meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • Eduardo Campos abre 45ª temporada da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém

    | Cultura

    sO governador Eduardo Campos prestigiou a pré-estreia da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém na noite desta quinta-feira (29). Acompanhado da primeira-dama, Renata Campos, e do coordenador geral do espetáculo, Robinson Pacheco, ele recebeu lideranças políticas de outros estados, servidores públicos, estudantes e patrocinadores do espetáculo. A paixão de Cristo de Nova Jerusalém tem apoio cultural do Governo do Estado e fica em cartaz até o dia 07 de abril.

    “Há 45 anos esse espetáculo nos lega a emoção enorme de poder ver, aqui no coração do nosso Agreste, essas cenas que falam às nossas consciências e aos nossos corações”, comentou o governador, ao final da apresentação, que dura cerca de três horas.

    Presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia (PT-RS) fez sua estreia em Nova Jerusalém, cidade cenográfica montada no município de Brejo da Madre de Deus, a 180 km do Recife. “Como cristão, me emocionei muito com essa produção fantástica que retrata de forma clara e objetiva o que foi aquela época”. “Está de parabéns o povo de Pernambuco”, disse o parlamentar.

    Além do gaúcho, estiveram na pré-estreia os deputados federais Arlindo Chinaglia (líder do Governo), Jilmar Tatto (líder do PT), Fábio Ramalho (PV-MG), Vaz de Lima (PSDB-SP) e Elcione Barbalho (PMDB-PA). Os pernambucanos Fernando Bezerra Filho (PSB), Roberto Teixeira (PP) e Bruno Araújo (líder do PSDB) também marcaram presença.

    Para Eduardo, a vinda de parlamentares de diferentes lugares do Brasil ajuda a “vender“ o espetáculo: “É uma prova do carinho e do respeito que eles têm pelo nosso estado e uma oportunidade de mostrarmos a expressão e a força da cena cultural pernambucana”, afirmou.

    PERNAMBUCO DE TODAS AS PAIXÕES – Além da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém, o Governo do Estado apoiou este ano 18 outras encenações de menor porte. O valor repassado para esses espetáculos dobrou em relação ao ano passado e chegou aos R$ 600 mil.

    Cidades: Brejo da Madre de Deus
    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Governo lança edital de corredor Norte-Sul na Agamenon Magalhães

    | Transporte, Administração

    hA mobilidade urbana da Região Metropolitana do Recife no foco do Governo de Pernambuco. Nesta quinta-feira (29), o governador Eduardo Campos e o secretário das Cidades, Danilo Cabral, lançaram o edital de licitação para o início das obras da 2.º etapa do corredor Norte-Sul, durante entrevista coletiva no Palácio do Campo das Princesas. O certame será publicado nesta sexta-feira (30), no Diário Oficial do Estado, e nos veículos impressos de grande circulação do estado.

    Para Eduardo, o corredor Norte-Sul vai beneficiar todos os passageiros que diariamente fazem esse trajeto norte-sul. Os números apontam para quase 350 mil passageiros, que anseiam por um transporte público mais ágil e pontual. “É impossível ficar na Agamenon Magalhães em horários de pico com 5 km/h e as pessoas num ônibus lotado e em pé. Ou seja, quem vive essa realidade é quem está nos pedindo que tenhamos a coragem de fazer essas intervenções”, afirmou o governador.

    Esta etapa prevê obras em 4,7 km da Avenida Agamenon Magalhães, da antiga fábrica do Tacaruna até o Terminal Joana Bezerra. São R$ 110 milhões para a construção de um corredor exclusivo de ônibus, a pavimentação de toda a via, cinco passarelas para pedestres e nove estações climatizadas e informatizadas, com painéis fornecendo os horários das linhas. As estações, com capacidade de até 1.200 passageiros, serão erguidas sobre o canal da Agamenon - no canteiro central da via – a uma distância média de 400 metros umas das outras.

    O projeto prevê ainda o alargamento dos dois viadutos da Avenida João de Barros, e o alargamento do pontilhão de cruzamento das ruas Dr. Leopoldo Lins e Buenos Aires. “É uma decisão política de valorização do transporte público de passageiros. O transporte individual vai aumentar em 50% a velocidade média, atualmente em 20 km/h. Já os ônibus vão ganhar até 2x mais, chegando a 60 km/h. Melhorando o transporte público, convencemos mais pessoas a deixarem os carros e utilizarem os coletivos.”, disse Danilo Cabral.

    Das passarelas, quatro se interligam aos viadutos da Paissandu, Bandeira Filho, Rui Barbosa e Joaquim Nabuco, e uma outra ao Shopping Tacaruna, em Santo Amaro. Os pedestres terão acesso ao equipamento por meio de elevadores e escadas. As passarelas serão interligadas às estações de TRO que ficarão localizadas ao longo do canteiro central da Avenida Agamenon Magalhães.

    Corredor Norte-Sul – A 2.º etapa do corredor Norte-Sul se integra à primeira etapa – de Igarassu ao centro do Recife -, cujas obras começaram em janeiro deste ano ao valor R$ 151 milhões. A intervenção passa ainda pelos municípios de Abreu e Lima, Paulista e Olinda, atendendo a 146 mil passageiros. O percurso total é de 33,2 km, com 33 estações interligadas a quatro terminais integrados: Igarassu, Abreu e Lima, Pelópidas Silveira e PE-15.

    Quando totalmente concluído, o Corredor Norte-Sul vai integrar-se ao Sistema de Metrô e aumentar em quatro vezes a procura pelo modal. Hoje, o transporte é utilizado por 100 mil pessoas. As estruturas dos corredores também foram projetadas para suportar outros modais, a exemplo do VLT (veículo leve sobre trilho). "Se daqui a alguns anos esse tipo de transporte for viável, financeiramente falando, o Estado estará preparado para fazê-lo, sem excluir ninguém por conta do preço alto das passagens", explicou Eduardo.

    Cidades: Abreu e Lima, Igarassu, Recife
    Assuntos: governo do estado, eduardo campos, corredor, agamenon magalhaes, danilo cabral, edital, licitacao
    Compartilhe: Link para o post:
  • Semana Santa terá reforço da Operação Lei Seca

    | Segurança, Trânsito

    sesMunicípios do Agreste pernambucano, região mais procurada por turistas para celebrar as comemorações da Semana Santa e encenações dos espetáculos da Paixão de Cristo, ganham, a partir deste final de semana, os bloqueios da Operação Lei Seca (OLS), que atua sob coordenação da Secretaria Estadual de Saúde (SES).

    As cidades de Caruaru e o distrito de Fazenda Nova, em Brejo da Madre de Deus, já contam com as blitzes a partir deste final de semana, sábado (31/03) e domingo (1º/04). Os bloqueios terão continuidade na semana seguinte, de quinta-feira (05/04) a sábado (07/04), incluindo o destino de Gravatá. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a expectativa é que 160 mil veículos sigam em direção ao Agreste durante o feriadão.

    A fiscalização também irá atuar em festas locais, como a tradicional Parada Obrigatória, em Caruaru, e o Passeio da Paixão, que reúne centenas de motociclistas. “As ações serão uma prévia para o São João, a maior festa do nosso calendário. Vamos continuar atuando nas duas frentes de trabalho, fiscalização e educação”, diz o secretário estadual de Saúde, Antonio Carlos Figueira.

    De acordo com o coordenador-executivo da Operação Lei Seca, major André Cavalcanti, a expectativa é abordar uma média de 200 veículos por equipe. Serão três bloqueios distribuídos nos principais pontos estratégicos, como as entradas das cidades e as principais vias de Caruaru, Fazenda Nova e Gravatá.

    INTERIORIZAÇÃO – Em janeiro, quando acontecem os festejos de São Sebastião, os municípios de Trindade, Ouricuri e Araripina, localizados no Sertão do Araripe, foram os primeiros a receber as blitzes, dando início à interiorização da Lei Seca no Estado. Este mês, os pontos de fiscalização também acompanham o calendário festivo de Pernambuco, com a Semana Santa. As próximas ações acontecerão no São João, em junho.

    Cidades: Brejo da Madre de Deus, Caruaru, Gravatá
    Assuntos: blitz, semana, santa, operação, lei, seca, pernambuco, agreste, recife
    Compartilhe: Link para o post:
  • Eduardo entrega obras e ações em Cachoeirinha e Lajedo, no Agreste

    | Administração

    hO governador Eduardo Campos dedicou esta quarta-feira (28/03) a entrega de um conjunto de ações em dois municípios do Agreste Meridional pernambucano. Em Cachoeirinha, ele inaugurou o sistema de abastecimento de água e a Academia das Cidades do município. Já em Lajedo, o governador teve um agenda mais extensa com o lançamento do Programa Territórios Produtivos, a inauguração de outra Academia das Cidades e visita ã várias obras.

    Com o novo sistema de abastecimento, Cachoerinha, que passava até 60 dias sem receber água, sai da lista de racionamento. Foram construídas uma estação de tratamento de água (ETA), quatro estações elevatórias, três reservatórios e uma adutora com extensão total de 38 quilômetros. As cidades vizinhas Agrestina, Altinho e Ibirajuba também foram beneficiadas pelas obras. No total, foram investidos R$ 21,6 milhões em recursos dos governos estadual e federal.

    nAo discursar, Eduardo lembrou de outra importante obra para o abastecimento d’água na região: a Adutora do Agreste. O projeto, que está incluso no PAC 2, já está em fase de elaboração. “A Transposição do São Francisco tem dois braços. Do que vai na direção da Paraíba nós vamos drenar água para essa adutora que será a redenção por mais de 50 anos de todas as cidades do Agreste”.

    “Além de comprar água de carro-pipa, ainda gastávamos com energia para bombear a água para caixa d’água. Mas agora temos água pelo menos duas vezes por semana na torneira e ela ainda vem com pressão para subir para caixa”, comemorou a professora aposentada, Marluce Cintra.

    Além de mais água nas torneiras, os moradores de Cachoeirinha ganharam uma Academia das Cidades. O equipamento ocupa uma área 3.235,00 m², localizado na Avenida Boa Vista, no acesso pela BR-423. O espaço, que recebeu um investimento de cerca de R$ 320 mil, conta com quadra poliesportiva, corredor de exercícios com equipamentos de ginástica e alongamento, além de espaços de convivência com mesas de jogos, playground e pista de Cooper.

    n“Agora a gente pode fazer caminhada. Antes tínhamos que fazer nas ruas, mas era muito ruim porque era cheia de subidas e descidas”, explicou a merendeira Maria de Lourdes Cavalcanti.

    FESTA – Em Lajedo, na presença de centenas de agricultores rurais que lotaram o Clube Resplendor, o governador Eduardo Campos entregou títulos de propriedade de terra a mil agricultores de 19 municípios do Agreste Meridional. A ação, que contou com R$ 595 mil em investimentos, faz parte de um convênio celebrado entre o Governo de Pernambuco e o Ministério do Desenvolvimento Agrário.

    “Nós sabemos que o título de propriedade é um sonho desses agricultores que vivem numa angústia de envelhecerem e não terem um papel que garanta para os seus filhos que aquele terreno lhes pertence. Este ano estamos entregando 21 mil títulos de posse, em 2013 serão 50 mil, e até 2014 vamos beneficiar 120 mil agricultores rurais”, assegurou Eduardo.

    hHá cerca de 30 anos, Dona Maria Carmelita da Silva planta feijão, milho e mandioca. Só faltava à agricultora um documento que comprovasse a posse da terra. “Esse sempre foi meu sonho, mas eu não tinha condições de pagar para ter esse título. Mas agora esse papel vai me ajudar a fazer empréstimo e poder pedir minha aposentadoria”, comemorou.

    Além de acabar com os conflitos por posse de terra, o documento assegura aos agricultores o acesso ao crédito agrícola e também a benefícios previdenciários como a aposentadoria. Os agricultores beneficiados são dos municípios de Lajedo, Jurema, Lagoa do Ouro, Jupi, Paranatama, Iati, São João, Saloá Garanhuns, Palmeirina, Terezinha, Angelim, Bom Conselho, Brejão, Caetés, Correntes, Calçados, Canhotinho e Jucati.

    Na mesma solenidade, Eduardo lançou o Programa Territórios Produtivos, uma grande parceria com os prefeitos de vários municípios pernambucanos. A ação, que conta com investimentos da ordem de US$ 135 milhões, vai fortalecer as cadeias produtivas do Agreste, aumentando o nível da produção e renda dos produtores e produtoras rurais. “Não haverá mais aquele pedido pontual para um município do território porque o foco será em todos os produtos que seguram milhares de pernambucanos que estão no campo”, explicou Eduardo.

    sA ação beneficiará 180 municípios pernambucanos, onde serão elaborados 57 planos, contemplando as seguintes cadeias produtivas: Apicultura e Meliponicultura, Artesanato, Bovinocultura de Leite, Caprinovinocultura de Corte, Caprinocultura de Leite, Fruticultura, Grãos, Horticultura Orgânica, Mandiocultura, Inhame, Pesca Artesanal, Piscicultura e Turismo Rural.

    Fechando sua agenda em Lajedo, Eduardo entregou 150 colméias para apicultores, visitou a Usina Experimental de Valorização Energética da Manipueira, e esteve no canteiro de obras da Escola Técnica do Município e das 84 casas do Loteamento Frei Damião. Também inaugurou uma Academia das Cidades.

    Cidades: Angelim, Bom Conselho, Brejão, Cachoeirinha, Caetés, Calçados, Canhotinho, Correntes, Garanhuns, Iati, Jucati, Jupi, Jurema, Lagoa do Ouro, Lajedo, Santa Terezinha, São João, Terezinha
    Assuntos: Não há assuntos relacionados.
    Compartilhe: Link para o post:
  • Senado autoriza PE a receber verba do Banco Mundial em tempo recorde

    | Economia, Administração

    O presidente do Senado, José Sarney, avisou pelo telefone ao governador Eduardo Campos, às 17h30 desta quarta-feira (28/03), que foi aprovada a mensagem 26/2012, que autoriza o Governo de Pernambuco a receber financiamento de 500 milhões de dólares para investimento no Estado.

    A mensagem, assinada pelo presidente em exercício, Marco Maia e apoiada pelos três senadores pernambucanos, contatados pessoalmente pelo governador, teve tramitação extremamente rápida. Foram necessárias apenas 24h entre a leitura oficial, feita no plenário pela vice-presidente Marta Suplicy (PT-SP), e a aprovação em caráter terminativo.

    Além dos parlamentares pernambucanos, muitos outros senadores ajudaram a agilizar a tramitação e a assegurar a aprovação. Entre os que mais atuaram, estão Armando Monteiro Neto, Humberto Costa, Jarbas Vasconcelos, Lídice da Mata (relatora), Antônio Carlos Valadares, Wellington Dias, Delcídio Amaral, entre outros.

    A próxima etapa será a assinatura do contrato com o Banco Mundial em 10 de abril, em Washington. A operação, na modalidade DPL, disponibiliza os recursos para o estado com a única condição de serem utilizados em investimento, sendo vedado o uso no custeio de atividades administrativas.

    No caso, o DPL de Pernambuco financiará a implantação das UPAs Especialidades, a rede de escolas técnicas e o programa Caminhos da Integração, que melhora a malha viária do estado com a recuperação de trechos deficientes e a implantação de novas rodovias.

    Assuntos: senado, eduardo campos, jose sarnei financiamento, investimento
    Compartilhe: Link para o post:
  • Programa Cão-Guia em Pernambuco

    | Direitos Humanos

    sedsdhLaura Gomes, secretária de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SEDSDH), está em São Paulo, onde reuniu com Linamara Rizzo Battistelle, secretária dos Direitos da Pessoa com Deficiência, com o objetivo de conhecer o Programa “Cão-Guia” e trocar experiências de acessibilidade. O projeto funciona em parceira com a Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo – USP.

    Visando implantar o programa “Cão-Guia” em Pernambuco, Laura Gomes, destaca que a ação vai proporcionar as pessoas com deficiência visual mais autonomia e independência. “A partir do momento que a sociedade respeita as diferenças, estamos oferecendo as pessoas com deficiências as mesmas oportunidades para uma vida participativa e produtiva”, ressaltou.

    Na oportunidade, Laura visitou também naquela capital, a Fundação Dorina Nowill para Cegos, que é um instituição filantrópica brasileira voltada à ampla integração dos deficientes visuais à sociedade. Atualmente a instituição distribui livros em Braille para cerca de 800 escolas, entidades de atendimento e três mil cegos individuais.

    De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), das 24,6 milhões de pessoas que relataram ter alguma deficiência no Censo 2000, quase 150 mil declararam se cegos. Em contraponto, no Brasil existem apenas 70 cães-guias, o que significa que apenas 0,47% dos deficientes visuais tem a oportunidade de se tornar um utilizador.

    Assuntos: acessibilidade, programa, cão-guia, pernambuco, sedsdh
    Compartilhe: Link para o post:
  • Complexo de Suape inicia projeto Porto sem Papel

    | Suape, Tecnologia

    suapeNesta segunda-feira (26), o Complexo de Suape deu início ao plano de implantação do Portal de Informações Portuárias e do Sistema Concentrador de Dados do projeto Porto sem Papel (PSP). Um seminário gerencial foi realizado no auditório do Centro Administrativo de Suape com o intuito de apresentar detalhes do PSP, além das principais características do Sistema de Dados.

    O encontro contou com a presença de representantes da Secretaria dos Portos da Presidência da República (SEP), autoridades portuárias, autoridade marítima, Polícia Federal, Anvisa, VISIAGRO e sindicatos das Agências Marítimas do Estado. A parte da tarde foi reservada para os treinamentos de gestão de conteúdo do Portal e do sistema de cadastro das informações.

    O vice-presidente do Complexo, Frederico Amancio, ressaltou que o Porto sem Papel é fundamental para a modernização dos portos. “Acredito muito no sucesso do projeto, principalmente se tivermos o apoio e a integração de todos os órgãos envolvidos no processo”.

    Os treinamentos para cadastrar, operar e gerenciar os dados no Portal acontecem entre os dias até o dia 29 de março. Paralelamente às atividades de capacitação, serão realizadas, durante toda a semana, reuniões técnicas entre os representantes da SEP, autoridade portuária e Serviço Federal de Processamento de Dados (SERPRO) – órgão responsável pelo desenvolvimento do sistema-, para detalhamento dos sistemas e rotinas existentes nos portos.

    O PROJETO – Idealizado pela Secretaria dos Portos da Presidência da República (SEP), foi concebido para criar um mecanismo único e informatizado, que integre, em um banco de dados, todas as informações relativas à estadia de navios nos portos brasileiros, o projeto visa eliminar o trâmite de documentos, além de reduzir o tempo de permanência das embarcações nos terminais portuários.

    O objetivo é facilitar o fornecimento de todas as anuências para a atracação, operação e desatracação da embarcação, armazenando todas as informações necessárias aos órgãos competentes, de modo que os dados sejam enviados apenas uma vez. Na prática, o agente ou armador acessa o portal do programa utilizando uma identidade digital e insere as informações nesse sistema único. Essa base de dados poderá ser consultada pela Anvisa, Marinha, Ministério da Agricultura, Polícia Federal e Autoridade Portuária.

    Cidades: Ipojuca
    Assuntos: suape, projeto, porto, sem, papel
    Compartilhe: Link para o post:
  • Artesanatos produzidos por agricultores pernambucanos despertam o interesse paquistanês

    | Agricultura, Cultura

    Acompanhada por técnicos do IPA, a delegação paquistanesa que visita Pernambuco, até a próxima sexta-feira, esteve, ontem (27/03), na Secretaria de Ação Social do município de Machados. Lá, os especialistas daquele país conheceram o trabalho de extensão rural em artesanatos feitos com o beneficiamento da palha e da fibra da banana, por agricultores familiares das associações de trabalhadores rurais, Maria Auxiliadora e Jovens de Fibra.

    Vinte famílias das duas associações desenvolvem todo trabalho manualmente, retirando a fibra e a palha da bananeira, com a fruta ainda no pé, o que não causa prejuízos à produção. Do beneficiamento da banana são produzidos licores, doces, banana chips e banana passa.

    Da palha e da fibra é obtida toda uma linha de produtos artesanais, que garantem o complemento da renda familiar. “É muito importante para nós realizarmos uma atividade tão gratificante, que ainda garante a empregabilidade no campo”, completou o agricultor e artesão, Antônio Mota.

    Entusiasmado com o projeto, o coordenador da missão, Kamal Majmullah, propôs uma parceria ao prefeito de Machados, Manuel Plácido, para capacitar pequenos produtores paquistaneses. O estado de Sind, no Paquistão, possui 28 mil hectares explorados com a cultura e nenhum outro produto, além do fruto é aproveitado. À tarde, a delegação visitou o Centro de Treinamento do IPA, em Carpina.

    Cidades: Carpina
    Assuntos: artesanato, missão, paquistanesa, pernambuco, agricultores
    Compartilhe: Link para o post:
  • Delegacia de Crimes Contra Propriedade Imaterial volta a funcionar em novo endereço

    | Segurança, Administração

    A Polícia Civil de Pernambuco informa que a Delegacia de Crimes contra a Propriedade Imaterial (antiga Pirataria), comandada pelo novo delegado Germano Cunha Bezerra, retomou seus trabalhos nesta terça-feira (27), em outro endereço. A unidade policial funciona agora na Rua Visconde de Suassuna, nº 164, no bairro da Boa Vista, Recife. O local era a antiga sede da Delegacia de Repressão ao Estelionato, que passou a desempenhar seus trabalhos na nova sede do Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais, situado a Avenida São Miguel, nº 268, com previsão de inauguração para o próximo mês. A Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas também já foi transferida para o prédio do Depatri.

    SERVIÇO:
    Telefones para contato:
    Delegacia de Crimes contra a Propriedade Imaterial – 3184.3384/3385/3386
    Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas – 3182.5467/5468/5469
    Delegacia de Repressão ao Estelionato – 3182.6022/6023/6024

    Cidades: Recife
    Assuntos: policia, civil, delegacia, crimes, propriedade, imaterial, pirataria, endereço, contato
    Compartilhe: Link para o post:
  • Alunos da UFPE Caruaru promovem trote solidário em prol de doação de sangue

    | Saúde

    hemopeOs universitários do curso de engenharia do Centro Acadêmico do Agreste da UFPE promoveram de 05 a 09 de março o Trote Solidário “Engenhando e Produzindo o Bem”, contemplando ações de doação de sangue junto ao Hemope Caruaru.

    O Projeto Trote Solidário consistiu em promover uma Campanha junto ao Hemope incentivando a doação de sangue, visando aumentar o número de doadores e estimular novas doações. O Projeto teve orientação do Professor Nélio Vieira de Melo, que apresentou objetivo de despertar aos universitários para uma sociedade mais fraterna.

    Para a captadora do Hemope Caruaru, Maria Menezes, ações solidárias como essas são de extrema importância para o processo de educação para a doação voluntária de sangue. “É função de extrema importância conscientizar os universitários do seu papel solidário e humanístico de doar sangue para salvar vidas”, frizou.

    Cidades: Caruaru
    Assuntos: alunos, ufpe, trote, doação, sangue, hemope
    Compartilhe: Link para o post: