meteorologia

Bacias Hidrográficas

Obra em todo lugar

Veja o que o Governo de Pernambuco está fazendo na sua região.

Blog de notícias

Raposa, gavião, preguiça, papagaios e cascavéis são entregues à CPRH

| Meio Ambiente

raposa

Uma raposa encontrada em um galpão, três papagaios que eram criados em cativeiro, uma preguiça que apareceu em um condomínio, um gavião ainda filhote visto preso em arbustos e duas cascavéis – uma resgatada pelo Corpo de Bombeiros e outra entregue ao mesmo grupamento por um morador. Esses são os novos animais silvestres – encontrados no Recife e municípios da Região Metropolitana – que passarão por avaliação e acompanhamento no Centro de Triagem de Animais Silvestres de Pernambuco (Cetas Tangara), da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), antes de serem devolvido à natureza.

A raposa comum (Cerdocyon thous), que chegou a ser confundida com um cachorro, foi vista na noite da quinta-feira (18) entocada em ferragens de um depósito de uma divisão do Consórcio Grande Recife que fica próximo à Lagoa do Araçá, na Imbiribeira. Foi então resgatada e alimentada. A entrega foi feita na manhã desta sexta (19) pelo supervisor de Manutenção Robson Oliveira no próprio Cetas, no Bairro da Guabiraba, Zona Norte do Recife.

Dos três papagaios-verdadeiro (Amazona aestiva), dois eram criados em Jardim São Paulo, Zona Oeste do Recife, e o outro em Salgadinho, Olinda. As entregas voluntárias foram feitas na sede da CPRH, também nesta sexta (19), pela estudante Renata Vieira e pelo senhor José Geraldo da Silva. No seu caso, Renata contou que os dois papagaios apareceram em Jardim São Paulo há dois meses e foram criados por uma tia, que não sabia tratar-se de crime ambiental. Soube recentemente, quando assistiu a uma reportagem na televisão.

papagaio

Já o senhor José Geraldo relatou que convenceu a mãe, de 85 anos e que criava o papagaio há 15, em Salgadinho, que o melhor para a ave é que fosse criada solta, junto com outras da espécie. Se informou sobre o trabalho da Agência ambiental e formalizou a entrega. Depois de passar pelo Cetas, os papagaios serão incorporados ao projeto Papagaio da Caatinga, que reabilita indivíduos da espécie – ameaçada de extinção – no Sertão pernambucano.

preguiça

GAVIÃO, PREGUIÇA, CASCAVÉIS – Outra entrega desta sexta foi a de uma preguiça-de-garganta-marrom (Bradypus variegatus), adulta, que apareceu em área do Condomínio Privê Dois Irmãos, em Sítio dos Pintos, Zona Norte do Recife. Moradores protegeram o mamífero e um deles, o autônomo Rémulo Valadares, fez o transporte até a CPRH. Já o gavião-carijó (Rupornis magnirostris) foi resgatado pelo biólogo Diego Victor, da Trilogiabio, em área do bairro de Casa Amarela, também na Zona Norte. As duas cascáveis (Crotalus durissus) foram levadas à CPRH por integrantes do Grupamento de Bombeiros de Prazeres, Jaboatão dos Guararapes. A primeira, adulta, foi resgatada, após chamado, no loteamento Guabiraba, no Cabo de Santo Agostinho. A segunda, filhote, foi entregue no grupamento por um morador de Jaboatão.

Assuntos: semas, cprh, cetas tangara
Compartilhe: Link para o post: