meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • São João com mais policiais nas ruas

    SDS São João 2016

    SDS divulga esquema de segurança para a Operação São João 2016. Serão empregados em média, 932 profissionais de segurança por dia de evento, 100 a mais do que em 2015.

    A Secretaria de Defesa Social – SDS divulgou o esquema de segurança para o São João 2016. Serão lançados 24.234 servidores das Polícias Militar, Civil, e Científica além de militares do Corpo de Bombeiros, que irão trabalhar de forma integrada durante o período de 04 a 29 de junho. Para auxiliar o trabalho das polícias, 100 câmeras de videomonitoramento do Centro Integrado de Operações de Defesa Social – CIODS, instaladas em alguns polos de animação, um Centro Integrado de Comando e Controle Móvel – CICCM e uma Plataforma de Observação Elevada – POE darão apoio às operações durante os festejos juninos.

    “Apesar da redução dos polos e dos números de dias de festa, este ano serão empregados, em média, 932 profissionais de segurança por dia de evento, 100 a mais do que em 2015”, afirmou o Secretário de Defesa Social, Alessandro Carvalho, referindo-se ao esquema de segurança montado em 2016. Pela primeira vez no São João de Caruaru, o CICCM, foi instalado no Pátio do Forró e vai monitorar as 14 câmeras da Plataforma de Observação, como também outros 14 equipamentos do Departamento de Estradas e Rodagens – DER. “Teremos acesso às imagens da BR 232, facilitando o monitoramento desde a saída do Recife com destino a Capital do Forró. Mais 40 câmeras espalhadas pela cidade reforçam a segurança”, ressaltou Carvalho.

    Atuando preventiva e ostensivamente, nos principais polos juninos, a Polícia Militar vai lançar 19.664 militares no período de 04 a 29 de junho. Cidades como Recife, Caruaru, Limoeiro, Arcoverde e Petrolina, dentre outras, terão reforço no policiamento.  “Através de um grupo de trabalho instituído pela SDS, realizamos várias reuniões com as prefeituras e as promotoras de eventos a fim de identificar o fluxo de pessoas e também o grau de risco de cada evento, para que pudéssemos empregar o efetivo de forma precisa”, destacou o comandante geral da PMPE, coronel Carlos D’Albuquerque.

    O Chefe da Polícia Civil, Antônio Barros, reforçou a importância da delegacia pela internet. “Com a delegacia pela internet, cada residência é uma delegacia de Polícia. Quando o cidadão vai fazer a descrição da sua ocorrência, ele já tem toda estrutura para registrar ocorrências relacionadas à: furto, roubo, danos ao patrimônio, extravio de objetos e acidentes de trânsito sem vítima como colisões ou abalroamento entre veículos automotores”, acrescentou o delegado. Da PCPE entre delegados, agentes e escrivães serão 2.696 servidores empregados nos principais dias de festa. Uma delegacia de plantão será montada no Sítio da Trindade no Recife. Em Caruaru, além da 14ª Delegacia Seccional, uma delegacia móvel estará à disposição do cidadão no Pátio do Forró.

    Preocupados com a segurança dos cidadãos o Corpo de Bombeiros lançará 1.853 militares, contará com três viaturas de auto resgate empregadas em pontos estratégicos da BR 101, Norte e Sul, como também na BR 232. Vistorias em camarotes, estabelecimentos comerciais em pontos de venda de fogos de artifícios estão sendo realizadas antes e durante os festejos para garantir a segurança da população. “Trabalhar com maior objetividade, isso vale para o Corpo de Bombeiros, como para as Polícias Civil, Militar e Polícia Científica, é esse o foco deste trabalho integrado no São João”, acrescentou o comandante geral do Corpo de Bombeiros, coronel Manoel Cunha, sobre a importância da integração entre os órgãos operativos da SDS.

    Participando também da Operação São João 2016, a Polícia Científica antedará as demandas dos focos festivos nas respectivas sedes. “Haverá um reforço nos plantões para agilizar o atendimento ao cidadão. Também estaremos atuando integrados com o Juizado do Forró, realizando atividades como perícias em drogas e traumatológicas, identificação criminal e emissão de antecedentes criminais”, disse a gerente geral da Polícia Científica, Sandra Santos. Pela Científica, 21 servidores serão empregados nos dias 23, 24 e 28 de junho em Caruaru.

     
    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Ginásio Pernambucano e ONG GreenDay selam parceria a favor do Meio Ambiente

    GreenDObjetivo principal da parceria é despoluir o Rio Capibaribe.

    Na manhã desta terça-feira (14), o ambientalista e presidente-fundador da ONG GreenDay Pernambuco, Luiz Florentino, esteve no Ginásio Pernambucano localizado na rua da Aurora, no Recife, para apresentar aos estudantes o projeto “BioWater”, cujo objetivo principal é despoluir rios e lagos. “Este projeto foi criado através de muita pesquisa e muito estudo. A função do BioWater é colaborar, ajudar e dar apoio as entidades e a jovens estudantes e conscientizá-los sobre os cuidados que devemos ter com o meio ambiente”, revela Florentino.

    A parceria com o GP aconteceu através do projeto Green School, também da ONG, que tem o objetivo de levar palestras de conscientização ambiental para as escolas. “Tive a ideia de ampliar este braço do GreenDay Pernambuco, podemos dizer assim, e meu desejo é leva-lo para todas as escolas e criar um batalhão de ambientalistas. A nossa parceria aconteceu após o envio de alguns e-mails, ofícios até a minha visita aqui na escola, que durante as conversas demonstrou muito interesse em abraçar esta causa com a gente. E hoje estou aqui trocando experiências com os estudantes”, diz Luiz. A próxima etapa da parceria será o desenvolvimento das maquetes dos jardins flutuantes que serão instalados no Rio Capibaribe, conduzido pelos estudantes no início do segundo semestre.

    Aproveitando a ocasião, os estudantes do GP apresentaram aos presentes o projeto Mundo Verde Sustentável. “O foco principal é conscientizar não só a escola, mas todo o entorno e nossos familiares para que possamos ter um futuro melhor e um meio ambiente mais limpo. Recife tá muito degradado e essas ideias precisam partir de dentro da escola”, diz Laís Freire, estudante do 2º Ano B. Neste primeiro semestre, através do Mundo Verde Sustentável, os alunos já realizaram oficinas com pneus, produzindo lixeiras para a escola, por exemplo, e ações de conscientização para a limpeza do Rio Capibaribe. “Agora vamos dar início a parceria com a ONG GreenDay Pernambuco para produzir os jardins flutuantes e poder resgatar as águas do rio”, completa.

    “Do ponto de vista pedagógico nós vamos agregar valores, cidadania, respeito ao meio ambiente e, ao mesmo tempo, estes estudantes se tornarão cidadãos compromissados com o planeta através de temas como conscientização e sustentabilidade. É um trabalho de formiguinha, pois envolve não só os alunos, mas a comunidade que a escola está instalada, os pais destes estudantes”, ressalta Augusto Dornelas, professor de Geografia e um dos coordenadores do projeto Mundo Verde Sustentável. 

    Texto: Guilherme Vila Nova
    Fotos: Ademar Filho

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Violência contra Mulher: Wilma Lessa realizou 500 atendimentos em 2016

    Hospital Agamenon 

    Completando 15 anos, serviço promove série de debates entre 15 e 17 de junho

    O Serviço de Apoio à Mulher Wilma Lessa, sediado no Hospital Agamenon Magalhães (HAM), no Recife, realiza atendimento de mulheres vítimas de algum tipo de violência (física, moral, sexual). Aberto 24 horas por dia, sete dias por semana, o serviço conta com uma equipe multiprofissional para fazer o acolhimento e realizar todos os procedimentos de saúde necessários nas pacientes. Só em 2015, foram 1.140 atendimentos, entre primeiras consultas (398) e retornos para acompanhamento do quadro. Até o dia 11.06 deste ano, foram mais 508 atendimentos (154 de primeira vez).

    Completando 15 anos de funcionamento neste mês de junho, o Serviço de Apoio à Mulher Wilma Lessa realizará uma série de palestras e debates entre esta quarta (15.06) e a sexta-feira (17.06), no auditório do 6º andar do Hospital Agamenon Magalhães (Estrada do Arraial, 2723, Casa Amarela – Recife/PE). O evento é aberto ao público interessado. Entre os temas que serão abordados, as ações para o enfrentamento da violência contra a mulher em Pernambuco, as atribuições da Delegacia da Mulher, a cultura do estupro, entre outros. Representantes da Delegacia da Mulher, da Secretaria da Mulher e de entidades da sociedade civil, além de profissionais do Wilma Lessa, do HAM e da Secretaria Estadual de Saúde (SES) participam das atividades.

    “Este momento é importante para discutir questões relacionadas à violência contra a mulher e como fazer o enfrentamento, para que possamos diminuir o número de casos. Também queremos divulgar o serviço para toda a população feminina. A expectativa é que a mulher não seja vítima de qualquer tipo de violência e não precise recorrer a um serviço de saúde. Mas se precisar, ela deve saber que o Wilma Lessa faz o acolhimento com todo o sigilo necessário para cada tipo de caso e realiza os procedimentos necessários para auxiliar na plena recuperação da vítima”, afirma a coordenadora do Wilma Lessa, Mayara Mendes.

    Ao chegar ao Wilma Lessa, a mulher é recebida por uma assistente social, responsável pelo acolhimento. Depois, ela é encaminhada ao médico e enfermeira e ainda à psicóloga de plantão. Na consulta, verificam-se os protocolos necessários para cada tipo de caso.

    Quando o atendimento é relacionado à agressão sexual, por exemplo, o protocolo inclui o uso de contraceptivo de emergência, do coquetel para DST/ HIV, exames subsequentes e, se necessário, o aborto previsto em lei (entre 2015 e 2016 foram 26 casos efetivados). Todas as medidas são rigorosamente analisadas pelos médicos e equipe de plantão.

    Em caso de violência física, a mulher pode ser atendida na emergência do Hospital Agamenon Magalhães ou, se necessário, ela será encaminhada a outra unidade. A equipe do Wilma Lessa ainda orienta a vítima caso ela queira fazer denúncia na esfera judicial.

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Descentralização das políticas de gênero como avanço para Pernambuco

    Sec. MulherDurante a abertura do Fórum Nacional de Organismos de Políticas para as Mulheres, nesta quarta, o governador lembrou ações realizadas no Estado
     
    O governador Paulo Câmara comandou, na manhã desta quarta-feira (15.06), a cerimônia de abertura do Fórum Nacional de Organismos de Políticas para as Mulheres, realizado no Hotel Jangadeiro, na Zona Sul do Recife. A iniciativa tem o objetivo de promover o fortalecimento das políticas públicas de gênero, reunindo militantes de todo o País para a discussão de mecanismos que garantam a ampliação do diálogo entre as mulheres e os diferentes setores da sociedade civil. Na ocasião, Paulo destacou a importância da descentralização das ações para o segmento como marca da administração estadual.  
     
    "Nós temos ações voltadas para o público feminino em 169 dos 184 municípios pernambucanos. Iniciativas que contemplam políticas nos centros urbanos e na área rural. É muito importante essa descentralização para o desenvolvimento das ações para as mulheres", afirmou. Câmara citou como exemplo o programa Chapéu de Palha, que já atendeu 80 mil mulheres, em nove anos, e a criação do FEM Mulher, que destina até 5% dos recursos do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal para a implantação de políticas do perfil.  
     
    Paulo pontuou também que a estruturação das políticas de gênero começou no Governo Eduardo Campos, com a criação da Secretaria da Mulher, em 2007. Como auxiliar do ex-governador, Câmara afirmou que acompanhou o esforço da equipe daquela gestão para o fortalecimento dessa base. "A elaboração de políticas de gênero foi um dos pilares do governo Eduardo Campos, e nós continuamos a fortalecer cada iniciativa", salientou. O chefe do Executivo estadual destacou ainda que o debate deve ser incentivado. "Às vezes é com poucos recursos que se faz grandes avanços e grandes travessias", completou.
     
    Coube à secretária Estadual da Mulher, Silvia Cordeiro, fazer uma explanação no evento de questões estratégicas para o segmento. A gestora pontuou a posição inspiradora ocupada pelos pernambucanos. "O Estado que avança na política de gênero oferece qualidade de vida para homens e mulheres. Essa política não tem partido, é uma política de Estado", frisou Silvia. A secretária reiterou que o encontro busca fortalecer o debate sobre esse tema. "A política de gênero visa reconhecer que homens e mulheres têm direitos", completou.

    A analista de programas da ONU Mulher, Camila Almeida, ressaltou o papel dos Estados na manutenção dos avanços brasileiros no setor. "É importante que os Estados fortaleçam a implantação das políticas de gênero", destacou. Ela destacou ainda a importância de manter o ritmo de conquistas no setor. "É importante não permitir o retrocesso", finalizou a analista. 

    Além de propor a ampliação da rede de atenção à saúde e mais igualdade no mercado de trabalho, o encontro discutiu ainda a importância de fortalecer a rede de combate à violência. O evento contou com a presença de mais de 40 gestoras estaduais e municipais do Nordeste, além de representantes de Santa Catarina, Amapá, Tocantins, Espírito Santo e Minas Gerais. Também participaram da solenidade a pesquisadora da Fundação Joaquim Nabuco Cristina Buarque; a gestora da Região Sul, Célia Fernandes; a gestora da Região Sudeste, Isabel Lisboa; a gestora da Região Centro-Oeste, Ana Maria Guedes; a gestora da Região Norte, Maria Silvana Duarte; e a secretária Nacional do Movimento Mulheres Socialistas, Dora Pires. 

    Texto: Marcela Pimenta
    Fotos: Roberto Pereira/Sei
    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Reeducandos atuam em ação da prefeitura do Paulista

    Reeducandos

    Parceria entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH), e a Prefeitura do Paulista promove a geração de emprego para reeducandos atendidos pelo Patronato Penitenciário. Na manhã da última segunda-feira (13), o secretário Pedro Eurico participou do início das ações da Operação Ajuda Cidadã – ação integrada para recuperação de áreas afetadas pelas chuvas ocorridas no final de maio – na sede da Secretaria de Infraestrutura, em Maranguape I. Cerca de 60 reeducandos irão trabalhar na limpeza de canais em empresa prestadora de serviços do município. A comunidade Vila Fragoso é primeira beneficiada como trabalho da Operação.

    Um convênio de cooperação técnica foi assinado, no último dia (10), entre a SJDH e a empresa NE Construções com aditivo de 50 trabalhadores, que foram somados aos 20 que já atuavam na terceirizada. “De 2015 até agora já ampliamos para quase 1.000 o número de reeducandos reinseridos no mercado de trabalho. Para as empresas, públicas ou privadas, também é uma oportunidade de se reduzir custos, pois lhes são dadas uma série de vantagens oferecidas por lei”, afirmou o secretário Pedro Eurico.

    “Essas pessoas precisam de uma nova oportunidade de reinserção na sociedade. A parceria com a SJDH dará novo sentido a vida e dignidade a esses reeducandos. Todos ganham com isso, principalmente o cidadão”, salientou o prefeito do Paulista, Júnior Matuto.

    O reeducando Flávio Luciano comemora o primeiro dia trabalho na nova função. “Já trabalhei por conta própria como marceneiro e carpinteiro. Quero mudar e melhorar a vida da minha família. Estou cheio de expectativas para essa nova fase”, disse. Ubiratan Cosmo trabalha na empresa há três meses e garante auxiliar os novos colegas. “Estou adquirindo uma nova experiência e espero poder ajudar aos novos companheiros”.

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Fiscalização e distribuição de folders educativos marcam Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa


    Nesta quarta-feira, 15, Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, o governo do estado, através da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos e Executiva de Direitos Humanos, realiza, a partir das 8h, atividade educativa com a distribuição de folders no Terminal Integrado Joana Bezerra; e fiscalização em Instituições e Longa Permanência, ILPI's, no Recife e RMR. O objetivo é reforçar a atenção da sociedade para o público idoso, de forma que sejam garantidos os seus direitos na sua integralidade, e um tratamento digno e respeitoso. 

    Participam da fiscalização profissionais do Centro Integrado de Atenção e Prevenção à Violência contra a Pessoa Idosa, CIAPPI; Mecanismo Estadual de Prevenção e Combate à Tortura; Procon; MP; Delegacia do Idoso; Gerência de Saúde do Homem e da Pessoa Idosa, Vigilância Sanitária Estadual e Conselho Estadual do Idoso. 

    De acordo com o CIAPPI, as visitas serão pautadas na observação técnica, sob a ótica da violação aos Direitos Humanos e especificidades dos serviços. Serão observados como anda o funcionamento das ILPI's, o tratamento dado ao idosos nesses locais, e todo o trabalho desenvolvido. 

    Entre as questões verificadas, segundo a secretária executiva de Direitos Humanos, Laura Gomes, estão: a existência de violação por parte da família ou da instituição; abandono da pessoa idosa por longos períodos; apropriação dos proventos; e respeito as regras, no que se refere às restrições de dietas alimentícias e iniciativa de automedicação. 

    Após as visitas, será feito relatório sobre as necessidades de adequação, e os profissionais que atuam na instituição serão orientados para qualificar o serviço. No total, 04 ILPI's serão fiscalizadas nesta semana. 

    Após 30 dias, uma nova fiscalização será realizada nos locais para verificar se as adequações foram atendidas, melhorando a qualidade dos serviços. De acordo com o IBGE, no ano de 2025 as pessoas idosas representarão 15% da população. 

    Serviço: Campanha de Conscientização - Dia Mundial de Enfrentamento a Violência contra a Pessoa Idosa
    Data: 15 de Junho
    Locais: Terminal Integrado de Joana Bezerra - Distribuição de folders educativos

    Instituição de Longa Permanência - O local será divulgado no dia da ação. 

    Horários: 08h Distribuição de folders educativos
                     09h Fiscalização ILPI's


     



    Secretaria de Justiça e Direitos Humanos

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • A importância da interação entre o profissional arquivista e de TI para soluções de arquivamento documental

    Palestra Arquivista 

    Com o intuito de nivelar o conhecimento sobre a importância da gestão de documentos físicos e, principalmente, digitais, o Grupo de Trabalho da Desburocratização dos Processos Administrativos do Governo, convidou o professor Dr. Josemar Henrique de Melo, do Departamento de Arquivologia da Universidade Estadual da Paraíba, para ministrar a palestra "Gestão Arquivística: físicos e digitais para o governo". "É um tema importante para o Estado. Por isso, optamos por enfatizar essa responsabilidade que o governo tem de tratar bem a sua informação, não importando o suporte em que esteja", avalia o Gerente de Arquitetura e Sistemas da Informação de Governo da ATI, Rafael Soares.

    O encontro, aberto ao público, aconteceu nesta segunda-feira (13.06), no auditório da CEPE. O objetivo foi transmitir o conhecimento necessário para facilitar a tomada de decisão referente às ações de diminuição da utilização de papel no governo e, consequentemente, à desburocratização dos processos.

    Segundo o palestrante, é necessário estreitar o diálogo entre o profissional arquivista e de TI. "É preciso que haja a interação desses profissionais para que tragam soluções corretas para os arquivamentos", explica o professor, que ainda destacou a importância da preservação que garanta a autenticidade documental. "Documento permanente é patrimônio do Estado e não pode ser eliminado", acrescentou.

    O processo de digitalização também foi bastante debatido entre os participantes. Para Gemina Rodrigues, que foi ao evento em busca de esclarecimentos sobre gestão de documentos físicos, a migração para os arquivos digitais faz parte do controle e transformação dos processos. "Essa parceria entre as áreas é um suporte a mais para dar ao cidadão o retorno imediato", avalia a bibliotecária da UPE.

    O Grupo de Trabalho de Desburocratização dos Processos Administrativos do Governo foi instituído através da portaria SAD nº 211, de 22 de janeiro de 2016. Tem por finalidade levantar demandas, estudar, planejar e propor instrumento para a implantação da Política de Desburocratização dos Processos Administrativos do Governo de Pernambuco. Participam do grupo membros da Secretaria e Administração (SAD), da Agência Estadual de Tecnologia da Informação (ATI), da Companhia Editora de Pernambuco (CEPE), do Arquivo Público Estadual (APE), da Secretaria da Controladoria Geral do Estado (SCGE), da Secretaria da Casa Civil, da Procuradoria Geral do Estado (PGE) e da Assessoria Especial ao Governador (AESP).

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Pernambuco e EUA se unem no combate ao Zika Vírus

    Visita Consul Americano
    Parceria com empresas estadunidenses, nas áreas de tecnologia, saúde e educação, vão ajudar o Estado na luta contra o mosquito transmissor do vírus 

     
    Mais uma ação do Governo de Pernambuco no combate ao mosquito Aedes  Aegypti e ao Zika Vírus foi discutida nesta segunda-feira (13.06). Em reunião com o Cônsul Geral dos Estados Unidos no Recife, Richard Reiter, o governador Paulo Câmara recebeu a proposta de um projeto multidisciplinar, que será desenvolvido em Pernambuco por empresas americanas, em parceria com as secretarias de Saúde, Educação e Ciência, Tecnologia e Inovação. Com a participação das instituições envolvidas e do Consulado dos EUA, uma nova reunião será realizada, no final do semestre, para definir a participação e atuação de cada setor e suas responsabilidades.
     
    “Uma das nossas maiores preocupações neste momento é combater o mosquito e, consequentemente, o vírus Zika e outras doenças que são transmitidas por ele. O Estado vem trabalhando forte nessa luta, e parcerias como essa chegam para fortalecer ainda mais o que já esta sendo feito”, declarou Câmara, lembrando que um encontro já foi realizado, em março deste ano, entre a Secretaria de Saúde e o Consulado Americano para levantamento das principais dificuldades e necessidades da nova empreitada.

    Para Reiter, a iniciativa é um ponto de partida para a disseminação do projeto em outras regiões do Brasil. “As empresas nos apresentaram algumas ideias e nós escolhemos Pernambuco para iniciar essas atividades. Chamamos de força tarefa. Acreditamos que juntos podemos enfrentar o mosquito e minimizar os efeitos trágicos que ele vem causando na sociedade”, afirmou.
     
    SOLIDARIEDADE – Durante o encontro, o governador se solidarizou pelo massacre que matou 50 pessoas e feriu outras 53, na madrugada do último domingo (12), na boate Pulse, na cidade Orlando, na Flórida. “Um momento triste, não só para os EUA, mas para o mundo todo. Precisamos cada vez mais discutir o assunto para evitar que o preconceito gere mais ações como esta”, pontuou.  
     
    Estiveram presentes no encontro ainda o Cônsul Comercial dos EUA, Erick Olson; a assessora da Área Comercial  do Consulado, Fabíola Rios; o secretário da Assessoria Especial, José Neto;  a secretária executiva de Relações Internacionais da Assessoria Especial, Patrícia Lyra; e a gerente de Articulação Internacional da Secretaria Executiva de Relações Internacionais, Iane Mendonça. 
     
    Texto: Débora Bandeira | SEI
    Crédito das fotos: Wagner Ramos | SEI
    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Boa Visão capacita triadores indígenas

    Boa Visão 

    Objetivo é capacitar profissionais para avaliar estudantes de escolas indígenas

    Desde que foi lançado, em 2012, o Programa Boa Visão já realizou mais de 78,9 mil consultas voltadas para beneficiar estudantes e profissionais de escolas públicas estaduais. A partir desta segunda-feira (13/06), o Boa Visão passa a capacitar triadores indígenas de seis municípios do Sertão do Moxotó, que serão responsáveis por realizar a triagem de acuidade visual em 52 escolas estaduais indígenas. A capacitação aconteceu na sede da Gerência Regional de Educação de Arcoverde, às 9h.

    Durante a capacitação, que terá aulas teóricas e práticas, os profissionais serão apresentados ao Programa e conhecerão os pontos fundamentais da saúde ocular. “Todo o trabalho será focado na realização da triagem de acuidade visual, que é a capacidade de perceber a forma e o contorno dos objetos. Nosso objetivo é que todos saiam aptos a reconhecer sinais de problemas visuais”, explica a coordenadora do Programa Boa Visão, Mayra Ramos.

    Após a triagem, caso seja necessário, os alunos diagnosticados com problemas de visão serão encaminhados para consultas com especialistas, que serão realizadas na Unidade Pernambucana de Atenção Especializada (UPAE) de Arcoverde. “Desde março, a UPAE de Arcoverde é nosso parceiro e vem realizando as consultas na Região. É importante lembrar que, caso os médicos avaliem que há a necessidade do uso dos óculos, os estudantes fazem a solicitação no mesmo dia da consulta e recebem em um prazo de 60 dias. Todos são feitos pelo Lafepe”, completa Mayra.

    Além da UPAE de Arcoverde, as unidades de Afogados da Ingazeira, Limoeiro, Belo Jardim e Serra Talhada, no Sertão do Estado, também já realizam as consultas do Projeto Boa Visão. Lançado em 2012, até então, as consultas do Projeto eram realizados apenas por prestadores de serviço.

    Dados – O Projeto Boa Visão é um programa do Governo de Pernambuco que busca melhorar o desempenho e desenvolvimento das crianças e jovens em idade escolar e dos profissionais da educação, contribuindo para aumentar o rendimento em sala de aula, evitando a evasão escolar. Desde o início do Projeto, já foram realizadas 78.962 consultas oftalmológicas. Foram entregues 44.888 óculos corretivos e 962 escolas estaduais foram beneficiadas.

      

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Galpão de Triagem de São José da Coroa Grande será inaugurado na próxima segunda-feira (13)

     

    O Instituto de Tecnologia de Pernambuco (Itep), a Prefeitura Municipal de São José da Coroa Grande e a Associação de Catadores de Materiais Recicláveis Boa Esperança (ACMR Boa Esperança) promoveram, nesta segunda-feira (13), às 10h, a inauguração do Galpão de Triagem da ACMR Boa Esperança, situado no Loteamento Boa Vista 4, s/nº, Bairro Boa Vista em São José da Coroa Grande. O galpão é importante obra de apoio à coleta seletiva realizada pelos catadores da ACMR Boa Esperança.

    A instalação do galpão integra as atividades do Projeto Recicla PE, executado pelo Itep, por meio de parceria com as Secretarias Estaduais de Meio Ambiente e Sustentabilidade e de Desenvolvimento Econômico, sendo financiado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDES) e a PetroquímicaSuape. Também receberam galpões de triagem os municípios de Tamandaré, Sirinhaém, Garanhuns, Arcoverde e Serra Talhada.

    O galpão de triagem do Projeto Recicla PE possui 269 m², oferece área de armazenamento, triagem e prensagem com escritório, refeitório, sala de reunião, reservatórios inferior e superior de água, pátio de descarga, três banheiros (um para pessoas com deficiência) e será entregue equipado com prensa, balança, big bag, bobonas, carrinhos para bobonas, armários, mesas, cadeiras, microcomputador e equipamentos de segurança e proteção individual e coletivo.

    O galpão vai beneficiar catadores de materiais recicláveis do município, que atuavam em ambiente inóspito para o trabalho, comprometendo a eficácia e a qualidade das atividades internas de armazenamento, triagem, prensagem e, por fim, o valor agregador dos materiais recicláveis advindos da implantação e implementação da coleta seletiva.

    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post: