meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

Cinquenta e cinco cursistas do 3º curso de Mediação Comunitária, de 2019, participam de aula inaugural

| Direitos Humanos

 sedh

O evento, que foi realizado na tarde da quarta-feira (11), é um dos objetivos da SEDH em promover a cultura de paz nas comunidades

Com o objetivo de ampliar a cultura de paz nas comunidades, por meio do diálogo, que na quarta-feira (11) o Programa de Mediação de Conflitos (PMC), vinculado à Secretaria Executiva de Direitos Humanos (SEDH), deu início a 3ª turma do curso em Direitos Humanos e Mediação Comunitária de Conflitos, deste ano, com uma aula inaugural. Os cinquenta e cinco participantes, da turma, representam diversas comunidades do Recife e região metropolitana.

Declaração Universal dos Direitos Humanos, meios de resolução de conflitos extrajudiciais, diálogos e técnicas de mediação, rede socioassistencial, são alguns dos conteúdos a serem abordados em todo curso, que seguirá até o mês de outubro. Após a formação, os futuros mediadores e mediadoras, irão atuar nos núcleos de mediação, instalados dentro das comunidades, resolvendo conflitos entre familiares, vizinhos, de consumo, pensões alimentícias, acordo de visitas e outros.

Para o cursista, Kilder Costa, que teve conhecimento da formação, através de uma amiga, o interesse foi imediato. “Achei interessante o trabalho da secretaria, por desenvolver atividades de mediação de conflitos, direitos humanos e sociais, nos bairros. Fiz a inscrição do curso e será um crescimento para mim”, relata.

Ainda durante a abertura o secretário-executivo de Direitos Humanos, Diego Barbosa, expôs que é uma satisfação para a SJDH poder promover uma nova edição do curso. "O Governo de Pernambuco tem o claro objetivo de desenvolver a cultura de paz e promover a redução da violência nas comunidades, por meio do diálogo e da cooperação, estimulando a capacidade da população de gerir seus próprios conflitos de maneira participativa, autônoma e pacífica”, expõe. 

 FOTO: Alyne Monyque/SJDH

Assuntos: sedh, curso, direitos humanos, mediacao de conflitos
Compartilhe: Link para o post: