meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

  • #114 || Pernambuco contra o novo coronavírus

    | Comunicação, Saúde

    Sábado, 06.06.2020

    CORONAVÍRUS | A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, neste sábado (6), 850 novos casos de Covid-19 no Estado - são 39.361 no total. Entre aqueles confirmados hoje (6), 199 se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 651 são casos leves. Do total de 39.361 ocorrências, 15.696 são graves e 23.665 leves. O número de pessoas recuperadas da doença é 21.485. Também foram computados 65 novos óbitos, ocorridos desde 20 de abril. Com isso, o Estado soma 3.270 mortes pela Covid-19. Confira os detalhes: https://bit.ly/2MzTRJB.

    DESACELERAÇÃO | Artigo publicado no Valor Econômico de ontem (5) avalia a evolução da pandemia. A análise aponta que, no Brasil, as maiores desacelerações no coeficiente de propagação (Rt) ocorrem em Pernambuco, na Bahia e no Rio de Janeiro. E que, apesar do número alto de casos, o Brasil apresenta um movimento gradual de redução da velocidade de propagação. O artigo é assinado por Francisco Lopes, PhD pela Universidade de Harvard, ex-presidente do Banco Central e sócio da consultoria Macrométrica. https://bit.ly/2XBoc0K.

    PLANO DE CONVIVÊNCIA |Confira as datas previstas para reabertura gradual dos setores da economia, de acordo com o Plano de Convivência com a Covid-19 em Pernambuco. Ao longo das 11 semanas, o avanço do plano será reavaliado permanentemente.

    => Reabrem na próxima segunda (8):

    Comércio atacadista;

    Construção civil - voltará a funcionar com 50% de seu efetivo em horário livre;

    Shopping Centers - serviço de coleta por drive thru nos estacionamentos.

    Consulte as datas de reabertura dos demais setores: https://bit.ly/2MDiuFn.

    Protocolo Geral de convivência: https://bit.ly/2zWzlAo.

    Protocolos específicos para cada setor:

    Construção civil: https://bit.ly/378KiuO.

    Estética: https://bit.ly/3gXCxfB.

    Varejo: https://bit.ly/3cC9KtF.

    Comércio atacadista: https://bit.ly/2UcwOZq.

    Indústria de transformação, extrativa mineral e SIUP: https://bit.ly/376IYbS.

    ÔNIBUS | Com a retomada de parte das atividades econômicas, o Grande Recife aumentará a frota de linhas de maior demanda e vai disponibilizar ônibus extras em 16 terminais integrados. Assim, poderá aumentar em até 20% o número de viagens a depender do terminal. As regras continuam: os ônibus não poderão circular com número de passageiros além de sua capacidade máxima e continua obrigatório o uso de máscara. https://bit.ly/2UdKkMw.

    FAKE NEWS | Antes de repassar alguma notícia, confirme em fontes oficiais! Confira boatos já desmentidos: https://www.pecontracoronavirus.pe.gov.br.

    ATENDE EM CASA | O Atende em Casa passa orientações para pessoas com sintomas gripais, fazendo chamadas de vídeo com profissionais da área de saúde quando necessário. O app conta com 76,7 mil usuários cadastrados e está disponível para mais de 8,8 milhões de moradores de 161 municípios - o equivalente a 92,9% da população do Estado. Acesse em www.atendeemcasa.pe.gov.br ou baixe em celulares com sistema Android.

    Para denunciar descumprimento das medidas ligue 190.

    Assuntos: sei, boletim, covid19
    Compartilhe: Link para o post:
  • Boletim Covid-19 - Comunicação SES-PE

    | Saúde

    Sábado, 06/06/2020

    A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, neste sábado (06.06), 850 novos casos da Covid-19 em Pernambuco. Entre os confirmados hoje, 199 se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 651 como leves. Agora, Pernambuco totaliza 39.361 casos já confirmados, sendo 15.696 graves e 23.665 leves.  Além disso, o boletim registra 21.485 pessoas curadas da Covid-19 no Estado. Desse total, 5.854 são de casos graves e 15.631 casos leves.

    Até agora, os casos graves confirmados da doença estão distribuídos por 164 municípios pernambucanos (tabela 1), além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes em outros Estados e países.

    Também foram confirmados laboratorialmente 65 óbitos (sendo 28 do sexo feminino e 37 do sexo masculino). Os novos óbitos confirmados são de pessoas residentes nos municípios de Recife (28), Itambé (5), Olinda (4), Paulista (4), Jaboatão dos Guararapes (2), Cabo de Santo Agostinho (2), Igarassu (2), Itapissuma (1), Ipojuca (1), Tamandaré (1), Surubim (1), Lagoa dos Gatos (1), Primavera (1), Aliança (1), Arcoverde (1), João Alfredo (1), Capoeiras (1), Paudalho (1), Agrestina (1), Caruaru (1), Garanhuns (1), Palmares (1),  Petrolina (1) e Terezinha (1), além de um paciente de outro Estado. Com isso, o Estado totaliza 3.270 mortes pela Covid-19.

    As mortes ocorreram entre os dias 20/04 e 05/06 e os pacientes tinham idades entre 21 e 100 anos. Dos 65 pacientes que vieram a óbito, 42 apresentavam comorbidades confirmadas: hipertensão (28), diabetes (16), doença renal (8), doença cardiovascular (3), doença de Alzheimer (2), tabagismo/histórico de tabagismo (2), histórico de AVC (2), doença pulmonar (2), histórico de câncer (1), etilismo/histórico de etilismo (1) e transplantado (1) - um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Seis não apresentavam comorbidades e os demais estão em investigação pelos municípios.

    As faixas etárias são: 20 a 29 (2), 30 a 39 (1), 40 a 49 (6), 50 a 59 (10), 60 a 69 (12), 70 a 79 (20), 80 ou mais (14).

    Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 11.622 casos foram confirmados e 13.393 descartados. As testagens abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública (estadual e municipal) ou privada. O Estado foi o primeiro do país a criar um protocolo para testar os profissionais da área da saúde.

    Assuntos: ses, saude, covid19
    Compartilhe: Link para o post:
  • Boletim Covid-19 - Comunicação SES-PE

    | Saúde

    Sexta-feira, 05/06/2020

    A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, nesta sexta-feira (05.06), 1.004 novos casos da Covid-19 em Pernambuco. Entre os confirmados hoje, 205 se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 799 como leves. Agora, Pernambuco totaliza 38.511 casos já confirmados, sendo 15.497 graves e 23.014 leves.  

    Além disso, o boletim registra 20.983 pessoas curadas da Covid-19 no Estado. Desse total, 5.698 são de casos graves e 15.902 casos leves. Até agora, os casos graves confirmados da doença estão distribuídos por 164 municípios pernambucanos (tabela 1), além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes em outros Estados e países. 

    Também foram confirmados laboratorialmente 71 óbitos (sendo 36 do sexo feminino e 35 do sexo masculino). Os novos óbitos confirmados são de pessoas residentes nos municípios de Recife (30), Jaboatão dos Guararapes (3), Paulista (3), Chã Grande (2), Cupira (2), Ipojuca (2), Itambé (2), Sanharó (2), São Lourenço da Mata (2), Sirinhaém (2), Águas Belas (1), Aliança (1), Amaraji (1), Arcoverde (1), Barreiros (1), Bonito (1), Camaragibe (1), Caruaru (1), Feira Nova (1), Frei Miguelinho (1), Goiana (1), Gravatá (1), Moreno (1), Paudalho (1), Ribeirão (1), São Benedito do Sul (1), São Bento do Una (1), São José da Coroa Grande (1), São José do Egito (1), Timbaúba (1) e Vitória de Santo Antão (1). Com isso, o Estado totaliza 3.205 mortes pela Covid- 19. 

    As mortes ocorreram entre os dias 13/04 e 04/06 e os pacientes tinham idades entre 26 e 104 anos de idade, além de um bebê (sexo masculino) de 5 meses. Dos 71 pacientes que vieram a óbito, 31 apresentavam comorbidades confirmadas: hipertensão (18), diabetes (8), doença cardiovascular (5), obesidade (4), doença de Alzheimer (3), tabagismo/histórico de tabagismo (3), doença renal (3), doença pulmonar (2), doença de Parkinson (1), histórico de câncer (1), doença neurológica (1), dislipidemia (1) , doença hepática (1) e meningioma (1) - um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Dois não apresentavam comorbidades e os demais estão em investigação pelos municípios.

    As faixas etárias são: 0 a 9 (1), 20 a 29 (1), 30 a 39 (4), 40 a 49 (4), 50 a 59 (9), 60 a 69 (16), 70 a 79 (14), 80 ou mais (22). 

    Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 11.316 casos foram confirmados e 12.628 descartados. As testagens abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública (estadual e municipal) ou privada. O Estado foi o primeiro do país a criar um protocolo para testar os profissionais da área da saúde. 

    "É relevante reforçar a importância do plano de convivência que começa na próxima segunda-feira, de forma segura e gradual. Têm surgido comentários que são prematuras as decisões de reabertura das atividades, temos muito respeito por estas posições, mas precisamos voltar a esclarecer que nada será feito de forma insegura. Estas ações estão em concordância com a avaliação do comitê, que avalia os dados diariamente. Estas medidas estão sendo possíveis pelo resultado da colaboração dos pernambucanos, que entenderam a nossa mensagem e adotaram medidas de proteção e de isolamento. Então, essa possibilidade de reabertura que vislumbramos hoje é também um reflexo direto desse trabalho que todos nós fizemos ao longo desse período, que envolveu a vigilância da doença, desde o início da pandemia, e também o maior esforço da abertura de novos leitos da história do nosso Estado. Ao longo dos próximos dias, novos leitos serão abertos pela Prefeitura do Recife e também pelo Estado (Brites de Albuquerque, em Olinda; Hospital Mestre Vitalino, em Caruaru; e Dom Moura, em Garanhuns", afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo.  

    Assuntos: ses, saude, covid19
    Compartilhe: Link para o post:
  • Instituições do sistema socioeducativo discutem desafios pós-pandemia

    | Saúde, Direitos Humanos


    Funase covid19

    Testagem para a Covid-19 e aquisição de EPIs estiveram na pauta da 1ª Reunião Técnica 2020 do Fonacriad, de abrangência nacional e com participação da SDSCJ e da Funase

    Representantes das 27 unidades federativas concluíram, na tarde desta sexta (5), discussões sobre o atendimento a adolescentes e jovens em conflito com a lei durante a pandemia da Covid-19. O tema foi debatido durante a 1ª Reunião Técnica 2020 do Fórum Nacional de Dirigentes Governamentais de Entidades Executoras da Política de Promoção e Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Fonacriad), que ocorreu de forma virtual. Durante os três dias do evento, Pernambuco foi representado pela gerente geral do Sistema Socioeducativo da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ), Suelly Cysneiros, e pela presidente da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase), Nadja Alencar, que também é segunda secretária do Fonacriad.

    Em pauta, assuntos como a oferta de testes para detecção do novo coronavírus entre adolescentes e funcionários do sistema socioeducativo e os caminhos para suprir as unidades de atendimento com equipamentos de proteção individual (EPIs). Os gestores dos estados ainda realizaram discussões sobre modelos para a operação desse setor após a fase aguda da pandemia da Covid-19, que continuará demandando cuidados especiais para os socioeducandos, para o momento de retomada das visitas a esse público e para a jornada de trabalho dos servidores. Além da abordagem às questões sanitárias, houve a participação da Escola Nacional de Socioeducação (ENS) e da coordenadora-geral do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase), Giselle Cyrillo.

    “Discutimos sobre como será esse processo de retomada, sabendo que a doença ainda está aí, sem remédios totalmente eficazes, sem vacina, colocando a necessidade de convivermos com ela por mais algum tempo e considerando que nosso serviço é essencial e não parou durante esta pandemia. Os estados estão começando a formular estratégias de atendimento”, afirmou a presidente da Funase, Nadja Alencar, que, ainda durante a reunião, fez uma apresentação sobre o tema “Gestão de Pessoas: atos normativos, boas práticas e reflexos no atendimento aos adolescentes”. “É sempre bom ampliar os horizontes da prevenção, não só oferecendo proteção específica, mas também reconhecendo e lidando com a multicasualidade, por meio de ações intersetoriais, como propõe o Fonacriad”, completou a coordenadora do Eixo Saúde da Funase, Mirtes Martins, que participou do terceiro dia do evento.

    Em Pernambuco, a participação virtual na reunião ocorreu a partir da sede da Funase, no Recife, e também foi acompanhada pelas assessoras técnicas de Unidades de Internação e de Casas de Semiliberdade da instituição, Viviane Sybalde e Vitória Barros, respectivamente. Já a condução do evento ocorreu a partir de Brasília, sob responsabilidade do subsecretário do Sistema Socioeducativo do Distrito Federal e presidente do Fonacriad, Demontiê Alves Batista Filho.

     

    Imagem: Divulgação

    Assuntos: funase, cocid19, epi
    Compartilhe: Link para o post:
  • #113 || Pernambuco contra o novo coronavírus

    | Comunicação, Saúde

    Sexta, 05.06.2020

    CORONAVÍRUS | A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, nesta sexta (5), 1.004 novos casos de Covid-19 no Estado - são 38.511 no total. Entre aqueles confirmados hoje (5), 205 se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 799 são casos leves. Do total de 38.511 ocorrências, 15.497 são graves e 23.014 leves. O boletim aponta mais 225 pessoas recuperadas da doença, totalizando 20.983 curas. Também foram computados 71 novos óbitos, ocorridos desde 13 de abril. Com isso, o Estado soma 3.205 mortes pela Covid-19. Confira os detalhes: https://bit.ly/3dEiLDV.

    PLANO DE CONVIVÊNCIA | O Plano de Convivência das Atividades Econômicas com a Covid-19, apresentado na última segunda-feira (01/06) pelo Governo de Pernambuco, sofreu alguns ajustes. Confira:

    => Reabrem na próxima segunda (8):

    ▶️Comércio atacadista;

    ▶️Construção civil - voltará a funcionar com 50% de seu efetivo em horário livre, e não mais das 9h às 18h;

    ▶️Shopping Centers - serviço de coleta por drive thru nos estacionamentos.

    => Reabrem no dia 10:

    ▶️Clínicas e consultórios médicos, odontológicos e veterinários, óticas, clínicas de fisioterapia e de psicologia.

    => Reabrem no dia 15:

    ▶️Lojas de até 200 m² - vale para todo o comércio do Estado, no Centro e nos bairros;

    ▶️Serviços de venda, locação e vistoria de veículos;

    ▶️Salões de beleza e serviços de estética;

    ▶️Treinos de futebol profissional.

    Conheça o plano e o protocolo geral na íntegra:

    Plano de Convivência: https://bit.ly/2z4QpDA

    Protocolo Geral: https://bit.ly/2zWzlAo

    Protocolos específicos para cada setor:

    Construção civil: https://bit.ly/378KiuO

    Estética: https://bit.ly/3gXCxfB

    Varejo: https://bit.ly/3cC9KtF

    Comércio atacadista: https://bit.ly/2UcwOZq

    Indústria de transformação, extrativa mineral e SIUP: https://bit.ly/376IYbS

    TRANSPARÊNCIA | Todas as despesas realizadas pelo Governo de Pernambuco para combater a pandemia da Covid-19 já estão disponíveis para consulta em um novo painel no Portal da Transparência. O painel é atualizado diariamente e pode ser acessado aqui: http://web.transparencia.pe.gov.br/despesas/despesas-detalhadas-covid-19-2/.

    MEDIDAS E DECRETOS => As primeiras medidas adotadas para combater a disseminação da Covid-19 em Pernambuco datam de 14 de março, e desde então o Governo publicou alguns decretos restringindo a circulação e a aglomeração de pessoas. Consulte no site https://www.pecontracoronavirus.pe.gov.br.

    FAKE NEWS | Antes de repassar alguma notícia, confirme em fontes oficiais! Confira boatos já desmentidos: https://www.pecontracoronavirus.pe.gov.br.

    ATENDE EM CASA | Hoje (5), os municípios de Itambé, Nazaré da Mata e Machados passam a ser contemplados pelo Atende em Casa, ferramenta que passa orientações para usuários com sintomas gripais. Já são 161 municípios e mais de 8,8 milhões de pessoas beneficiadas - o equivalente a 92,9% da população do Estado. O app conta com 76,7 mil usuários cadastrados. Acesse em www.atendeemcasa.pe.gov.br ou baixe em sistema Android.

    Para denunciar descumprimento das medidas ligue 190.

    Assuntos: sei, boletim, covid19
    Compartilhe: Link para o post:
  • Estados do Nordeste recorrem ao STF contra transferência de R$ 83,9 milhões do Bolsa Família para publicidade

    Os Estados da Bahia, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Ceará, Rio Grande do Norte, Maranhão e Piauí questionam, mais uma vez, junto ao Supremo Tribunal Federal (STF), a concentração de cortes do Programa Bolsa Família no Nordeste. Em petição apresentada nesta sexta-feira (5/6) à Corte, os procuradores-gerais desses Estados pedem também a anulação dos efeitos da Portaria 13.474, de 02/06/2020, na qual o Ministério da Economia suspende o repasse de R$ 83.904.162,00, originalmente destinados ao Programa Bolsa Família, e os destina para a comunicação institucional do governo federal.

    Os cortes dos benefícios do programa estão suspensos enquanto durar a pandemia por força de liminar do ministro do STF Marco Aurélio Mello, de 23 de março, na Ação Cível Ordinária (ACO) 3359. Naquela decisão, o ministro também determinou que a União disponibilize dados que justifiquem a concentração de cortes de benefícios no Nordeste e dispense aos inscritos nos Estados-autores tratamento isonômico em relação aos beneficiários dos demais entes da Federação.
     
    “Esses dados nunca foram apresentados pelo governo federal e agora nos deparamos com essa transferência de recursos do programa para a publicidade. Pedimos que o STF determine que a União faça a recomposição dos R$ 83,9 milhões ao Bolsa Família e disponibilize os dados que justifiquem a concentração de cortes no programa no Nordeste, além de explicar por que os cortes continuam ocorrendo a despeito da liminar do ministro Marco Aurélio Mello”, explica o procurador-geral do Estado de Pernambuco, Ernani Medicis.
     
    Na petição desta sexta-feira dentro da ACO 3359, os procuradores-gerais argumentam que “as condutas da União afrontam diretamente o procedimento acautelatório exarado nos autos do processo, pois à mingua da disponibilização das informações aptas a justificar a concentração de cortes do Bolsa Família na Região Nordeste, ainda promovem significativos cortes no aludido programa que visa atender justamente a parcela da população brasileira mais vulnerável e em período de excepcional necessidade de calamidade sanitária”.
     

    "É inadmissível o desrespeito à ordem do ministro Marco Aurélio, para que fosse explicada pelo Governo Federal a odiosa concentração no Nordeste dos cortes dos benefícios do Bolsa Família. A decisão do ministro do STF também determinou que a população nordestina tivesse tratamento isonômico em relação aos beneficiários dos Estados de outras regiões. Não fosse a flagrante iniquidade da postura do Governo Federal, assombra o conteúdo da recente Portaria do Ministério da Fazenda que anula a dotação de quase R$ 84 milhões do Bolsa Família, transferindo, abrindo crédito para o Governo Federal gastar em comunicação institucional", afirmou o procurador-geral do Estado da Bahia, Paulo Moreno Carvalho. 

    DADOS – Segundo dados fornecidos pelo Ministério da Cidadania e divulgados em 03/06/2020, é possível se inferir que o Nordeste continua penalizado no que tange ao programa de distribuição de renda do governo federal, visto que no mês de maio de 2020 foram atendidas menos famílias que no mesmo período de 2019, mormente quando estamos em pleno quando de retração econômica decorrente da pandemia do coronavírus.
     
    Com informações da Ascom/PGE-BA
    Assuntos: pge, consorcio nordeste
    Compartilhe: Link para o post:
  • Pernambuco antecipa pontos do Plano de Convivência com a Covid-19

    | Economia, Saúde
     sec
     
    Em diálogo com representantes de setores econômicos, Governo de Pernambuco modifica datas de reabertura de alguns setores, por não apresentarem riscos à saúde dos trabalhadores 

    O Plano de Convivência das Atividades Econômicas com a Covid-19, apresentado na última segunda-feira (01.06), passará por ajustes para as próximas semanas. Parte dos 32 setores que voltarão a operar ao longo das 11 etapas previstas teve o cronograma antecipado ou sofreram alterações nas regras de funcionamento, para contemplar as especificidades de cada segmento. A partir de segunda-feira (08.06), além da reabertura do comércio atacadista, a construção civil voltará a funcionar com 50% de seu efetivo em horário livre, e não mais das 9h às 18h, como planejado anteriormente. Shopping centers também poderão oferecer o serviço de coleta por drive thru nos estacionamentos uma semana antes do previsto.

    Clínicas e consultórios médicos, odontológicos e veterinários, óticas, clínicas de fisioterapia e de psicologia, que retornarão às suas atividades no próximo dia 10. Antes, as atividades não possuíam data definida. Todas as orientações sobre os protocolos gerais e específicos a serem cumpridos pelas empresas, de forma a evitar a propagação da coronavírus, podem ser acessadas no site oficial  www.pecontracoronavirus.pe.gov.br.

    A reabertura gradual do varejo para lojas de até 200 metros quadrados funcionará ao mesmo tempo para todo o comércio do Estado, no Centro e nos bairros. Esses estabelecimentos estão autorizados a reabrir a partir do dia 15 de junho. Serviços de venda, locação e vistoria de veículos, que seriam retomados a partir da fase 4.4, também voltarão a funcionar na mesma data. 

    Salões de beleza e serviços de estética, cujo atendimento estava previsto para começar a partir do dia 15, continuam sem alterações. Esses estabelecimentos precisarão atender um cliente por vez, por agendamento, sem fila de espera e com higienização entre um cliente e outro, além de obedecer ao distanciamento de, pelo menos, 1,5 metro entre clientes. A partir da mesma data também poderão ocorrer os treinos de futebol profissional.

    As mudanças são fruto de um diálogo constante com as representações empresariais e estão de acordo com as normas de segurança no ambiente de trabalho, acertadas seguindo orientações do Comitê Socioeconômico de Enfrentamento ao Coronavírus do Governo de Pernambuco. O Plano de Convivência das Atividades Econômicas com a Covid-19 considera, prioritariamente, a relevância socioeconômica dos setores e os riscos que o retorno de cada atividade pode representar para a saúde da população. 

    A primeira etapa foi iniciada na última segunda-feira (01.06), com a liberação da operação de lojas físicas de material de construção, seguindo novos protocolos de atendimento, e com funcionamento exclusivamente por delivery do comércio não essencial, que esteve restrito nos 15 dias de intensificação da quarentena.

    De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Bruno Schwambach, há um esforço do Comitê Socioeconômico em ouvir permanentemente as lideranças setoriais para que o plano avance sem ampliar os riscos à população. O restabelecimento escalonado das atividades econômicas e a circulação de pessoas estarão sob avaliação, e o cumprimento do cronograma depende do comportamento das curvas de contaminação e de mortes provocadas pelo novo coronavírus.

    Atualmente, um grupo formado por agentes da Secretaria de Saúde de Pernambuco, em parceria com o Laboratório de Imunopatologia Keiso Asami (Lika), da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), além do Porto Digital, mantém atualizado o mapa do impacto da pandemia em todo o Estado.

    MONITORAMENTO REGIONAL - O Governo de Pernambuco está construindo, em conjunto com as prefeituras e a Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), uma forma de regionalizar o cronograma de reabertura das atividades econômicas. Para isso, será analisada a evolução da Covid-19 nas quatro macrorregiões de saúde do Estado (Região Metropolitana do Recife e Zona da Mata, Agreste e as duas regionais que dividem o Sertão pernambucano). No momento, as tratativas estão sendo conduzidas pelo governador Paulo Câmara com os prefeitos.

    A matriz de alerta e riscos de Pernambuco, definida pela Secretaria de Saúde, está atualmente definida em cinco níveis decrescentes, sendo o nível 5 o mais grave (crescimento do ritmo de contágio) e nível 1 o mais ameno (designado de “novo normal”). Na escala, o nível 4 representa a estabilização do ritmo de contágio, que era o resultado esperado pelo Governo do Estado para depois do período de intensificação da quarentena. Em seguida, nos níveis 3 e 2, estão a redução, de fato, do número de casos de contaminação.

    DECRETOS E OUTRAS MEDIDAS - As medidas adotadas pelo Governo de Pernambuco para combater a disseminação do novo coronavírus começaram em 14 de março, com decretos restritivos a eventos e áreas de aglomerações, que seguem em vigor para combate eficaz da pandemia. O acompanhamento das medidas e demais determinações relacionadas ao tema pode ser feito em tempo real pelo site https://www.pecontracoronavirus.pe.gov.br.
    Assuntos: sei, sdec, governo de pernambuco, plano de convivencia, covid19
    Compartilhe: Link para o post:
  • Compesa promove ciclo de palestras e atividades virtuais sobre meio ambiente e sustentabilidade

    | Meio Ambiente

    Em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado nesta sexta (05/06), a Compesa abriu o mês de junho com uma programação especial de atividades, cursos e palestras com foco na sustentabilidade. Serão 30 dias dedicados ao debate ambiental com o tema “Todos por um futuro sustentável”, que propõe a reflexão sobre as atitudes necessárias para a compreensão de que o homem, a natureza e seus recursos naturais são elementos indissociáveis. Os eventos do Mês do Meio Ambiente da Compesa serão virtuais e mediados por colaboradores da Companhia. O conteúdo poderá ser acessado pela plataforma Zoom e tem como alvo o público interno e convidados de instituições parceiras.  

    Na segunda-feira (01/06), a abertura do Mês do Meio Ambiente foi realizada pela presidente da Compesa, Manuela Marinho. Em seguida, Carlos André Vanderlei de Vasconcelos Cavalcanti abriu o ciclo de palestras com o tema “COVID-19 e o Meio Ambiente”. Carlos é diretor de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Complexo Industrial Portuário Governador Eraldo Gueiros (SUAPE) e foi por duas vezes secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco. 

    Entre os nomes confirmados para os encontros virtuais estão Clóvis Cavalcanti (UFPE), Samanta Della Bella (SEMAS/PE), Mônica Rocha (Urbano Vitalino), Abelardo Montenegro (URPE), entre outros. As palestras serão ministradas sempre por profissionais de diversas áreas do conhecimento ambiental, como professores universitários, gestores e militantes da causa ambiental. 

    O Mês do Meio Ambiente é realizado há quatro anos pela Diretoria de Articulação e Meio Ambiente da Compesa. A presidente da Companhia, Manuela Marinho, avalia a importância da iniciativa. “Nunca foi tão urgente debatermos a relação do homem com o meio ambiente e, nesse contexto, as práticas sustentáveis ganham ainda mais importância. Ao longo dos anos, a Compesa tem aprimorado suas ações com foco na universalização do saneamento sempre de acordo com as diretrizes ambientais”, avalia. 

    Ainda durante a programação, estão previstos o lançamento da versão atualizada da Cartilha de Licenciamento Ambiental, treinamentos em Licença e Outorga Ambiental, ISO 14.001:2015 e IS0 9.001:2015, e ainda haverá o incentivo para que os colaboradores calculem seu consumo de água, por meio da plataforma Pegada Hídrica. O tema educação ambiental também focará o público externo, com compesianos participando de vídeos educativos e ministrando palestras onlines para instituições de ensino e, por fim, a transmissão ao vivo de apresentação cultural com o tema do meio ambiente com a contadora de histórias Mariane Bigio.

    Assuntos: seinfra, compesa, ciclo de palestras, dia mundial do meio ambiente
    Compartilhe: Link para o post:
  • DETRAN-PE realiza ação de fluidez no trânsito no entorno dos hospitais da RMR

    | Trânsito

    detran

    O Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, por meio da Operação Trânsito Seguro – OTS, vem realizando ações de fluidez no trânsito nos corredores da Região Metropolitana do Recife – RMR, quando equipes de agentes de trânsito estão de plantão diariamente nos arredores dos hospitais de referência Covid-19 e também nos de campanha, com foco de evitar que veículos utilizem os estacionamentos destinados às ambulâncias e demais veículos emergenciais. 

    Segundo o Diretor de Engenharia e Fiscalização do DETRAN-PE, Sérgio Lins, os batedores do Órgão de trânsito, treinados em fluidez de emergência no deslocamento de ambulâncias, tem como objetivo auxiliar no percurso de socorro. Além disso, agentes da Operação Prevenção “Segundo que salvam vidas” vêm dando apoio as barreiras sanitárias que estão sendo realizadas pelas prefeituras dos municípios de Pernambuco, como também da realização de escolta de veículos que transportam pacientes carentes que fazem hemodiálise.  

    Assuntos: seduh, detran, operacao transito seguro
    Compartilhe: Link para o post:
  • Hoje é o Dia Mundial do Meio Ambiente

    | Meio Ambiente
    meio ambiente
     
    Nesta sexta-feira (5), comemora-se o dia Mundial do Meio Ambiente. E a gente começa o dia divulgando o resultado do trabalho integrado da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) e a prefeitura de Agrestina, município do Agreste.
     
    Sete animais, sendo três jabutis adultos e três filhotes, além de uma coruja-buraqueira, que eram criados em cativeiro, foram entregues voluntariamente à Prefeitura e esta acionou a CPRH.
     
    A analista ambiental da Agência, Joice Brito, foi até o município e fez o transporte dos animais para o Centro de Triagem de Animais Silvestres de Pernambuco (Cetas Tangara), onde os mesmos ficarão sob cuidados, até serem devolvidos à natureza. "É muito importante a gente contar com o apoio dos municípios, não só para informar sobre a importância e o papel dos animais na natureza, mas também por ser ponto de apoio para o recebimento dos silvestres", comentou a analista ambiental.
    Cidades: Agrestina
    Assuntos: semas, cprh, cetas tangara
    Compartilhe: Link para o post: