado vai processar 300 exames. Essa ontratualização está sendo feito em parceria com o Laboratório de Imunopatologia Keizo Asami (LIKA) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

    tabela1

    tabela2

    tabela3

    tabela4


    Assuntos: ses, coronavirus, covid19
    Compartilhe: Link para o post: